Nunca faça estas 3 coisas quando um homem lhe abandonar

O abandono é um ato de covardia que provoca dores profundas, algumas incuráveis, mas, mesmo que você tenha sido abandonada por seu cônjuge, jamais faça estas 3 coisas.

52,191 views   |   261 shares
  • Tenho conhecido pessoas incríveis ao longo de minha vida. Mulheres que fizeram me espelhar nelas devido à coragem e atitude delas diante dos desafios da vida. Enfrentaram batalhas terríveis, mas foram valentes em tudo. Algumas chamo de família, e outras amigas queridas.

  • Todas essas mulheres citadas acima tiveram uma dor parecida: elas foram abandonadas por seus cônjuges da forma mais dura e cruel, elas foram traídas, maltratadas.

  • Algumas dessas mulheres sofreram perdas significativas, como a morte de seu bebê, devido ao espancamento sofrido pelo cônjuge. Muitas enfrentaram a violência física e verbal, elas foram destruídas emocionalmente, contudo, se reergueram. Infelizmente, algumas deixaram esta vida, outras permanecem. Há aquelas que se casaram novamente, e outras que decidiram ficar sozinhas, pois suas feridas foram tão profundas que mesmo após longos anos elas não cicatrizaram.

  • Uma das coisas mais intrigantes nestas mulheres é que elas, sob nenhuma hipótese, fizeram estas 3 coisas quando foram abandonadas. São elas:

  • 1. Implorar que o marido volte

  • Uma delas me disse que jamais implorou que ele voltasse porque essa foi uma escolha que ele fez sozinho. Ele tinha todo o amor e cuidado no lar, mas se o amor da família - que é sagrado - e sua lealdade a ele não foi o suficiente, nada mais o seria para ele, porque o egoísmo e a covardia dele eram maiores que os sentimentos que ele tinha por sua família, pois quem ama escolhe ficar e nunca partir.

  • 2. Expor sua separação

  • Todas as minhas amigas disseram que por mais difícil que fosse abrir o Facebook ou Instagram e ver os ex-maridos com mulheres, ou curtindo com os amigos, enquanto elas estavam lá, dando duro para manter o lar em pé, ocupando o lugar vazio que eles deixaram, mesmo assim, elas mantiveram o controle da situação e não xingaram e nem fizeram comentários que pudesse denegrir a imagem delas e dos filhos. Seus maridos haviam tirado muito delas, entretanto, elas não iriam permitir que eles roubassem a dignidade delas.

  • 3. Agredir

  • Na hora da raiva é difícil manter o controle, porém, é preciso. Essas são palavras de mulheres que foram traídas. Uma de minhas amigas contou-me que quando pegou seu marido com uma amante teve o desejo de agredi-lo a ponto de sangrá-lo, mas ela se controlou porque pensou nos filhos. Se ela fizesse aquilo, poderia ser presa, pois com a raiva que estava ela cometeria uma tragédia, sendo assim, manteve a postura e entrou com o pedido de divórcio.

  • Advertisement
  • Hoje ela sente-se aliviada e grata por ter se controlado. Os filhos estão muito bem-criados e ela encontrou um novo amor que a respeita e a ama o tanto que ela merece.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Se gostou, compartilhe o artigo...

Roberta Preto, 33. Formada como tradutora e intérprete, escritora, mãe. Apaixonada pela vida, em uma eterna busca por conhecimento. Espero que minhas palavras possam ser uma luz na vida das pessoas. Sonho em ajudar a humanidade a tornar-se livre da escravidão da ignorância.

Nunca faça estas 3 coisas quando um homem lhe abandonar

O abandono é um ato de covardia que provoca dores profundas, algumas incuráveis, mas, mesmo que você tenha sido abandonada por seu cônjuge, jamais faça estas 3 coisas.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr