Estudo mostra que as mães DEVEM limpar a chupeta do bebê com a própria saliva

Os benefícios para o bebê são surpreendentes!

6,764 views   |   55 shares
  • Que mãe nunca pegou rapidamente uma chupeta que acabou de cair no chão e colocou-a na própria boca para limpá-la antes de dar ao seu bebê? Essa prática antiga e bem comum - vista, muitas vezes, como nojenta e perigosa - tem sido incentivada por médicos e pesquisadores nos últimos anos. Estudos comprovaram que, o que se pensava trazer riscos ao bebê, na verdade, traz benefícios à sua saúde.

  • O que dizem os pesquisadores

  • Especialistas da Cambridge University e da University College London disseram que quando se esteriliza uma chupeta, as bactérias benéficas para o organismo são mortas. Elas são essenciais para fortalecer o sistema imunológico da criança. É a popularmente conhecida "Vitamina S" (sujeira).

  • Segundo o site The Telegraph, o professor Graham Rook disse que "se os pais pegarem a chupeta de imediato e esterilizá-la ou substituí-la por uma nova e limpa, a criança tem uma chance consideravelmente maior de ter eczema e asma". Por outro lado, sugar a chupeta do bebê antes de pô-la na boquinha dele faz com que a criança tenha 63% a menos de chances de ter eczema, 88% a menos de ter asma e menos probabilidade de desenvolver outras alergias.

  • Outras maneiras de fortalecer o sistema imunitário da criança

  • Vários pesquisadores dizem que, para produzirem anticorpos, também é importante que as crianças brinquem ao ar livre, tenham contato com a terra, beijem as pessoas e tenham animais de estimação.

  • E a mamadeira?

  • O pediatra Ricardo Simões disse à Revista Crescer: "A partir dos 7 meses, o bebê está mais resistente, quer começar a engatinhar, já tem um contato maior com o ambiente, por isso a esterilização não precisa ser tão frequente". É quando o contato com as "sujeirinhas" passa a ser importante, pois estimula seu sistema imunológico.

  • Advertisement
  • Outros especialistas dizem que a partir dos 3 meses não é mais necessário esterilizar os objetos do bebê. Água e sabão são suficientes.

  • Sobre sugar a chupeta da criança, é importante salientar que o contato com a saliva do adulto pode favorecer a transmissão de cárie e de doenças virais, como a gripe. Portanto, se a mãe estiver gripada ou tiver qualquer doença transmissível via saliva, essa prática não é indicada.

  • Para mais dicas de saúde para bebês

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.

Website: http://erikastrassburger.blogspot.com.br/

Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr