7 passos para lidar com a raiva

Extravasar o sentimento ou engolir e deixar para lá? Ambas as situações podem fazer com que você crie mais problemas, o melhor a fazer é aprender a controlá-la sem deixar que ela lhe controle.

2,099 views   |   14 shares
  • Todo mundo, alguma vez na vida, já sentiu essa forte emoção que toma conta de nossa razão e nos impele a agir de uma forma que, em sã consciência, jamais agiríamos.

  • A raiva, um sentimento muito estudado pelos psicólogos, atinge crianças, jovens e adultos de todas as idades e é considerada como uma emoção inata ao indivíduo em si. Segundo o psicólogo americano, Brad Bushman, liberar a agressividade que a raiva impulsiona é como apagar o fogo utilizando gasolina.

  • Por outro lado, engolir toda essa emoção também pode fazer muito mal à própria saúde. Neste caso, o que há de melhor a se fazer?

  • 1. Não negue o sentimento

  • O melhor a fazer é aceitar que você está naquele momento com raiva pela situação, e a partir de então procurar acalmar-se. Negar o sentimento pode torná-lo ainda mais forte e persistente.

  • 2. Não alimente o sentimento

  • Você já assumiu o que está sentindo, portanto, agora é hora de não pensar mais sobre ele nem tocar no assunto que lhe deixou assim, deixe que esta emoção se acalme lentamente.

  • 3. Dê um tempo para si

  • Para que não tome atitudes que poderão prejudicá-lo ou tornar as coisas ainda mais difíceis, afaste-se. Dê um tempo para si.

  • 4. Faça algo que goste

  • Por um momento tente esquecer aquilo que gerou sua fúria e se dedique a algo que lhe dê prazer, algo que realmente goste de fazer. Depois, com a cabeça mais descansada, você vai olhar para o problema de uma outra forma.

  • 5. Respire

  • A respiração adequada ajuda a acalmar, portanto, dedique um tempo aos exercícios respiratórios que poderão lhe ajudar neste momento mais tenso.

  • 6. Reflita

  • Depois de se sentir mais calmo e tranquilo tente observar a situação de um outro ângulo e encontre outras formas de agir perante o fato. Esse exercício pode lhe ajudar em outros momentos de fúria.

  • 7. Busque auxílio

  • Caso você se sinta constantemente envolvido por este sentimento, reflita sobre o auxílio de um profissional da saúde para ajudá-lo. Muitas vezes conversar com um psicólogo é o que lhe falta para aprender a controlar melhor este sentimento.

  • Encontrar o equilíbrio em relação aos sentimentos é aprender a colocá-los em seu devido lugar. Antes de deixar a raiva tomar conta de seu momento, pense se de fato aquilo é e será importante para você, se fará diferença em sua vida agora e no futuro.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Renata Finholdt é formada na área de Recursos Humanos com enfâse em treinamentos.

7 passos para lidar com a raiva

Extravasar o sentimento ou engolir e deixar para lá? Ambas as situações podem fazer com que você crie mais problemas, o melhor a fazer é aprender a controlá-la sem deixar que ela lhe controle.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr