A importância do primeiro e segundo mandamento: O perigo de servirmos outros deuses

Vejamos a importância de guardar o primeiro e segundo mandamento e os riscos que corremos ao negligenciá-los.

4,361 views   |   8 shares
  • Certa vez, Cristo foi questionado pelos Seus apóstolos: ”Mestre, qual é o grande mandamento na lei?” Ele respondeu: “Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.Mateus 22:36-40

  • Em vez de repetir os 10 mandamentos, conforme se acha em Êxodo 20, o Senhor resumiu-os em dois grandes mandamentos. O primeiro refere-se ao nosso relacionamento com Deus: não ter outros deuses, não fazer imagens para adorar, não tomar o nome do Senhor em vão e santificar o dia do Senhor. O segundo refere-se ao nosso relacionamento com o próximo: honrar os pais, não matar, não adulterar, não furtar, não mentir e não cobiçar. A resposta de Cristo é a confirmação de que os 10 mandamentos ainda estão em vigor.

  • Este artigo tratará sobre os primeiros dois mandamentos. Em Gênesis lemos mais detalhes sobre eles: “Não terás outros deuses diante de mim. Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás”

  • Êxodo 20:3-5
  • Quando se fala em “outros deuses”, fala-se, principalmente, sobre outras prioridades que nos fazem abandonar ou deixar em segundo plano o primeiro e segundo mandamento. Tais prioridades podem ser:

    • Um carro novo.

    • Internet.

    • TV por assinatura.

    • Viagens e passeios.

    • Um diploma.

    • Festas.

    • Tradições familiares e culturais.

    • Um cargo na empresa.

    • O politicamente correto.

    • Poder.

    • Popularidade.

    • Prestígio etc.

  • Você pode estar se perguntando como essas coisas podem ser consideradas deuses. Exceto algumas delas, não há problema algum em lutar para adquirir ou usufruir de coisas como bens materiais, viagens, uma promoção, um diploma e outros bens e serviços. O problema é quando essas coisas passam a ser prioridade na nossa vida.

  • Para exemplificar, vou contar um fato verídico que ocorreu há vários anos:

  • Advertisement
  • Uma jovem comprou seu primeiro carro. Era um carro lindo e zero quilômetro. Ela estava toda orgulhosa pela aquisição, fruto de seu trabalho árduo. Ela foi visitar a família que morava em uma cidade litorânea. No dia seguinte à sua chegada, todos foram passar a manhã na praia. Na hora de voltar para casa, a jovem se recusou a dar carona para as crianças, pois não queria ver areia no assoalho do carro nem umidade nos bancos.

  • Cristo disse: “Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.”

  • Mateus 25:40. Pequeninos irmãos não são somente as crianças, são todas as pessoas. Assim como nós, pais, tomamos para nós as dores e alegrias de nossos filhos, nosso Pai Celestial sente o mesmo, porém de forma perfeita. Uma pessoa que dá mais valor a um bem material do que a uma pessoa está tornando este bem seu deus.

  • Em adoração aos muitos deuses que existem por aí, muitas pessoas:

    • Abandonam sua fé.

    • Deixam de ajudar seus semelhantes.

    • Fogem de responsabilidades sagradas, como casar e ter filhos.

    • Deixam de ensinar o Evangelho aos seus filhos.

    • Desperdiçam seu tempo.

    • Recusam ou ignoram o convite “Vinde a mim”.

    • Deixam de servir a Deus.

  • Outro exemplo é o de uma família que parou de frequentar as reuniões da Igreja depois que comprou uma TV de 42 polegadas e colocou TV por assinatura. Os programas que passavam aos domingos pela manhã passaram a ser mais interessantes para eles do que a adoração e o serviço.

  • Dallin H. Oaks disse: “O princípio é mais importante do que os exemplos específicos. A questão não é ter outras prioridades. A questão proposta pelo segundo mandamento é 'Qual é a nossa principal prioridade?' Será que estamos servindo a prioridades ou a deuses e os colocando acima do Deus que professamos adorar? Será que nos esquecemos de seguir o Salvador que ensinou que se o amarmos, guardaremos Seus mandamentos? (Ver João 14:15.) Se fizemos isso nossas prioridades viraram de cabeça para baixo devido à apatia espiritual e aos apetites indisciplinados que são tão comuns em nossos dias.”

  • Ofendemos profundamente a Deus quando adoramos ou servimos outros deuses. Além disso, estamos em risco ao fazê-lo. Se depois de nos comprometermos com o Evangelho virarmos as costas para Deus, não podemos esperar que estaremos aptos a receber inspiração e proteção divinas como antes. Pois “Deus não se deixa escarnecer”. Gálatas 6:7 E estaremos sendo mais ingênuos ainda se esperarmos obter o melhor galardão nos céus. “Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus”. Mateus 5:19

  • Advertisement
  • Portanto, reflitamos sobre qual é a nossa principal prioridade. Precisamos nos lembrar de que a nossa primeira prioridade deve ser amar e servir a Deus. Os deuses deste mundo oferecem prazer e alegria momentâneos. Somente colocando Deus no topo da nossa vida é que poderemos desfrutar da verdadeira e eterna felicidade.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.

Website: http://erikastrassburger.blogspot.com.br/

A importância do primeiro e segundo mandamento: O perigo de servirmos outros deuses

Vejamos a importância de guardar o primeiro e segundo mandamento e os riscos que corremos ao negligenciá-los.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr