Educação: 8 chaves para o sucesso

Muitas pessoas ainda não entendem a verdadeira importância de se adquirir conhecimento. Adquirir instrução não significa acumular certificados, mas realmente desenvolver habilidades e saberes.

798 views   |   19 shares
  • A necessidade de qualificação, formação e instrução para o sucesso profissional nos dias de hoje é evidente. É necessário ter um currículo cada vez mais rico se quisermos ter um bom emprego. No entanto, o que muitas pessoas ainda não entendem é que não se trata apenas de ter um currículo repleto de cursos e uma coleção de certificados. Os brasileiros, em especial, parecem ainda não ter entendido a importância de adquirir conhecimento de fato. As pessoas não se importam realmente em aprender as coisas, mas veem a aprendizagem como uma mera burocracia para se adquirir um certificado. É o certificado, o diploma, a declaração o que as pessoas querem. Não admira que venha crescendo tanto a procura por cursos rápidos e aprendizagem "acelerada". E sempre que é possível, dá-se um jeito de cortar caminho, pular as aulas.

  • Os certificados e diplomas abrem as portas. Mas quem garante que você permanecerá dentro é o conhecimento, são as habilidades, é a verdadeira qualificação. O que diferenciará o bom e o mau profissional será o que ele sabe e o que não sabe fazer.

  • Se quisermos realmente ser bem-sucedidos, precisamos aprender a valorizar o conhecimento. As seguintes ideias serão úteis para você desenvolver o máximo de seu potencial.

  • 1. Desenvolva o gosto por aprender

  • Você deve querer aprender tudo que for possível. Toda oportunidade de participar de aulas, palestras, treinamentos e formações deve ser aproveitada. Use sempre um caderno de anotações. Anote tudo. Faça anotações de uma forma que facilite a sua compreensão e que o ajude a se lembrar das informações posteriormente.

  • 2. Desenvolva o gosto pela leitura

  • A boa leitura muda nossa vida. A leitura muda nossos hábitos, nosso modo de pensar e nosso modo de ver a vida. Precisamos ler bons livros, jornais e websites. A internet tem um acervo gigantesco de conhecimento que pode ser muito enriquecedor se for bem explorado. Leia sempre. Se você desenvolver o hábito de ler diariamente, mesmo que a princípio não goste muito, acabará aprendendo a gostar da leitura. Estabeleça uma meta de quantos livros lerá por mês e por ano.

  • 3. Reflita sobre o que aprende

  • Lembre-se: informação não é o mesmo que conhecimento. A informação é um dado, algo que se pode memorizar e compartilhar. O conhecimento é a informação processada pelo cérebro. A informação passa a ser conhecimento quando faz sentido para nós, quando pode ser aplicada à vida. Reflita sobre o que leu, ouviu ou estudou. Pense em como o conhecimento adquirido pode ser posto em prática. Ensine o que aprendeu a alguém. Quando explicamos o que aprendemos, o conhecimento se fixa na mente e dificilmente será esquecido.

  • Advertisement
  • 4. Faça cursos on-line e assista a vídeos de aulas

  • Há uma enorme quantidade de cursos gratuitos on-line. Muitos deles exigem pagamento apenas para a emissão de certificados. Não se preocupe com o certificado, mas em aprender coisas novas. Faça quantos cursos for possível. Diversifique seu conhecimento.

  • Existem também milhares de videoaulas gratuitas na internet. Os vídeos têm uma vantagem em relação às aulas presenciais, pois você pode pausá-los, voltar e ver quantas vezes quiser, especialmente se tiver alguma dúvida. Explore ao máximo os recursos que a internet oferece.

  • 5. Desenvolva a autodisciplina

  • Seja disciplinado. Tenha controle sobre si mesmo. Estabeleça suas próprias regras e as respeite. Defina horários específicos para o estudo. Estabeleça metas de aprendizagem. Mantenha seu material de estudo sempre muito organizado. Desenvolva o hábito de estudar sentado, em uma mesa de estudo, e não deitado na cama. Mantenha-se atento. Não deixe que as distrações tirem seu foco. Quando estiver estudando pela internet, não abra redes sociais ou outros sites de entretenimento. Concentre-se no que está estudando. De preferência, evite estudar com a televisão ligada. Cobre de si mesmo e exija resultados, porém, sempre com moderação. Não exija demais de si mesmo. Saiba o momento de parar, descansar, dormir e se divertir.

  • 6. Aprenda outros idiomas

  • Tenho visto pessoas desesperadas à procura de cursos de inglês. Algumas dizem que estão perdendo grandes oportunidades de trabalho por não saber falar inglês, outras dizem que estão perdendo oportunidades de promoção. Outras ainda estão sendo pressionadas em seus empregos para aprender inglês, sob ameaça de demissão caso não o façam. Isto porque o conhecimento de inglês é cada vez mais essencial no mercado de trabalho. Não apenas para trabalho, mas para termos acesso a bens culturais, para viajar, para ampliar as possibilidades de estudar e adquirir novos conhecimentos. O inglês é hoje uma língua de comunicação internacional, não é somente a língua falada nos EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália etc. Mesmo se você não pretende jamais viajar para algum país de língua inglesa, você precisa do inglês.

  • Há muitos cursos gratuitos, presenciais ou via internet, e cursos que não custam caro. Não se limite, no entanto, a algumas horas de aulas por semana. Assista a vídeos, participe de grupos de bate-papo em inglês, procure formas diferentes de praticar durante a semana. Só se aprende uma língua praticando.

  • Advertisement
  • O inglês é hoje uma língua muito importante, mas você estará um passo à frente se aprender outras línguas, como espanhol, francês e mesmo mandarim.

  • 7. Procure desenvolver novas habilidades

  • Aprenda a fazer coisas diferentes. Não se limite a um único ofício, a uma única profissão. O mercado de trabalho é muito inconstante, e você corre o risco de perder o emprego e ter dificuldade de encontrar outro em sua área. Aprenda coisas novas, familiarize-se com as novas tecnologias, como os computadores e smartphones. Mantenha-se informado sobre as profissões que estão em alta e esteja aberto às mudanças e às novidades.

  • 8. Ensine seus filhos a gostar de aprender

  • Se você tem filhos, prepare-os para o sucesso. Ajude-os a desenvolver o gosto por aprender. Incentive-os a assistir a programas educativos na televisão. Desperte neles a curiosidade e o gosto pela experimentação. Presenteie-os com livros, leve-os para visitar bibliotecas. Se você os ensinar a gostar de aprender, se fizer com que vejam a aprendizagem não como uma obrigação, mas como um prazer, não terá que se preocupar com seus estudos e com suas notas. Eles estudarão por prazer e não por obrigação. Eu cresci assistindo a bons programas educativos. Durante anos de minha vida, nunca me preocupei em me matar de estudar para provas, porque eu gostava de aprender. Até hoje, estudar é para mim um prazer. Incentive isto em seus filhos.

  • Se você buscar constantemente novos conhecimentos e novas habilidades, não há dúvida de que será um profissional bem-sucedido e valorizado. Faça do conhecimento uma prioridade em sua vida.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Bruno F. de Lima é bacharel pela Universidade Federal de Pernambuco, professor de Inglês e Português, poeta e escritor.

Educação: 8 chaves para o sucesso

Muitas pessoas ainda não entendem a verdadeira importância de se adquirir conhecimento. Adquirir instrução não significa acumular certificados, mas realmente desenvolver habilidades e saberes.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr