6 coisas que precisamos lembrar neste Natal

Neste Natal há muito que podemos fazer e aprender. Sugiro seis coisas para lembrarmos neste período de reflexão.

494 views   |   14 shares
  • Neste Natal há muito que podemos fazer e aprender. Sugiro seis coisas para lembrarmos neste período de reflexão.

  • 1. O aniversariante é Jesus Cristo!

  • Com tantos presentes circulando de mão em mão, luzes coloridas, músicas tocantes, comidas deliciosas e personagens cativantes, pode ser que cheguemos mesmo a esquecer do aniversariante: Jesus Cristo. É Dele a festa, e deve ser dedicada a Ele a nossa maior atenção. Ao fazermos as coisas que Ele nos pediu e cuidarmos mais prontamente uns dos outros, nos tornamos mais semelhantes a Jesus Cristo. Este é o melhor presente que poderíamos Lhe ofertar neste Natal!

  • 2. Somos uma só família!

  • Ainda que fronteiras, línguas e culturas nos distanciem uns dos outros, é importante lembrar que somos uma só família: a grande família humana! Ao compreendermos esta simples verdade, poderemos ter mais bondade, compaixão e compreensão uns para com os outros, desejaremos verdadeiramente a felicidade uns dos outros e seremos mais próximos de nosso próximo neste Natal!

  • 3. No Natal, menos é mais!

  • Estamos habituados à fartura nesta época do ano. É claro que não há nenhum problema em aproveitarmos a comemoração para desfrutarmos dos frutos de nosso trabalho. Porém, infelizmente, alguns se esquecem de que o exagero é algo ruim, sempre. Moderação é a palavra de ordem. Divirta-se, coma de tudo o que lhe convier, mas seja sábio. Ninguém quer passar mal após a ceia de Natal, especialmente se o motivo foi a gula. Além disso, evitar o desperdício de alimento é sinal de inteligência e consciência elevada.

  • 4. A solidão é triste!

  • Um verso de uma famosa canção diz que "a solidão devora". Eu nunca tive a experiência de passar a noite de Natal sozinho. Mas já vivi a maravilhosa experiência de convidar alguém que estava sozinho para estar com a minha família no Natal. Provavelmente, você conhece alguém que esteja só, seja por qual motivo for. Se as circunstâncias não permitirem que esta pessoa esteja com você e a sua família na noite de Natal, você pode convidá-la para o almoço do dia do Natal. A solidão é triste. E tristeza não combina com o Natal. Faça alguém feliz neste dia tão especial, ofertando sua companhia.

  • 5. Compartilhar é bom!

  • Há muito que compartilhar neste Natal. Alimentos, roupas, brinquedos, companhia, palavras afetuosas, sorrisos sinceros e tantas outras dádivas! Há pessoas que necessitam de que alguém compartilhe algo que lhes amenize o sofrimento. Pense em alguém que você possa ajudar com algo que possua (não necessariamente um bem material). Depois, vá até ele e compartilhe isto! Antes, porém, certifique-se de que está fazendo isso com o sincero desejo de fazer alguém mais feliz neste natal, e não apenas para justificar-se perante a sua consciência.

  • Advertisement
  • 6. A gratidão é ouro!

  • Se você tem tudo o que deseja para este Natal, seja grato. Se não tem, seja grato pelo que tem, ainda que seja muito pouco. Se alguém compartilhar com você do seu alimento, da sua companhia, da sua alegria, seja grato. De qualquer modo, seja sempre grato. Alguém já disse que a gratidão é a mãe de todas as virtudes. A ingratidão certamente é a mãe de todos os erros. A gratidão é ouro! Seja grato e será feliz.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Antonio Carlos Lima tem 44 anos. Designer gráfico, possui uma agência digital. Estuda Direito e ama estar com a família. Gosta de política e é atleticano mineiro "de nascença". No seu tempo livre, gosta de ouvir música, ler, escrever e estar com os amigos.

6 coisas que precisamos lembrar neste Natal

Neste Natal há muito que podemos fazer e aprender. Sugiro seis coisas para lembrarmos neste período de reflexão.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr