Somente você pode salvar seu casamento: 3 coisas que você deve fazer e 3 que não deve fazer

Para salvar seu casamento faça 3 coisas simples, de significados profundos, mas jamais faça as outras 3 que podem destruir sua esperança.

7,820 views   |   57 shares
  • Às vezes, os testes da vida a dois são tão desafiadores que muitos desistem da jornada do casamento, abandonam seus lares sem se importar com o sentimento do cônjuge e dos filhos. Quando isso ocorre, a família fica devastada e, como um copo quebrado, fica cacos para todos os lados. Geralmente, os mais prejudicados são os filhos, esses pagam pelos erros dos pais.

  • O casamento é feito de altos e baixos, nem sempre é possível agradar o cônjuge ou mesmo ser agradada por ele. Rupturas aparecem na relação como consequências de coisas mal resolvidas que geraram mágoas e ressentimentos.

  • Muitos se sentem frustrados e desiludidos com a vida que levam, alguns acreditam não haver mais amor na relação.

  • O verdadeiro amor, ele não se acaba diante das dificuldades, ao contrário, quando se escolhe permanecer juntos nos desafios da vida, ele aumenta e torna-se um amor amadurecido. Ambos aprendem, aceitam as diferenças um do outro e enaltecem as qualidades.

  • Para salvar o casamento há 3 coisas boas que o parceiro deve fazer e 3 coisas ruins que ele não deve fazer:

  • Boas

  • 1. Converse com o cônjuge

  • É difícil ouvir ou ter que dizer a verdade, mas a verdade é sempre a melhor escolha. Você tem todo o direito de saber a verdadeira razão de seu cônjuge estar distanciando-se da família.

  • A verdade é sempre a melhor aliada. Se você deseja resgatar seu casamento, procure seu companheiro, diga-lhe que você está disposta a lutar pelo lar que vocês construíram juntos, peça que ele tente mais uma vez.

  • Lembre-se: "O amor é sempre encontrado na verdade."

  • 2. Busque ajuda

  • Mudanças requerem atitudes. Se você quer salvar seu casamento, pondere o que você está deixando de fazer e não o que seu cônjuge já fez para desestruturar a relação de vocês. Esperar que as coisas se resolvam sozinhas e cruzar os braços para os problemas é um erro fatal.

  • Buscar ajuda é fundamental quando o casamento está em crise. Há profissionais especializados e prontos para orientar nas mudanças que você e seu cônjuge precisam fazer para resgatar a relação de vocês.

  • 3. Renove seu casamento

  • Diante das obrigações para com a família, muitos esquecem do cônjuge e até os afastam quando buscam por amor e atenção, ambos tornam-se distantes. Então, os "ventos fortes" do casamento chegam para mudar todo curso, assim é possível que esses casais livrem-se da mesmice e do comodismo que eles mesmos criaram.

  • Casamento entre homem e mulher precisa ser renovado, é preciso um tempo de qualidade para o casal. Eles também precisam ser e estar comprometidos um com o outro para terem entusiasmo e afeição pela relação e, só assim, será possível a renovação do matrimônio.

  • Advertisement
  • Ruins

  • 1. Humilhar-se

  • Levante a cabeça e não se humilhe, nem fique trancada o dia todo no quarto chorando, pois chorar não vai salvar seu casamento.

  • Se você quer salvar sua família, comece a cuidar de você. Valorize-se e mostre a parceira forte que você é, mostre que é madura o suficiente para saber lidar com as decepções e mudanças, assim ele perceberá o quanto está sendo tolo em abandonar essa pessoa maravilhosa que sempre esteve ao lado dele.

  • 2. Decisões precipitadas

  • Se o seu cônjuge cogitou o divórcio, você não deve sair gritando ou contando para toda família como uma pessoa desesperada. Por mais que você se sinta "sem chão", ainda assim mantenha-se com os pés firmes, pois o "chão" permanece aí e você é forte para enfrentar essa situação.

  • Não é bom passar pelas coisas sozinha. Se houver alguém de confiança, busque essa pessoa para se aconselhar. Agora, se você sair falando para todo mundo, haverá muitas pessoas palpitando na sua vida e você pode acabar induzida a fazer ou dizer coisas que não condiz com sua índole. Isso pode destruir a esperança que resta na sua relação com o cônjuge.

  • 3. Desistir de tudo

  • O sofrimento é universal. Há muitas pessoas fiéis à família que tem passado pelo mesmo processo de tentar salvar seu lar.

  • Lutar sem desistir, mesmo quando tudo parecer difícil, ainda vale a pena, quando se trata de salvar não somente seu marido, mas sua família. Faça o seu melhor. Busque, ajude, renove seu casamento e ore para que o Pai Celestial lhe dê forças para vencer o que precisa ser vencido.

  • Entretanto, se a resposta for negativa e o cônjuge escolher o divórcio, não deixe de orar e não desista de sua vida. Aguente firme, a dor é passageira e há dias bons para você viver. Sua dor vai passar e você será muito feliz, porque você merece ser feliz.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Roberta Preto, 33. Formada como tradutora e intérprete, escritora, mãe. Apaixonada pela vida, em uma eterna busca por conhecimento. Espero que minhas palavras possam ser uma luz na vida das pessoas. Sonho em ajudar a humanidade a tornar-se livre da escravidão da ignorância.

Somente você pode salvar seu casamento: 3 coisas que você deve fazer e 3 que não deve fazer

Para salvar seu casamento faça 3 coisas simples, de significados profundos, mas jamais faça as outras 3 que podem destruir sua esperança.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr