Minha filha adolescente está grávida. E agora?

Um belo dia você descobre que sua filha adolescente, sua menininha está grávida. E agora? Calma, não entre em pânico e tente seguir os conselhos abaixo.

5,586 views   |   20 shares
  • Não costuma ser fácil para uma mãe ou pai descobrir que sua menininha que até poucos dias tinha que ser mandada a cuidar de suas coisas, ir para a escola, tinha medo de pegar um ônibus sozinha, que mal sabe cozinhar e ainda dorme com a luz acesa, já tem uma vida sexual e, para complicar ainda mais, vai ser mãe.

  • Acaba por se tornar um processo de luto. Sim, luto, pois há uma morte. A morte da inocência da filha.

  • Um misto de medo, vergonha, sensação de fracasso e espanto pode fazer com que muitos pais se recusem até mesmo a olhar para sua filha. A pergunta que se insinua é: "Onde foi que eu errei?". Evite tais pensamentos, pois achar culpados, além de perda de tempo, não ajudará a enfrentar o problema.

  • Sem dúvida é um momento difícil para os pais, mas ainda mais difícil para a filha. Ela pode estar tendo sentimentos devastadores como medo do que as pessoas dirão, medo do que virá e certamente medo da reação de seus pais e precisa muito de apoio.

  • O que fazer primeiramente?

  • Respire fundo, e evite o longo sermão. Já está feito e os próprios desconfortos e problemas da gravidez, além das privações de sair com os amigos e ter suas atividades normais de adolescente, já serão o suficiente para ensinar à sua filha que essa não foi a melhor opção da vida dela - nesse momento.

  • Como cristã eu creio firmemente que o aborto não deve ser considerado como solução. Além das questões éticas e religiosas envolvidas, pode ser um grande mal para sua filha, pois envolve muitos riscos. Então, esqueça essa ideia caso ela tenha passado por sua mente. Na pior das hipóteses, pode-se considerar dar o bebê para adoção, desde que todos estejam de acordo.

  • Cuidados necessários

  • Certifique-se da gravidez e do estado de saúde de mãe e filho. Leve-a ao médico e faça os exames recomendados. Converse com sua filha e de preferência com o pai do bebê junto. Afinal, é hora de definir como as coisas serão daí em diante e planejar as responsabilidades de cada um, diz Marina Vasconcellos, psicóloga e especialista em terapia de casais e família pela Unifesp.

  • Evite assumir a direção de tudo. Os adolescentes têm que aprender que seus atos trazem consequências e que gravidez na adolescência é algo seríssimo, não é brincar de boneca. Portanto, as responsabilidades com relação à escola, pré-natal, alimentação, horários e repouso adequado são de sua filha e não seus. Apenas supervisione caso perceba que ela não tem maturidade suficiente para lidar com essas responsabilidades.

  • Advertisement
  • Casamento

  • Se sua filha e o pai da criança têm um relacionamento bom e amor mútuo, se querem se casar, pelo menos um dos dois já tem 18 anos e vocês, pais, creem que eles têm maturidade para tal, o casamento deve ser incentivado. Se não for assim, é melhor esperar, pois casamento na adolescência pode se tornar um grande problema que acabará por trazer mais dor de cabeça que a gravidez.

  • Deem todo o suporte que sua filha necessita sem pensar que ao fazer isso está incentivando o comportamento que levou à gravidez. Um abandono, ainda que apenas emocional, nessa situação, pode ser muito pior e levar sua filha a tomar decisões drásticas.

  • Lembre-se, gravidez não é pecado. O sexo fora do casamento sim. No entanto, há algo precioso envolvido: vidas. A vida de sua filha que é também uma preciosa filha de Deus e da criança que ela está gerando. Ambas são preciosas à vista de Deus e devem ser também assim para vocês.

  • Portanto, como pais e futuros avós, não abandonem sua filha, não a maltratem e nem cometam abusos emocionais como jogos de culpa. Discutam com sua filha e o pai da criança como cada um cuidará de sua responsabilidade, quem irá cuidar da criança e se ficarão com o bebê ou darão para adoção.

  • Acima de tudo, lembrem-se que o bebê é parte de sua família e criá-lo ou apoiar de maneira próxima a sua criação poderá trazer alegrias indescritíveis para todos.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.

Website: http://tedandoumaideia.blogspot.com.br/

Minha filha adolescente está grávida. E agora?

Um belo dia você descobre que sua filha adolescente, sua menininha está grávida. E agora? Calma, não entre em pânico e tente seguir os conselhos abaixo.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr