Nova pesquisa revela que animais de estimação podem curar doenças emocionais em crianças

Ter um animal de estimação em casa pode ser o que você precisa para resolver os problemas dos seus filhos. Confira esta pesquisa.

1,213 views   |   19 shares
  • Um Estudo realizado pela Universidade de Cambridge, com crianças de 77 famílias que possuem um ou mais animais de estimação, revelou que as crianças podem possuir laços afetivos mais fortes com seus animais de estimação do que com a própria família.

  • De acordo com a Professora Claire, que liderou a pesquisa publicada no Journal of Applied DevelopmentalPsychology, o fato de o animal de estimação não responder verbalmente os estímulos e as brincadeiras, o torna mais confiável para as crianças, pois entendem que esses (os animais) não fazem julgamentos também das suas ações, quer elas estejam certas ou erradas.

  • O pesquisador Matt Cassels, afirma que os pets ou animais de estimação contribuem fortemente para um desenvolvimento infantil mais saudável, bem como pode amparar o desenvolvimento emocional atual e futuro das crianças, pois desencadeiam um bem-estar psicológico importante.

  • Tipos de problemas emocionais nas crianças

  • Os problemas traumáticos, infelizmente, parecem cada dia mais frequentes nas crianças, causados muitas vezes por fatores estressores dentro do lar (uma separação, brigas frequentes, etc.), na escola (colegas tirando sarro, professores mal preparados) ou na sociedade, onde a criança pode ter dificuldades de adaptação.

  • Na visão da psicologia, o comprometimento do trauma vai depender da intensidade, bem como da capacidade de cada criança em resolver e elaborar psicologicamente uma saída para a situação ocorrida.

  • A solução

  • Esse escape, saída, e solução antecipada para evitar a formação de um trauma, pode ser trazido pela pesquisa mencionada acima, pela simples e linda amizade que uma criança consegue construir com seu animal de estimação.

  • Essa interação contínua pode ajudar a criança a concentrar sua energia nas brincadeiras que realiza com seu bichinho, e esquecer-se do que acontece a sua volta, elaborar uma maneira inteligente de proteger seu psiquismo (mente) das coisas que acontecem a sua volta.

  • A pesquisa mostrou também que as 77 crianças estudadas preferiam brincar com seus animais quando se sentiam tristes, do que com seus irmãos ou amigos. Isso porque o animal de estimação cedia às vontades da criança e fazia exatamente o que a criança desejava pelo menos naquele momento.

  • Advertisement
  • Os animais de estimação, conforme comprova a pesquisa, auxiliam, portanto, as crianças de todas as idades, na formação de sua resiliência, que é a capacidade de se recuperar de uma adversidade vivida, de lidar com seus próprios problemas e encontrar soluções saudáveis para continuar.

  • Então, se vocês pais estão preocupados com seus filhos, e alguns problemas emocionais que esses possam estar enfrentando, experimente dar a eles um bichinho de estimação como presente e estímulo, podem sentir os resultados mais rápidos do que vocês imaginam.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Bacharel em Direito, Mediadora e Conciliadora de Família, realiza palestras para noivos e recém-casados sobre relacionamentos, especialista em Psicologia Jurídica, esposa, mãe e genealogista.

Nova pesquisa revela que animais de estimação podem curar doenças emocionais em crianças

Ter um animal de estimação em casa pode ser o que você precisa para resolver os problemas dos seus filhos. Confira esta pesquisa.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr