Conheça os dois maiores riscos de beijar os filhos na boca

Especialistas explicam os perigos e consequências.

496,217 views   |   2,420 shares
  • A Victoria Beckham postou uma foto beijando a boca de sua filha Harper no Instagram. A foto teve muitos comentários dos seus seguidores e causou grande repercussão na internet. Algumas pessoas apoiaram o ato e em forma de aprovação postaram fotos beijando os seus filhos na boca. Já outras repreenderam a ação e falaram que não se deve beijar os filhos na boca.

  • Instagram photo by Victoria Beckham • Jul 10, 2016 at 8:27am UTC
    Instagram photo by Victoria Beckham • Jul 10, 2016 at 8:27am UTC / via Instagram
  • Afinal, é prejudicial beijar os filhos na boca ou não?

  • Pode parecer sexual

  • Charlotte Reznick é professora da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, e autora do best-seller "The power of your child's imagination: how to transform stress and anxiety into joy and success". Ela disse ao site The Sun que beijar os filhos na boca deve ser evitado por ser "muito sexual".

  • Ela diz que a boca é uma zona erógena e que deve-se evitar esse tipo de toque em crianças. Ela comenta que beijos podem ser "estimulantes e potencialmente confusos." Ela acrescenta: "Se a mamãe beija o papai na boca e vice-versa, o que quer dizer quando eu, uma menina ou menino, beijo os meus pais na boca?"

  • Ela diz que pode ser confuso para os pais e filhos a hora de saber quando parar de beijar na boca. O site Daily Mail mostra exemplos de pais que beijam filhos adolescentes e também adultos e não veem problema nisso. O site comenta que mesmo que os filhos ou os pais não sintam que é estranho se beijar, pessoas de fora que estiverem olhando, com certeza, se sentirão constrangidas.

  • A psicóloga Reznick também comenta que aos 5 ou 6 anos a criança começa a ter consciência sexual e como a boca é uma zona erógena, o beijo pode ser estimulante para a criança. Ela diz que "crianças gostam de ser tocadas na testa, bochechas e mãos. Os lábios são diferentes porque há mais nervos e são mais sensíveis à estímulos."

  • Advertisement
  • A psicóloga Margarida Antunes Chagas diz ao site Globo que beijar na boca da criança depende da idade e contexto familiar, mas ela diz que beijar na boca dos filhos é desnecessário já que há outros modos de mostrar afeição por eles, como carinhos, abraços e beijos no rosto.

  • Segundo a psicóloga Antunes Chagas, "(...)crianças muito pequenas talvez não percebam o selinho como algo sexualizado, mas a partir de determinada etapa do desenvolvimento, que acontece em idades diferentes entre as crianças, elas começam a perceber o beijo na boca como algo ligado ao amor romântico."

  • A psicóloga Hilda Avoglia, especialista em desenvolvimento da criança e do adolescente na Universidade Metodista de São Paulo, diz ao site Uol que as crianças podem "associar o beijo na boca com as imagens que assistem na televisão."

  • Questão de saúde

  • Há também os riscos de transmissão de doenças. A doutora em odontopediatria Erika Guimarães diz ao site Uol que "a boca é um dos locais do nosso corpo com maior número de bactérias, e algumas delas podem causar doenças, como a cárie."

  • "Os adultos possuem muitas colônias de bactérias, algumas são benéficas, mas há as que provocam doenças. E quando o bebê nasce, sua boca tem pouquíssimas bactérias e seu sistema imunológico é imaturo. Ao beijar a boca do bebê, o adulto pode transmitir, além de bactérias, vírus e fungos", afirma Érika.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Rachel De Castro é esposa, escritora e gerente do Familia.com.br, com formação em ciência política. Acredita que o mundo já tem críticos demais por isso decidiu motivar e inspirar pessoas. Para contatá-la, visite seu website.

Website: http://racheldecastro.com

Conheça os dois maiores riscos de beijar os filhos na boca

Especialistas explicam os perigos e consequências.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr