Conheça os 5 sinais da insolação e proteja o seu filho

Pais, entendam os sintomas da insolação e estejam atentos.

971 views   |   8 shares
  • Crianças adoram brincar, correr, e, nos dias quentes, passar o dia inteiro na piscina não parece ser nada mau para elas. A exposição ao sol dos pequenos deve ser supervisionada, pois pode trazer consequências muito ruins para a saúde deles. A insolação ocorre quando há uma exposição prolongada ao sol, que resulta em uma alteração drástica na temperatura do corpo e uma perda excessiva de líquido. As crianças têm mais riscos de sofrer deste problema, portanto, deve-se haver cuidados especiais. Saiba aqui cinco sinais de que seu filho está sofrendo de insolação.

  • 1. Temperatura corporal de 39,5°C ou mais

  • A insolação causa justamente um aumento muito grande de temperatura no corpo, bem acima dos limites. O site InfoEscola diz que, habitualmente, o organismo é resfriado por meio da transpiração, contudo, em algumas situações, apenas a transpiração não é suficiente. Nessas situações, a temperatura corporal de um indivíduo pode elevar-se com rapidez, podendo danificar o cérebro e outros órgãos vitais.

  • 2. Desidratação

  • O corpo está programado para fazer de tudo ao seu alcance a fim de manter a temperatura corporal ideal, por isso é que em dias quentes transpiramos. No caso de uma insolação, pode-se perder uma quantidade elevada de líquido através do suor, e, se esse líquido não for reposto, o resultado será a desidratação.

  • 3. Pele vermelha, quente e seca

  • A pele pode ficar avermelhada, quente e seca por causa da longa exposição ao sol, que pode até ocasionar queimaduras. Por isso é tão importante aplicar um filtro solar adequado para a sua pele, pelo menos quinze minutos antes de se expor aos raios solares, para que sua pele possa fazer a absorção necessária do produto. O produto deve ser reaplicado de duas em duas horas.

  • 4. Dor de cabeça

  • A neurologista Célia Roesler, informa que há um sistema inflamatório que causa a dor latejante em toda a região da cabeça. Mudanças bruscas de temperatura, como sair da exposição ao sol e ir a um local com ar-condicionado, por exemplo, também contribuem para este incômodo. A longa exposição ao sol faz com que as artérias e veias que se localizam perto do couro cabeludo se dilatem e gerem dores.

  • 5. Mal-estar

  • Neste vídeo, o clínico geral e geriatra, Paulo Camiz, explica que a longa exposição aos raios solares pode causar uma inflamação na pele, demandando assim uma grande quantidade de fluxo de sangue para reparar os danos, que então fará falta em outros lugares do corpo. Neste processo, os sistemas cardiorrespiratório e neurológico são os que mais se prejudicam, por isso os sintomas de mal-estar, enjoos, náuseas e perda de consciência são possíveis.

  • Advertisement
  • Pais, estejam atentos aos seus filhos. Um passeio ou até um período de férias podem acabar sendo nada divertidos sem alguns cuidados básicos. Evitem se expor ao sol entre as 10h e 16h, usem sempre filtro solar, bebam água constantemente, comam alimentos nutritivos e leves, e usem roupas de cores claras e que sejam de tecidos leves. Lembrem-se de que insolação pode acontecer com todos nós, mas crianças e também idosos merecem cuidados especiais.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Fernanda de Borba é estudante de Administração de Empresas, recém-casada, apaixonada por observar, calcular e escrever.

Conheça os 5 sinais da insolação e proteja o seu filho

Pais, entendam os sintomas da insolação e estejam atentos.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr