5 benefícios de envolver os seus filhos nas finanças de casa

Se é tabu para brasileiros falar sobre as finanças para os filhos, muito mais será deixar que eles participem das decisões.

512 views   |   3 shares
  • Falar sobre finanças é, na maioria das vezes, incômodo para as pessoas. Envolver os filhos nas finanças de casa é algo quase impossível de acontecer. Porém, os benefícios desta inclusão são muito grandes, para a família e para a criança em formação.

  • 1. Maior controle familiar dos rendimentos e gastos

  • Ao incluir os filhos, pais prestam mais atenção em seus próprios atos a fim de serem um bom exemplo e ensinarem finanças da melhor forma para eles. Fazem um controle de gastos e de rendimentos, procuram viver de acordo com suas condições financeiras e guardam algum dinheiro, nem que sejam moedas, tudo isso para que seus filhos cresçam entendendo a importância desses atos. Isso atingirá toda a vida familiar, com maior controle e divisão justa dos gastos, economias que possibilitarão viagens e realização de outros sonhos, entre outras vantagens.

  • 2. Maior economia

  • Quando os filhos entendem que são responsáveis por aumentar ou não certas contas, como a de luz, por exemplo, se envolvem em economizar com pequenos atos comprovados como evitar uso prolongado do chuveiro, desconectar da tomada aparelhos eletrônicos durante a noite, entre outros. Eles acreditam que essa economia se reverterá em benefícios para todos, e se os gastos forem equilibrados, realmente acontece.

  • 3. Educação financeira para os filhos

  • Eles descobrem que a fonte do dinheiro não é ilimitada e aprendem que se não há controle o dinheiro acaba antes do final do mês. Infelizmente, a educação financeira praticamente não existe nas escolas brasileiras, e cabe aos pais promoverem isso. Há muito que eles podem aprender referente ao assunto, e quanto mais cedo melhor.

  • 4. Os filhos passam a valorizar o trabalho

  • Ao acompanhar os gastos e como o dinheiro entra no âmbito familiar, os filhos começam a entender que o trabalho é essencial para o sustento. Eles valorizam os pais e ajudam em casa para aliviar o fardo. Eles crescem entendendo que precisam se profissionalizar para garantirem um bom sustento para si mesmos e suas futuras famílias.

  • Advertisement
  • 5. Eles ajudam nas situações de crise

  • Educação financeira também é prática. Às vezes a família passa por situações de crise como um desemprego, fatalidades, ou ainda problemas com empregadores. A criança pode participar do plano familiar para enfrentar a fase trazendo ideias que os pais, preocupados com a situação, talvez não enxerguem. Eles compreenderão que alguns itens supérfluos serão retirados durante a fase e aceitarão sem reclamar. Isso funciona com adolescentes também, eles entenderão que alguns gastos precisarão ser cortados e que isso ajudará ao retorno breve pós-crise, o que não aconteceria se dívidas fossem assumidas para que o lazer e outros gastos sejam mantidos.

  • Ao ensinar pelo exemplo e ser sempre aberto nas questões financeiras com os filhos, pais equilibram suas vidas agora e ajudam seus filhos a permanecerem na lista dos bons pagadores quando forem responsáveis por seus próprios gastos.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Clique abaixo para compartilhar

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

5 benefícios de envolver os seus filhos nas finanças de casa

Se é tabu para brasileiros falar sobre as finanças para os filhos, muito mais será deixar que eles participem das decisões.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr