8 coisas que toda mulher precisa saber antes de pedir por um divórcio

Divorciar-se não é fácil, mas se você está realmente decidida, veja algumas coisas que você precisa saber antes de dar o passo inicial.

14,323 views   |   117 shares
  • Divorciar-se não é uma das decisões mais fáceis que alguém pode tomar. Geralmente, o sentimento de romper começa, em média, 7 anos antes da decisão. Na maioria das vezes os padrões que geraram esse desejo permanecem por esses 7 anos também.

  • Claro que somente a pessoa que está na relação sabe o que é melhor para ela. É uma decisão individual que deve ser respeitada. Mas, a menos que você esteja em risco físico e precisa urgentemente sair da relação, talvez seja possível considerar algumas questões antes de falar com seu marido.

  • Para ajudar, aqui estão 8 coisas que você precisa saber antes de pedir o divórcio:

  • 1. Há uma grande diferença entre casamento infeliz e casamento sem solução

  • Talvez o que você realmente queira é um casamento melhor e não o divórcio. Antes de pensar em separação definitiva, tente tornar seu casamento mais feliz. Aprenda a exigir menos e dar mais de si, a servir seu marido, fazer as coisas que ele gosta de comer. Dizem que a vontade de um homem de ir para casa é proporcional ao quão bem sua mulher cozinha. Parece machismo, mas não é. O casamento só é bom quando um cônjuge faz tudo pelo outro. Se seu marido não faz por você, dê o primeiro passo, é muito provável que ele a siga.

  • 2. Parte da responsabilidade é sua

  • Não culpe seu parceiro por tudo de ruim na sua vida ou seu casamento. Pode ser que ele tenha culpa, até mesmo muita culpa, mas você também tem a sua parcela. Ninguém é perfeito. Reconhecer que erramos também pode ajudar a reverter algo que parece já irreversível. Ainda que você continue a querer o divórcio, saber reconhecer sua responsabilidade é uma boa experiência que você levará para sua vida e futuros relacionamentos.

  • 3. Pode ser apenas ressentimento

  • Houve algo que a magoou profundamente? Você foi traída? Talvez seja apenas ressentimento e se soprar as cinzas ainda haja brasas embaixo. Será que é algo que você pode pelo menos tentar resolver ou amenizar? Existe possibilidade de perdão? Ele se arrependeu e deseja que você permaneça no casamento? Ele está disposto a mudar? Leve tudo isso em consideração antes de achar que o divórcio seja a solução. Procure a ajuda de um terapeuta de casais.

  • 4. Pode ser que suas expectativas tenham sido muito altas

  • Você sonhou com uma vida diferente no casamento? O romance de conto de fadas acabou? A realidade tem se mostrado dura? Pode ser que suas expectativas não foram atendidas e seus sonhos não se realizaram. Lembre-se que você se casou com alguém tão cheio de falhas e talvez de sonhos quanto você mesma. O "felizes para sempre" da vida real implica em trabalho, sacrifício, adaptar-se às dificuldades e ainda assim encontrar alegria na vida. Decepções e desilusões significam que você está viva. Alegrias também vêm. Garantido.

  • Advertisement
  • 5. Sua vida vai mudar radicalmente

  • Se até agora você foi uma mulher do lar ou dividia as despesas com seu marido, daqui para a frente as coisas poderão mudar radicalmente. A menos que seu marido seja rico e a pensão dos seus filhos seja bastante alta e proporcione tranquilidade a você e às crianças, provavelmente você vai precisar voltar para o mercado de trabalho. Se você já trabalha, saiba que a pensão que seu marido pagará para as crianças (geralmente 30% do salário dele) pode não ser suficiente para as despesas. Você está preparada para isso?

  • 6. Você tem que estar preparada para uma possível batalha judicial

  • Pode ser que você fique com as crianças, com a casa e até com o cachorro. Mas, é possível que isso só seja assim após uma batalha judicial desgastante. Você se sente preparada para brigar por seus filhos ou por outros motivos? Batalhas judiciais podem causar muito sofrimento ao ex-casal e aos filhos.

  • 7. "Meu bem" vai mudar para "meus bens"

  • Enquanto o casamento existe, os laços criam certa harmonia nas relações e há relativa paz. No entanto, no momento em que a união se desfaz, traz sentimentos de mágoa, raiva, revolta no outro. Desejos de vingança e ou de prejudicar o ex-cônjuge na partilha dos bens se tornam muito comuns e surgem as chamadas fraudes patrimoniais. O marido ressentido pelo pedido de divórcio esconde os bens de maneira fraudulenta para não dividi-los.

  • 8. Quase sempre é possível melhorar um casamento e evitar o divórcio

  • Saiba que por mais difícil que pareça, nem tudo está perdido. Tudo pode ser consertado se houver disposição mútua. Você pode até desistir do seu casamento e espero que todos respeitem sua decisão, no entanto, saia com a consciência de que fez tudo o que podia. Tente renovar a si mesma, perca ou ganhe peso, troque de penteado, de estilo de roupa, estude, faça algo novo. Se você se divorciasse certamente faria tudo isso, não é? Por que não tentar agora? Saia da rotina, convide seu marido para sair, troque até os móveis, se for possível, enfim, faça algo novo. Isso tem grande efeito psicológico.

  • Tudo tende a evoluir, inclusive as relações. Não deixe seu casamento estagnar. Tente e veja o resultado.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.

Website: http://tedandoumaideia.blogspot.com.br/

8 coisas que toda mulher precisa saber antes de pedir por um divórcio

Divorciar-se não é fácil, mas se você está realmente decidida, veja algumas coisas que você precisa saber antes de dar o passo inicial.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr