Como evitar que a influência ruim da mídia entre em nosso lar

Precisamos de sabedoria para usufruir da mídia ou colocaremos nosso lar em risco.

6,072 views   |   32 shares
  • Os dias de hoje estão repletos de facilidades tecnológicas que são uma verdadeira benção para nós, porém precisamos tomar certos cuidados para que o que poderia ser uma benção não se torne maldição.

  • A mídia (televisão, músicas, revistas, jogos de vídeo game e computador, internet e redes sociais) pode servir para diversos fins, desde entretenimento saudável até mesmo aprendizado, contudo, se não for controlada pode ter um efeito maléfico para a família toda.

  • Famílias são destruídas pela pornografia que se alastra através da internet e televisão. Nossos filhos, ainda em fase de crescimento, são bombardeados por exemplos que evidenciam o orgulho, a cobiça, a desonestidade e a mentira. As músicas trazem letras cada vez mais depreciativas da imagem das mulheres e com palavreado chulo. Nem os desenhos animados têm escapado da imundície mundana.

  • Como faremos então para proteger nosso lar dessas influências negativas, sem deixar de fazer uso do lado positivo que a tecnologia oferece?

    1. Inicialmente precisamos ter um bom discernimento daquilo que é bom e daquilo que é ruim. Por exemplo, se existe algo que você julga não ser bom para seus filhos assistirem, também não será bom para você. Viver aquilo que se prega é a principal arma que temos contra o mal.

    2. Controle o que seus filhos assistem na televisão. Que tipo de músicas eles têm ouvido e quais jogos têm jogado? É bom saber com quem eles se relacionam em redes sociais. Controlar não significa espionar, sugiro que você se sente com seus filhos e explique suas preocupações e o que fará para manter seu lar a salvo. Pode até ser que eles não concordem, mas o fato de você comunicar a eles sua atitude demonstrará respeito e autoridade. Manter o computador e televisão em locais onde todos circulem é uma medida de segurança bem eficaz.

    3. Converse sempre com seus filhos sobre as coisas que eles veem, leem e ouvem. Explique as consequências das escolhas ruins e que muitas coisas que eles terão contato podem não ser boas. Eles devem aprender a evitar essas coisas por si mesmo.

    4. Cuide do tempo que seus filhos gastam com a mídia em geral. Não é raro que tempo exacerbado gasto com televisão, internet e jogos de vídeo game atrapalhe a aprendizagem. Estabeleça regras para o uso de cada coisa.

    5. Proporcione alternativas saudáveis para seus filhos ocuparem o dia, como fazer algum esporte, levá-los para o parque, etc...

  • A educação de nossos filhos e a manutenção de nosso lar são nossa responsabilidade como pais. Não podemos negligenciar essa tarefa sagrada.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Taís Bonilha da Silva, estudante de Psicologia, atua na área da Saúde Mental. Participa do Programa de Monitoria na Universidade na disciplina de Análise do Comportamento. Esposa e mãe de 2 filhos.

Como evitar que a influência ruim da mídia entre em nosso lar

Precisamos de sabedoria para usufruir da mídia ou colocaremos nosso lar em risco.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr