7 motivos que você deve desesperadamente LUTAR para salvar o seu casamento

Nunca é tarde demais para salvar seu casamento. Estes são os 7 motivos para você continuar lutando!

6,111 views   |   51 shares
  • Muitas pessoas decidem se separar por querer sempre a solução mais rápida e fácil. Mas será mesmo que a solução mais fácil é se separar e entrar em outro relacionamento? Tudo que você construiu e tudo que você viveu com o seu cônjuge será jogado fora. Você apenas desistirá de tudo para entrar em um outro relacionamento que terá, se não os mesmos problemas, outros.

  • No livro "The Seven Principles for Making Marriage Work" o Dr. John Gottman mostra através de pesquisas o quão importante é salvar o casamento. Ele diz que as chances do primeiro casamento acabar num período de 40 anos são de 67%. Metade dos divórcios vão acontecer nos primeiros 7 anos de casados. Já no segundo casamento, a probabilidade de divórcio aumenta 10% comparado ao primeiro casamento.

  • Ele também diz que muitas pesquisas mostram que "casais felizes têm menos problemas de saúde como pressão alta, doenças no coração, ansiedade, depressão e vícios."

  • Existem situações que tornam o divórcio inevitável como violência doméstica e traição. Mas em outros casos o divórcio é visto como uma forma de cura e de se resolver conflitos internos e externos. Mas a realidade é que o divórcio não resolve os problemas pessoais e disfunções da relação.

  • Divórcio causa dores profundas para os envolvidos e suas famílias. Então, veja aqui os 7 motivos que mostram que você deve lutar para salvar seu casamento.

  • 1. Os dois estão dispostos a lutar pelo casamento

  • Se o casal está disposto a lutar e se esforçar para fazer com que o casamento dê certo já aumenta muito as chances de que será possível salvar o casamento. Então seria bom você conversar com o seu cônjuge e analisar a situação em que vocês estão. Converse o que vocês estão dispostos a fazer para mudar a situação.

  • 2. Os problemas são externos

  • Analise bem os problemas que estão afetando o seu relacionamento. Estes problemas são externos ou internos? Problemas externos são aqueles que não envolvem o relacionamento em si, como finanças, sogros, etc. Problemas internos são aqueles diretamente ligados ao relacionamento como falta de respeito, agressões, etc. Problemas externos são difíceis de se resolver, mas ainda assim são problemas que podem ser mais bem trabalhados pelo casal. Já com problemas internos as mudanças devem ocorrer dentro de cada um.

  • Advertisement
  • 3. Ainda há respeito e companheirismo

  • Quando os problemas são em maioria externos, é capaz de que ainda haja companheirismo e respeito entre os dois. A comunicação é a forma mais fácil de reaproximação. Façam alguma atividade nova juntos para vocês terem mais oportunidade de passar tempo perto um do outro e analise se ainda há respeito e se vocês ainda gostam de passar tempo juntos.

  • 4. Vocês não se imaginam um sem o outro

  • O pensamento do divórcio pode vir, mas o que tem mesmo que se pensar é se você imagina a sua vida sem ele. Você deve pensar se prosseguir sem ele a faria feliz ou não. Se você não consegue se imaginar sem ele e nem ele sem você é sinal de que o divórcio não é a melhor opção.

  • 5. As coisas começaram a piorar após os filhos

  • Muitas vezes os filhos podem afastar os casais. Filhos deixam os casais estressados e cansados e isso pode causar tensão entre os dois. Isso é comum nos casamentos e ter filhos não deve ser motivo para separar um casal. Vocês devem enfrentar isso juntos e fazer disso um momento de união. O que muitos casais esquecem é que mesmo após o divórcio você ainda terá que manter contado com o seu cônjuge por causa dos filhos.

  • 6. Você sente angústia ao pensar no divórcio

  • Se você se sente angustiado e com muitas dúvidas ao pensar em deixar tudo é sinal de há algumas boas razões pelas quais você acha que deva continuar. Tente pensar em soluções e não apenas nos problemas. Pense o que você pode mudar e o que está faltando para vocês voltarem a serem felizes juntos.

  • 7. O amor já esteve ali

  • Ainda que você pense que tudo acabou e não tem mais volta, se vocês já se amaram, há sempre como fazer com que esse amor volte. Se o relacionamento já foi mais apaixonado há como fazer com que a paixão volte. Então, se em algum ponto do casamento de vocês, você se sentiu amada, não desista, o amor pode voltar.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Rachel De Castro é esposa, escritora e gerente do Familia.com.br, com formação em ciência política. Acredita que o mundo já tem críticos demais por isso decidiu motivar e inspirar pessoas. Para contatá-la, visite seu website.

Website: http://instagram.com/racheldecastro

7 motivos que você deve desesperadamente LUTAR para salvar o seu casamento

Nunca é tarde demais para salvar seu casamento. Estes são os 7 motivos para você continuar lutando!
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr