Fosfoetanolamina: A “Pílula do Câncer”- funciona mesmo ou não?

A polêmica “Pílula do Câncer” começa a ser testada pra valer. O que podemos esperar de um remédio que têm muitos defensores, mas que a comunidade científica afirma que não serve para nada?

722 views   |   10 shares
  • Tive vários parentes e amigos que morreram de câncer. De vários tipos de câncer: câncer no cérebro, câncer na garganta, câncer no estômago. São muitos os tipos de câncer, mas a Fosfoetanolamina é tida como um remédio para todos eles.

  • Longe de querer polemizar um assunto tão sério, gostaria de falar um pouco sobre essa famosa pílula. E seria maravilhoso mesmo que os testes dessem certo, embora tantos especialistas do ramo digam o contrário.

  • Aprovada pelo governo brasileiro, mas suspensa pelo Supremo Tribunal Federal até que os testes sejam concluídos, a Fosfoetanolamina está começando a ser testada em pacientes pelo Instituto do Câncer de São Paulo, conforme podemos ver numa matéria no vídeo da Globo News.

  • Esta pílula foi produzida em laboratório por um pesquisador aposentado há mais de vinte anos, na USP de São Carlos, Estado de São Paulo. Mais de 20 mil pessoas já usaram esta droga mesmo que ela ainda nem tenha sido testada em humanos, e nem tenha registro na Agência Reguladora Anvisa.

  • Os testes durarão, numa primeira etapa, oito meses, com pacientes que têm a doença em estágio avançado. Se a pílula não apresentar sérios efeitos colaterais, ela depois será testada em pacientes em estágios iniciais de câncer. Se a pílula tiver efeito benéfico, será então produzida em grande quantidade e liberada para uso do público em geral.

  • Fosfoetanolamina: Quem a sintetizou no Brasil e o que é?

  • Segundo o site Hipeness, na matéria "Fosfoetanolamina: a droga brasileira que promete curar o câncer", podemos ler que essa droga "é um composto orgânico, presente no organismo de diversos mamíferos, que ajuda a formar as membranas celulares e possui ainda função sinalizadora, informando ao organismo processos e situações atravessadas pelas células". Gilberto Orivaldo Chierice, o químico que a sintetizou no Instituto de Química de São Carlos, distribuiu essa droga gratuitamente por mais de 20 anos, e a procura foi imensa. Muitos dos que a tomaram relataram depois que tiveram melhoras significativas.

  • Proibida em 2014 no Brasil, começaram a chover liminares para que pacientes de câncer pudessem utilizá-la. Devido à pressão enorme, agora a Fosfoetanolamina está sendo testada no Brasil, para que possam ser comprovados ou não os efeitos benéficos sobre todos os tipos de tumores, e depois poder ser liberada a produção em larga escala, para que todos os que quiserem, possam utilizá-la.

  • Advertisement
  • Atualmente, só pode ser adquirida no mercado negro, a preços muito elevados, porque só existe no Exterior.

  • A "pílula do câncer": uma promessa para quem sofre

  • Mesmo combatida pelos especialistas e pelas grandes corporações de fabricantes de remédio para câncer, nas redes sociais podem ser encontrados relatos e mais relatos de pessoas que utilizaram a Fosfoetanolamina com bons resultados.

  • Só nos resta torcer e esperar para que os testes aqui no Brasil sejam bem-sucedidos. Se forem, será mais uma esperança para quem sofre dessa terrível doença.

  • Um alerta importante

  • Para quem sofre deste mal, é de que não deve parar o tratamento convencional, receitado pelos seus médicos, e que já vem tomando para só tomar a Fosfoetanolamina (caso venha a consegui-la de alguma forma). E todos devem também tomar cuidado com os espertalhões que vendem qualquer farinha dizendo que é a Fosfoetanolamina. É sua vida que está em jogo. Decisões tomadas só pela emoção podem ter consequências trágicas, principalmente em se tratando dessa doença terrível.

  • Que todos possam ter sabedoria nesse assunto delicado, e que o bem das pessoas seja a maior motivação, e não o dinheiro, quando os testes clínicos terminarem, e se a Fosfoetanolamina for aprovada ou não no Brasil.

  • E que os médicos brasileiros, caso aprovada, e ela seja de alguma forma benéfica, possam usá-la como coadjuvante juntamente com os tratamentos já existentes. Numa luta tão difícil e desafiadora que é a luta contra o câncer, qualquer ajuda que vier, desde que comprovada sua eficácia, sempre será bem recebida, certamente!

  • E mesmo se a Fosfoetanolamina for rejeitada nos testes, quem sofre desta doença deve continuar tendo fé em sua cura, mesmo com os tratamentos já existentes. Quando o diagnóstico de câncer é feito no início da doença, a maioria dos doentes podem ser curados, por isso a importância dos exames preventivos, tanto por parte dos homens, como por parte das mulheres.

  • Que todos deixem os preconceitos de lado e façam seus exames regularmente, pois agindo assim, as chances de se curarem são grandemente aumentadas.

  • Para os homens, exames de sangue específico e de próstata, e para as mulheres, exames de mama e Papanicolau. Assim cada um estará se prevenindo e, caso a doença se manifeste, a cura será muito mais provável.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Casado, pai de três filhos e avô de quatro netos, estudei oratória e didática. Gosto muito de escrever. Profissionalmente, sou músico e tenho um Sebo Virtual, onde vivo com minha esposa e cercado de livros!

Website: http://blog.higinocultural.com

Fosfoetanolamina: A “Pílula do Câncer”- funciona mesmo ou não?

A polêmica “Pílula do Câncer” começa a ser testada pra valer. O que podemos esperar de um remédio que têm muitos defensores, mas que a comunidade científica afirma que não serve para nada?
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr