Muitas mulheres sofrem de TDPM (transtorno disfórico pré-menstrual) sem nem saber

Já ouviu falar? Muitos já conhecem a TPM, mas existe algo ainda pior, a TDPM.

5,110 views   |   14 shares
  • O Dr. José Bento fala um pouco do que causa essa TPM e TDPM nas mulheres. Existem mais de cento e trinta sintomas. E por qual motivo existem tantos? A mulher sofre por diversas variações hormonais e fisiológicas. O aumento e queda do estrogênio, depois o aumento da progesterona, é essa gangorra que causa esse desequilíbrio que ocasiona a tão famosa (TDPM) Transtorno Disfórico Pré-Menstrual.

  • A maioria das pessoas sabe que muitas mulheres sofrem com a famosa TPM. Existem algumas características na TDPM como ansiedade, irritabilidade e tristeza quando tudo isso se apresenta de uma maneira mais intensa. Já sabemos que muitas mulheres passam por esse turbilhão de sentimentos com uma intensidade muito maior, que chamamos de Transtorno Disfórico Pré-Menstrual, esse transtorno atinge de 2% a 5% das mulheres em idade reprodutiva.

  • O Ginecologista Leonardo Bezerra diz que esse transtorno é diagnosticado pela sua intensidade e pelo impacto na qualidade de vida dessa mulher. Na área pessoal, profissional e física.

  • Algumas características

    • Dificuldade de concentração

    • Falta de interesse em atividades que antes geravam prazer.

    • Irritabilidade

    • Instabilidade emocional.

    • Apetite descontrolado

    • Raiva

    • Algumas mulheres têm enxaqueca e dores pelo corpo.

  • Esses sintomas costumam se agravar de uma semana a quinze dias antes da menstruação. Depois eles tendem a melhorar com o fluxo menstrual.

  • Muitas mulheres estão encontrando em uma dieta com pouca gordura e sem cafeína e com atividade física uma melhora e um controle.

  • Realmente é uma fase muito complicada, até a pessoa ser diagnosticada, sofre muito.

  • A TPM pode ser classificada leve, moderada e grave.

  • Leve

  • Normalmente a mulher possui inchaço e nervosismo, dor nas perna e mamas.

  • Moderada

  • Vem normalmente acompanhada de choro fácil, dores de cabeça e cansaço.

  • Grave

  • É nessa que mora o extremo de todos os sintomas. Humor deprimido, ansiedade, nervosismo, oscilação de humor, insônia, alteração de memória, dor de cabeça, etc.

  • Muitas pacientes são encaminhadas para o psiquiatra para ter o diagnóstico correto, para não ser confundido com uma outra doença, por ser algo tão delicado e pelos sintomas serem muito parecidos com os de uma depressão, por exemplo. Então, esse tipo de transtorno não é mesmo frescura de mulher como muitos falam por aí.

  • Advertisement
  • O Psiquiatra Dr. Joel Rennó Jr. fala que uma TPM pode ser controlada com atividades físicas, pois não é uma doença.

  • Já uma TDPM, é um diagnóstico psiquiátrico. É um subtipo de depressão. Então, ele não depende somente de força de vontade.

  • Para dar esse diagnóstico é feito um acompanhamento bem detalhado.

  • Por alguns sintomas serem similares aos de outras doenças, as mulheres devem ir ao médico.

  • Algumas mulheres têm predisposição genética para ter a TDPM.

  • Os medicamentos para a transtorno Disfórico Pré-Menstrual são antidepressivos. Eles são mais leves, mas são antidepressivos.

  • A nutricionista Adriana Trejger Kachani fala um pouco que ocorre uma alteração alimentar nessa fase de TPM. Então, a dica é alimentação balanceada, água, frutas e carboidratos. Alimentos ricos em vitamina B3 como espinafre, ameixa, peixes, avelã. O segredo é se alimentar bem.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Clique abaixo para compartilhar

Sempre atenta a buscar o que tiver de melhor para o enriquecimento pessoal e familiar, ama viajar e trocar informações por isso está sempre estudando.

Muitas mulheres sofrem de TDPM (transtorno disfórico pré-menstrual) sem nem saber

Já ouviu falar? Muitos já conhecem a TPM, mas existe algo ainda pior, a TDPM.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr