O casamento é a maior aventura humana

O que deve motivar o casamento é ficar para sempre juntos com a certeza de que a aventura valeu a pena, pois o casal conseguiu penetrar e conhecer verdadeiramente a razão da existência humana.

1,137 views   |   2 shares
  • Immanuel Kant, considerado um dos últimos filósofos do princípio da era moderna fez considerações relevantes sobre o casamento. Ele disse:

  • "Se não tens tempo nem oportunidade para consagrar uma dezena de anos da tua vida a uma viagem em volta do mundo (...). Se te falta, por não teres estudado muito tempo as línguas estrangeiras (...) se não pensa em descobrir um novo sistema astronômico que suprima Copérnico (...). Então, casa-te (...) tu não te arrependerás, pois o casamento é e continuará a ser a viagem da descoberta mais importante que o homem pode empreender. Qualquer outro conhecimento da vida, comparado ao de um homem casado, é superficial, pois ele e só ele penetrou verdadeiramente na existência”.

  • Gosto muito desse pensamento de Immanuel, pois ele diz com clareza o que significa a relação a dois em um casamento.

  • Não me refiro ao tipo de casamento que vemos hoje em dia, em que as pessoas se casam pensando em se separar caso “algo” dê errado.

  • Afinal, se a união acontecer nesses termos, certamente o casamento acabará antes mesmo que possam comemorar o primeiro ano juntos. Pois uma coisa é certa: assim como o sol continua a brilhar acima das nuvens da tempestade, algo sempre vai dar errado.

  • Esteja disposto a ser um aventureiro

  • Refiro-me ao tipo de casamento eterno que é literalmente uma grande aventura. Pois o casal precisará saber lidar com as adversidades. As partes boas sempre serão bem absorvidas e aproveitadas, mas se o casal não tiver a consciência de que o casamento é uma aventura, por vezes prazerosa, por vezes perigosa, não se arrisque, pois fatalmente irá se frustrar e desistir.

  • Imagine um alpinista que deseja o cume mais alto. Se ele não estiver disposto a superar todas as adversidades que sabe que enfrentará, não deve dar o primeiro passo. Mas se estiver consciente e determinado, quando alcançar o cume, mesmo que tenha sofrido dores e perdas no caminho, sempre valerá a pena.

  • Como preparar-se para esta aventura?

  • O casamento e o alpinismo têm muitas semelhanças. Seja na preparação, no conhecimento, na força e determinação e também no ideal que faz uma pessoa desejar enfrentar essa aventura.

  • O alpinista

  • precisa conhecer o local em que irá escalar, ele vai se valer de um mapa do local e opinião de quem já percorreu o mesmo caminho.

  • O casal

  • Advertisement
  • precisa conhecer o que é o casamento, vão precisar de orientação de quem já se casou. O mapa será a história que viu com o casamento de seus pais, avós, tios. Os bem e mal-sucedidos.

  • O alpinista

  • precisa preparar todas as coisas necessárias como alimento, barraca, utensílios em geral, ferramentas e saber como e quando usar cada objeto.

  • O casal

  • também precisa preparar todas as coisas, onde morar e quanto custarão as responsabilidades da vida a dois. E também precisa conhecer as necessidades e limitações um do outro para saber como e quando usar as ferramentas certas.

  • O alpinista

  • precisa estar física e psicologicamente preparado. Deve ter um bom condicionamento físico para ter força e habilidade na escalada e domínio sobre sua mente para superar e não se desesperar nos momentos em que as coisas ficarem mais difíceis.

  • O casal

  • também precisa estar preparado material e psicologicamente para dar conta das responsabilidades materiais e principalmente conseguir driblar as dificuldades de relacionamento que virão. Ter amor, empatia e sabedoria são essenciais para manter o equilíbrio no casamento.

  • Por fim, algo que tanto o alpinista aventureiro como o aventureiro casal que se une em matrimonio precisam é de “FOCO”. O foco do alpinista é o topo da montanha, a superação, a recompensa do esforço e a sensação de vitória. É isso que motiva o alpinista.

  • O foco do casal que se une em matrimonio também é o topo, ou seja, o cume de uma vida a dois juntos, superando as dificuldades. O que motiva o casamento é ficar para sempre juntos e ao olhar para trás ver o quanto construíram e que a aventura valeu a pena, pois os dois conseguiram penetrar e conhecer verdadeiramente a razão da existência humana.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. Casada mãe de 6 filhos, avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitu

O casamento é a maior aventura humana

O que deve motivar o casamento é ficar para sempre juntos com a certeza de que a aventura valeu a pena, pois o casal conseguiu penetrar e conhecer verdadeiramente a razão da existência humana.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr