Como comunicar respeitosamente as suas necessidades no casamento

Se você quer tornar-se mais hábil em não apenas comunicar suas necessidades, mas também atender ? s necessidades do seu cônjuge, aqui estão algumas sugestões.

1,438 views   |   shares
  • Coloque duas pessoas de diferentes origens juntas por um longo período de tempo e você verá que logo surgem diferenças de opinião. Provavelmente verá também diferentes maneiras de abordar um conflito e de comunicar necessidades. Esse é o casamento. Vocês conversam um com o outro diariamente, mas você percebe que o que você diz e como diz pode literalmente ser o fator de diferenciação entre um grande casamento e um apenas tolerável?

  • Se você quer tornar-se mais hábil em não apenas comunicar suas necessidades, mas também em atender graciosamente às necessidades do seu cônjuge, deixe-me oferecer algumas sugestões.

  • Ao comunicar sua necessidade ao seu cônjuge:

  • Seja direto

  • Só porque você diz várias vezes ao dia o quanto você se sente bem tendo uma cozinha limpa, não significa que seu marido, de repente, começará a limpá-la. Você não pode dizer que a falha é dele, quando você falha em comunicar suas expectativas.

  • A melhor maneira de evitar o ressentimento sobre expectativas não atendidas é expressar exatamente o que você quer. Para a mulher que quer mais ajuda em casa, uma abordagem eficaz poderia ser: "Amor, você se importa de me ajudar com os pratos depois do jantar? Seria bom para mim e me ajudando com a cozinha agora, teremos mais tempo para nós dois mais tarde.” Isso convida (sem exigir) seu marido a ajudar. Também comunica que ele é mais importante que a tarefa a ser feita.

  • Tom

  • Segundo o professor Albert Mehrabian, conhecido por suas publicações sobre a importância das mensagens verbais e não verbais, o tom de voz que usamos é responsável por cerca de 35 a 40 por cento da mensagem que estamos enviando. Quando sua esposa lhe pediu para pegar as crianças após o treino de futebol e você disse: "Tudo bem”, você o disse de maneira sarcástica, indiferente, distraído ou sincero? Especialmente quando fala com sua amada, você precisa estar ciente do tom que você usa.

  • No tempo certo

  • Escolha suas batalhas e seu campo de batalha. Se você quer falar sobre assuntos de dinheiro, escolha um momento em que ambos estão em um ambiente livre de estresse e capazes de falar sem distrações - como depois que as crianças foram para a cama. O tempo pode ser a diferença entre se envolver em uma conversa construtiva e a erupção de um vulcão.

  • Quando é você quem escuta a preocupação de seu esposo:

  • Advertisement
  • Apenas ouça

  • Ouvir implica muito mais do que dar alguns “hã-hã” enquanto navega na net. Aqui estão algumas coisas para ter em mente quando o seu cônjuge está falando a você: mantenha o contato visual, ponha de lado todas as distrações (desligue os telefones e TVs), não interrompa, e repita o seu objetivo para evitar mal-entendidos. Muitas vezes achamos que sabemos o que a outra pessoa vai ou está tentando dizer e então o cortamos no meio da frase ou não prestamos total atenção. Especialmente quando se trata da pessoa com quem compartilha sua vida, você precisa mostrar a ela seu amor e atenção, ouvindo e internalizando seus pensamentos e sentimentos - não importa o assunto.

  • Leia aqui para saber mais sobre a escuta eficaz.

  • Confirmar

  • Confirmação ou validação é o último passo para deixar o seu cônjuge saber que você realmente ouviu e quer entender suas necessidades.

  • Mark D. Ogletree e Douglas E. Brinley dizem o seguinte sobre validar os sentimentos do seu cônjuge: "Muitas vezes podemos esquecer a razão de nos comunicarmos um com o outro. Parte da razão de corrermos riscos em compartilhar sentimentos é ter a nossa necessidade de aceitação atendida. Não é suficiente apenas deixar que o cônjuge compartilhe; devemos dar um passo adiante e acolher seu risco em compartilhar seu íntimo conosco.”

  • Você pode responder com algo tão simples como: "Obrigado por compartilhar isso comigo. Adoro ouvir sobre seu dia.” Se discutem assuntos mais importantes, você pode dizer algo como: "Deve ter sido difícil para você compartilhar isso comigo, mas eu estou tão feliz que você o fez ainda que eu não entenda tudo o que você está sentindo agora, mas eu quero e espero que possamos resolver isso juntos."

  • No casamento, você precisa ser cuidadoso sobre o que e como você se comunica com o seu cônjuge. A maioria de nós é muito mais frágil e vulnerável do que deixa transparecer. Lembro-me das palavras de um proeminente defensor da família Thomas S. Monson, “Nunca deixe um problema a ser resolvido se tornar mais importante do que uma pessoa a ser amada.”

  • Daqui para frente, resolva se comunicar de forma mais eficaz começando por expressar suas expectativas com bondade e, em seguida, recebendo as do seu cônjuge com compaixão e amor. Ao fazer isso, vocês não só promoverão uma comunhão mais profunda como marido e mulher, mas também como pai e mãe.

  • Advertisement
  • Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger do original How to respectfully communicate your needs in marriage, de Debbie Sibert.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Debbie Sibert é mãe de dois filhos, e nas horas vagas adora blogar sobre os loucos e alegres momentos da maternidade.

Como comunicar respeitosamente as suas necessidades no casamento

Se você quer tornar-se mais hábil em não apenas comunicar suas necessidades, mas também atender ? s necessidades do seu cônjuge, aqui estão algumas sugestões.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr