5 maneiras em que você destrói sem querer a autoconfiança de seus filhos

Quando alguém se torna pai ou mãe, dificilmente se quer destruir intencionalmente a autoconfiança dos filhos. Mas sem querer, pode-se prejudicá-los com palavras e atitudes impensadas.

4,055 views   |   67 shares
  • É muito comum, infelizmente, ver pais e mães que, sem querer, destroem a autoconfiança de seus filhos com palavras e atos impensados.

  • Complexos e manias podem acompanhar seus filhos por toda a vida, se a autoconfiança deles for muito prejudicada; por isso, todo cuidado é pouco ao lidar com crianças, desde a mais tenra idade delas.

  • Já foi dito muitas vezes que os filhos podem ser as nossas maiores alegrias ou nossas maiores tristezas na vida, e, sem dúvida, a maneira como agimos com eles quando são pequenos tem muito a ver com quem os nossos filhos se tornarão depois de crescidos.

  • Leia: O problema está em seu filho ou em você? Pais na terapia

  • Ninguém já nasce sabendo ser um bom pai ou uma boa mãe. E não é vergonha nenhuma estudar para aprender: existem excelentes livros, sites e vídeos que ensinam coisas práticas de como agir para que seus filhos se tornem adultos autoconfiantes e equilibrados.

  • Enquanto seus filhos crescem, passando de bebês a crianças, tome cuidado para não cometer alguns desses erros tão comuns, que podem prejudicar a autoconfiança deles. Lembre-se sempre de que a mente (e a memória) das crianças grava tudo o que elas veem, ouvem e sentem. Nem tudo eles vão se lembrar no futuro, mas tudo ficará gravado no seu subconsciente e afetará para o bem ou para o mal os seus passos no futuro.

  • 1. Não chame seu filho de burro

  • Esse é um erro muito comum, quando uma criança faz alguma coisa errada. Não chame seu filho de burro, de feio, de incompetente, de desastrado, nem de ruim. Se o seu filho faz alguma coisa errada, como por exemplo bater na irmãzinha, repreenda o ato dele, dizendo que não é bom e nem bonito se bater na irmã, mas não diga que ele é mau por fazer isso. Condene o ato, não a pessoa de seu filho. Isso faz uma enorme diferença na cabeça da criança, pois se uma criança cresce ouvindo das pessoas nas quais ele mais confia (seus pais) que ele é burro, quão enorme será o dano que tais palavras farão em sua mente, prejudicando toda a sua vida futura!

  • Leia: 7 frases que destruirão os seus filhos

  • 2. Não faça por seus filhos o que eles podem e devem fazer por si mesmos

  • Outro engano comum é querer fazer tudo pelos filhos. Com a melhor das intenções, muitos pais e mães agem de maneira exageradamente protetora e não permitem que seus filhos façam por si mesmos, coisas de acordo com a idade deles, que os ajudarão a se tornarem independentes e seguros. Proteger demais e fazer tudo por seus filhos, e dar tudo o que eles pedem não é prepará-los para o futuro.

  • Advertisement
  • Com sabedoria e supervisão, permita que seus filhos façam as coisas que eles podem fazer. Se errarem não os chame de "burros", mas incentive-os, ensine-os e motive-os!

  • Os seus filhos são o seu maior tesouro, mas você os está criando para a vida e não para serem guardados num cofre.

  • 3. Evite ao máximo gritar com seus filhos

  • Nem sempre é fácil evitar gritar com os filhos, mas quanto menos se fizer isso, melhor. No artigo Mãe que grita: Como vencer a tendência de gritar escrevi a respeito disso. Vale a pena dar uma olhada!

  • 4. Não ridicularize os medos infantis de seu filho

  • Muitas vezes pode-se esquecer de que os filhos pequenos pensam como crianças e não como adultos. Eles têm uma grande imaginação e é excelente que seja assim. Pode acontecer também de terem amigos imaginários ou terem medo de escuro ou de monstros que imaginam existir. Não ria deles por isso, nem os ridicularize. Aja com seriedade, mostrando que leva a sério o que eles imaginam ou sentem, e assim poderá ajudá-los sem destruir a autoestima deles.

  • 5. Não faça comparações de seu filho com seus amiguinhos ou com seus irmãos

  • Outra coisa que pode prejudicar a autoconfiança das crianças é ficar comparando-as com outras crianças. Evite frases do tipo: "Por que você não é tão esperto como seu irmão?", ou "Viu como seu amiguinho é inteligente? Por que você não é igual a ele?", ou ainda: "Como seria bom se você fosse comportado como seu amiguinho!".

  • Não é fácil criar filhos que venham a se tornar adultos equilibrados, tranquilos e felizes. Toda a ajuda deve ser buscada para se obter tal resultado. O mundo está cada vez mais complexo e desafiador para todo mundo.

  • As crianças que crescem sendo valorizadas, amadas e compreendidas por mães e pais pacientes e incentivadores, certamente estarão mais preparadas para enfrentar tal mundo sem medo e com autoconfiança.

  • Leia: 9 erros de disciplina cometidos com frequência que seu filho deseja que você perceba

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Casado, pai de três filhos e avô de quatro netos, estudei oratória e didática. Gosto muito de escrever. Profissionalmente, sou músico e tenho um Sebo Virtual, onde vivo com minha esposa e cercado de livros!

Website: http://blog.higinocultural.com

5 maneiras em que você destrói sem querer a autoconfiança de seus filhos

Quando alguém se torna pai ou mãe, dificilmente se quer destruir intencionalmente a autoconfiança dos filhos. Mas sem querer, pode-se prejudicá-los com palavras e atitudes impensadas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr