Nem mesmo o médico acreditou no que o ultrassom desta grávida mostrou após 8 anos de infertilidade

Imagine uma probabilidade de 1 em 70 milhões de algo acontecer. É como um milagre e aconteceu com essa mulher.

73,751 views   |   201 shares
  • My sissy came to help find heartbeats yesterday! 😊💜💛 #gardruplets

    A post shared by Gardruplets (@gardnerquadsquad) on

  • Ashley e Tyson Gardner, um casal do estado de Utah, Estados Unidos, sonhavam em ter um bebê. Foram 8 longos anos de tentativas que terminavam em decepção. Não era fácil para o casal ver seu sonho não se realizar, mas eles jamais perderam a fé e Ashley decidiu divulgar sua história para dar esperança a outros casais que lutam contra a infertilidade.

  • Advertisement
  • Finalmente, em 2014 o casal conseguiu dinheiro suficiente para uma fertilização in vitro. Após os procedimentos necessários, o médico ligou para Ashley e disse-lhe que seus óvulos estavam comprometidos devido à endometriose e que somente dois embriões poderiam ser aproveitados.

  • These are our miracles!!!! 1 week old today!!! Crazy!! #gardruplets #gardnerquadsquad

    A post shared by Gardruplets (@gardnerquadsquad) on

  • Decorrido o tempo de espera - cerca de 10 dias para saber se havia dado certo o procedimento, ou seja, que a gravidez de fato ocorrera, o casal foi fazer o ultrassom que mostraria o resultado tão aguardado. Tyson, o marido, programou uma sessão de fotos para capturar cada reação de Ashley enquanto o ultrassom estava sendo feito.

  • Advertisement
  • Durante o procedimento, o casal se preparou para ouvir o coraçãozinho do seu esperado filho, mas algo milagroso havia acontecido. O médico, engasgado com a surpresa, contou a Ashley que após a reimplantação cada óvulo fecundado se dividiu em dois e que ela não seria mãe de um bebê, nem dois ou três, mas de... Quatro! E todas meninas! A probabilidade de isso acontecer é de 1 em 70 milhões.

  • O casal compartilhou sua surpresa e alegria nas redes sociais e agora compartilham felizes as fotos de suas lindas quadrigêmeas idênticas: Indie, Scarlett, Esme e Evangeline.

  • Advertisement
  • É possível escolher ter gêmeos ou não na fertilização in vitro?

  • Uma pergunta comum feita por quem deseja tentar uma fertilização in vitro é se sempre ocorre gestações múltiplas (mais de um bebê) ou não. É sabido que na concepção natural, a chance de ter uma gestação múltipla varia entre 1% e 5%, dependendo de alguns fatores como genética, hereditariedade, etnia e da idade da mãe. Já na fertilização in vitro, a ocorrência de gravidez múltipla é maior pelo fato de que na tentativa de garantir que o tratamento resulte em gravidez implanta-se o máximo de embriões possíveis - pois quanto maior o número de embriões, maiores as chances de ocorrer a gravidez.

  • Em países mais avançados é possível diminuir-se a probabilidade de ocorrer gestação múltipla, que embora seja algo sonhado por muitas mães, expõe ambos, mãe e filho a complicações gestacionais como pressão alta, diabetes, parto prematuro e eclampsia. O feto pode ter baixo peso ao nascer e precisar de intervenções perinatais, com a possibilidade de mortalidade que chega a ser quatro vezes maiores que as gestações únicas.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.

Website: http://tedandoumaideia.blogspot.com.br/

Nem mesmo o médico acreditou no que o ultrassom desta grávida mostrou após 8 anos de infertilidade

Imagine uma probabilidade de 1 em 70 milhões de algo acontecer. É como um milagre e aconteceu com essa mulher.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr