Como fazer a transição do trabalho para a vida doméstica

Deixar a profissão de lado para tornar principais os papéis de mãe e dona de casa em tempo integral é um desafio. Essa decisão precisa ser bem pensada para que depois não apareçam arrependimentos e culpas.

238 views   |   shares
  • Sair de uma rotina profissional para um quarto com berço ou uma cozinha cheia de louças não é uma tarefa fácil. Principalmente para as mulheres de hoje em dia que cresceram sendo estimuladas à liberdade econômica. Algumas têm uma profissão porque escolheram, outras trabalham fora por questão de necessidade. Mas todas, em algum momento da vida, terão que se voltar para o lar, às vezes por vontade própria devido ao desgaste do dia-a-dia, outras por causa da chegada de um filho ou até pela perda do emprego.

  • Decisões relacionadas ao bem-estar dos filhos sempre pesam mais. Existem mulheres que se culpam por passarem pouco tempo com os filhos ou por não conseguirem conciliar as tarefas. Voltar para o trabalho de casa se torna a única escolha. Outras mulheres precisam fazer essa adaptação apenas no tempo da licença maternidade, que pode ser de quatro ou seis meses. Independente do tempo planejado para ficar em casa todas terão que se habituar à nova rotina.

  • Para que essa mudança seja sem arrependimentos ou traumas é importante seguir alguns passos.

  • Converse com o seu marido antes de tomar a decisão

  • Se parar de trabalhar for uma preferência da mulher sempre é bom consultar o marido. Veja o que ele acha e pese os prós e os contras. A família é uma unidade, logo é importante saber o que todos pensam sobre as escolhas relacionadas a ela.

  • A questão financeira pesa

  • Se a família já controla o orçamento mensalmente será mais fácil. Mesmo assim terá que preparar um novo quadro de gastos já que a renda cairá. Observar se não há nenhuma prestação alta que conte com parte do salário que deixará de abastecer a casa, como compra de imóvel ou carro, é um passo importante. O erro nesses cálculos pode deixar as contas no vermelho.

  • E quando bater saudade do antigo trabalho?

  • Por isso que a decisão precisa ser bem pensada. Cedo ou tarde essa saudade vai bater e o lado emocional precisa estar bem seguro quanto à mudança. Pense na maravilha de poder ficar com os seus filhos por tempo integral. Você vai efetivamente acompanhar o crescimento, as gracinhas, as primeiras palavras deles...

  • Não deixe os afazeres de casa se tornarem pesados

  • Ninguém gosta de perder o final de semana limpando a casa. Um cronograma com atividades para a semana é uma ótima opção para não se sobrecarregar com o serviço doméstico. Inclua todos da família, as crianças pequenas também podem ajudar. A cozinha e banheiro precisam ser limpos diariamente, mas os outros cômodos podem ser divididos em outros dias. Não se precisa mais do que 15 minutos por dia para dar uma geral na casa e guardar o que está fora do lugar.

  • Advertisement
  • Continue ligada ao mundo

  • Informe-se sobre as notícias em geral e sobre a sua área de atuação. Hoje em dia existem muitos cursos que podem ser feitos on-line. Se preferir procure fazer algo para relaxar, como ler bons livros ou assistir bons filmes. Inclua essas atividades no cronograma da semana para que realmente aconteçam. Talvez você possa descobrir outros dons, como trabalhos manuais, trabalho voluntário na comunidade onde mora, escrever, fotografar...

  • Faça atividades fora de casa

  • Se você tiver crianças, as atividades fora de casa são muito bem vindas. Um passeio num parque já muda o dia. Inclua essas saídas no cronograma de afazeres de casa. Não esqueça do seu marido. Ele também precisa fazer parte dos novos passeios e diversões. Encontrar um grupo de mães ou pais que também deixaram o trabalho em segundo plano é ótimo para que vocês possam trocar experiências.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Caroline é uma jornalista catarinense que optou por ser mãe em tempo integral depois do nascimento dos filhos. Ama escrever e ainda acredita que pode mudar o mundo com isso.

Como fazer a transição do trabalho para a vida doméstica

Deixar a profissão de lado para tornar principais os papéis de mãe e dona de casa em tempo integral é um desafio. Essa decisão precisa ser bem pensada para que depois não apareçam arrependimentos e culpas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr