Conheça os maiores perigos para a saúde na hora do parto

Conhecer os perigos para a saúde na hora do parto é um meio de proteção contra eles.

4,417 views   |   15 shares
  • A gravidez é um período de expectativas, sonhos, alegrias e dúvidas que muitas vezes provocam medos, como o tipo de parto, se será normal ou cesariana. Devido a diversas histórias e alguns mitos, surgem muitas incertezas.

  • É importante esclarecer dúvidas com os profissionais especializados no assunto. O ginecologista que está acompanhando sua gestação é a melhor pessoa para lhe ajudar.

  • Existem duas vias de partos, a vaginal e a transabdominal. Os maiores perigos para a saúde na hora do parto são:

  • Cesárea

  • De acordo com o site do Dr. Drauzio Varella, muitos médicos optam pela cesárea por considerarem uma das cirurgias mais seguras e rápidas em benefício deles, já que o parto normal dura em torno de 8 horas, enquanto a cesárea por volta de 45 minutos. Eles também acreditam que possuem mais controle na hora do parto, não pondo em risco a vida da mãe e do bebê, explica à ginecologista e obstetra Alessandra Bedin (Hospital Israelita Albert Einstein).

  • Ela também ressalta que a cesárea pode beneficiar os médicos, porém, pode prejudicar a mulher, pois são realizados cortes em sete camadas de tecido. Nessa cirurgia é feito uma abertura na cavidade abdominal, com uma incisão transversal, um pouco acima do púbis bem próximo de 12 centímetros. Esses cortes estão entre pele, tecido muscular e peritônio até chegarem ao útero e fazerem a retirada do bebê.

  • O parto por cesárea é considerado na medicina uma cirurgia de médio porte, com probabilidade de fluido e perda de sangue, além da mulher também adquirir uma infecção.

  • Parto normal

  • Segundo o site BBC, em entrevista com alguns médicos especialistas, há um perigo muito grande no parto normal se a placenta prévia total se deslocar e bloquear a saída da criança.

  • A criança pode tentar sair com muita força, causando na mãe uma hemorragia gravíssima, que irá impedir que ela e seu bebê sobrevivam durante o parto.

  • A Dr. Alessandra Bedin também explica que o parto normal é o mais seguro, mas que há um risco raro, porém possível, é o da mulher ficar com a bexiga caída.

  • "Quando a cabeça do bebê passa pela pelve, pode ocorrer alguma lesão na musculatura. Mas esse risco nem se compara com os da cesárea", diz a obstetra.

  • Advertisement
  • A posição do feto ou a longitude

  • Conforme o site BR.guia infantil,a posição do feto ou a lonjura podem trazer problemas na hora do parto normal e após o pós-parto, por isso que após a cirurgia, se faz necessário um monitoramento sobre a mulher, para que ela não adquira uma infecção ou problemas físicos que podem surgir.

  • A mulher precisa ser bem cuidada, é essencial que nesse período ela tenha uma higienização maior e também uma boa alimentação, já que sua saúde está mais fragilizada.

  • Os profissionais especializados são os mais capacitados para evitar muitos riscos. A assistência médica durante a gravidez é fundamental, portanto, toda mulher grávida deve fazer seu pré-natal, assim sendo, ela se mantém segura e também mantém seu bebê protegido antes mesmo dele nascer.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Roberta Preto, 33. Formada como tradutora e intérprete, escritora, mãe. Apaixonada pela vida, em uma eterna busca por conhecimento. Espero que minhas palavras possam ser uma luz na vida das pessoas. Sonho em ajudar a humanidade a tornar-se livre da escravidão da ignorância.

Conheça os maiores perigos para a saúde na hora do parto

Conhecer os perigos para a saúde na hora do parto é um meio de proteção contra eles.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr