Os 10 alimentos com maiores riscos de intoxicação alimentar

Intoxicação alimentar é uma ocorrência grave e emergência médica. Saiba onde pode estar o perigo e como evitar.

2,332 views   |   22 shares
  • Intoxicação alimentar é causada pela ingestão de alimentos e líquidos contaminados por microrganismos. Os sintomas são similares a uma virose: causa prostração, desânimo, mal-estar, dor e inchaço abdominal, gases, vômitos e diarreia e em alguns casos coceiras e febre. Se não tratada pode, em casos mais severos, levar à morte, como no caso da intoxicação pela toxina botulínica, produzida pela bactéria Clostridium botulinum.

  • Crianças e idosos estão em maior vulnerabilidade devido ao sistema imunológico nas crianças não estar bem desenvolvido e nos idosos estar debilitado.

  • 1. Bebidas não pasteurizadas

  • Leite ou suco que não passam pelo processo de pasteurização podem conter contaminação e se ingeridos podem causar intoxicação. Principalmente as mulheres grávidas devem evitar leite e sucos não pasteurizados.

  • 2. Ovos

  • Existe o risco de se contrair a bactéria Salmonela, ao ingerir-se ovos crus ou malpassados. Maionese caseira costuma ser feita com ovos crus, por isso deve-se conhecer bem a procedência dos ovos, ou evitar esse tipo de alimento.

  • 3. Embutidos

  • Tais como salames, linguiças, salsichas, etc. Podem ser contaminados com a bactéria listeria no processo de fabricação ou conservação. Além disso, os nitritos e nitratos presentes nos embutidos são considerados altamente cancerígenos. Elimine-os, pois não fazem falta na sua dieta.

  • 4. Enlatados

  • Produtos enlatados ou embalados à vácuo podem ser contaminados se forem processados em ambientes insalubres favorecendo o desenvolvimento da bactéria Clostridium botulinum e a produção de sua toxina, cuja intoxicação pode ser mortal. Evite as latas com tampas estufadas (sinal de contaminação) ou amassadas (exposição aos componentes da lata).

  • 5. Carne malpassada

  • Assim como os ovos, a carne malpassada pode transmitir salmonela e até toxoplasmose (as grávidas devem evitar). As carnes cruas defumadas também estão dentro do risco, como bacon ou presunto de parma. Peixes crus (sushi, sashimi, etc.) também podem ser fonte de intoxicação.

  • 6. Frutas, verduras e legumes não higienizados

  • Deve-se emergir frutas, verduras e legumes em uma solução de água com hipoclorito de sódio ou com a mistura de uma colher de água sanitária para cada litro de água por 20 minutos antes de utilizar. Caso contrário existe o risco de intoxicação tanto por microrganismos quanto por agrotóxicos.

  • 7. Maionese

  • A bomba tóxica geralmente se deve a: maionese caseira (feita com ovos crus), embaladas em bisnagas não esterilizadas e expostas à temperatura ambiente. Na lanchonete ou carrinho de cachorro quente, fique atento às possibilidades de contaminação e prefira sachês industrializados e que não ficaram expostos ao sol.

  • Advertisement
  • 8. Sobras

  • As sobras daquela ceia de Natal ou almoço do Dia das Mães, podem sim serem reaproveitadas, porém não podem ficar expostas à mesa por mais que duas horas. Se ficarem em temperatura ambiente por esse tempo devem ser jogadas fora, pois existe o risco de contaminação pelas bactérias Staphylococcus aureus e Bacillus cereus que causam náuseas, vômito e diarreia intensos. Leve-as para a geladeira antes desse período e descobertas por no mínimo duas horas. Depois tampe-as.

  • 9. Bolo de aniversário

  • Como no caso das sobras, os bolos costumam ficar muito tempo enfeitando a mesa do aniversário, o que segundo o Dr. Bactéria, propicia a proliferação de bactérias e toxinas.

  • 10. Peixes e frutos do mar

  • São os campeões no quesito intoxicação alimentar, por várias razões, entre elas há a possibilidade de água contaminada, exposição ao meio ambiente, manuseio incorreto, etc. Ostras e crustáceos devem ser mantidos em refrigeração e consumidos bem cozidos, evitando vírus como o da hepatite e bactérias que causam intoxicação.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.

Website: http://tedandoumaideia.blogspot.com.br/

Os 10 alimentos com maiores riscos de intoxicação alimentar

Intoxicação alimentar é uma ocorrência grave e emergência médica. Saiba onde pode estar o perigo e como evitar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr