Uma carta para as mães solteiras

Meninas com idades cada vez menores se tornam mães. Aqui está uma carta com sugestões e ideias para elas.

3,332 views   |   22 shares
  • Uma foto divulgada numa rede social, recentemente, mostrava uma menina de 10 anos de idade no fim de uma gravidez, com as seguintes palavras escritas em inglês, na sua barriga descoberta: "Eu amo ser mãe".

  • Fico imaginando o que deve se passar na mente dessa menina, que ainda é uma criança, ao se tornar mãe de outra criança.

  • Se tornando mães cada vez mais cedo

  • Devido a vários fatores, sendo a desintegração familiar o principal deles, muitas meninas iniciam a vida sexual cedo demais, jogando fora suas infâncias e adolescências, que jamais retornarão.

  • Se você está lendo isso, e ainda dá tempo de você evitar engravidar e se tornar uma mãe solteira, peço-lhe que reflita muito antes de fazer isso porque a responsabilidade de se tornar mãe é tão grande, com consequências tão duradouras para a criança que vai nascer, que simplesmente isso não vale a pena!

  • Leia: O desafio de criar filhas sendo uma mãe solteira

  • Mas se você já está grávida, e vai mesmo se tornar uma mãe solteira, as seguintes palavras são para você:

  • Carta a mães solteiras

  • Ser mãe é se tornar parceira com o Criador, trazendo ao mundo um novo ser que se tornará uma criança e depois uma pessoa adulta, e que fará uma grande diferença na vida de tantas pessoas à sua volta.

  • Ser mãe é se tornar aquela luz que brilhará mais forte aos olhos do recém-nascido, e tal brilho poderá ser opaco ou brilhante, forte ou fraco, beneficiando ou prejudicando a criança, que carregará por toda a sua vida as influências que tiver quando ela era bem pequenininha.

  • Ser mãe, e ser mãe solteira, é um desafio maior ainda do que ser mãe em condições mais normais, porque você não terá ao seu lado, pelo menos temporariamente, um homem que a ampare e divida com você os desafios gigantescos de uma maternidade.

  • Ser mãe também é uma grande bênção, e uma vez que a criança nasça, você deve fazer o possível e o impossível para agasalhar física e emocionalmente seu filho, pois ele será o seu maior tesouro e também sua maior alegria ou seu maior pesadelo quando crescer.

  • Busque ajuda onde for possível e esteja receptiva a conselhos de seus parentes e de outras pessoas, tais como profissionais da área da saúde e de acompanhamento familiar, esquecendo o orgulho e pensando principalmente no bem-estar do seu filho, que agora é seu bem mais precioso.

  • Advertisement
  • Sua influência como mãe durará para sempre, por isso seja cautelosa com o que fará, dirá e mostrará ao seu filho. O seu exemplo brilhará tão forte para ele e seu amor será tão importante para o desenvolvimento emocional do seu bebê, que você nem faz ideia!

  • Leia: Querida mãe sozinha...

  • Em todas as decisões que tomar daqui para a frente, pense antes no seu filho, analisando bem se o que você vai fazer é o melhor para ele. Os seus desejos como mulher jovem devem vir agora em segundo lugar, pois ser mãe é isso: colocar seu filho sempre em primeiro lugar, dando até a sua própria vida por ele, se for preciso.

  • As bênçãos da maternidade, seja ela em que condição for: mãe solteira ou mãe casada, são inúmeras. Esteja preparada, por exemplo, para sentir uma alegria enorme quando seu pequeno bebê der o primeiro sorriso para você ou quando ele chamar você de mamãe ou quando ele caminhar vacilante para seus braços quando estiver aprendendo a andar.

  • Sim, ser mãe é uma grande responsabilidade, mas também é uma grande alegria, e essa bênção não pode ser igualada com nada debaixo desse sol que nos ilumina.

  • Seja feliz com seu filho, e que ele seja sempre uma grande bênção em sua vida!

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Casado, pai de três filhos e avô de quatro netos, estudei oratória e didática. Gosto muito de escrever. Profissionalmente, sou músico e tenho um Sebo Virtual, onde vivo com minha esposa e cercado de livros!

Website: http://blog.higinocultural.com

Uma carta para as mães solteiras

Meninas com idades cada vez menores se tornam mães. Aqui está uma carta com sugestões e ideias para elas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr