Pesquisa aponta que a esponja de lavar a louça acumula mais de 600 milhões de micro-organismos

Veja aqui como higienizá-la e proteja sua família de doenças!

1,960 views   |   7 shares
  • Uma simples esponja para auxiliar na limpeza dos utensílios de cozinha e que todo mundo usa pode ser uma vilã na saúde da família. Um estudo mostrou que os fungos e bactérias contidos na esponja depois de ser usada por 15 dias podem chegar a 680 milhões.

  • O contato da esponja com a mão e com outros utensílios é suficiente para se contaminar. Pesquisadores da Faculdade DeVry Metrocamp que fica em Campinas indicaram esse número assustador. Segundo eles, uma esponja utilizada durante este tempo e não higienizada, apresentou este resultado.

  • Dentre os micro-organismos mais presentes na esponja estudada foi encontrada a Eschirichia coli, bactéria responsável por inúmeros casos de infecções urinárias e intestinais. Muitos fungos ali encontrados também são acusados de micoses e até problemas pulmonares.

  • A água e o sabão utilizados na lavagem dos utensílios não são suficientes para eliminar tantos micro-organismos e de fato não o fazem. Muitos destes são encontrados inclusive no corpo humano, mas que, em grandes quantidades, promovem doenças e transtornos. A louça contaminada poderá servir de caminho para esses problemas.

  • Ainda mais complicado quando a esponja é depositada após o uso em um ambiente altamente úmido como recipientes de plástico ou por cima de pedras ou pasta de sabão. A proliferação das bactérias aumenta excessivamente, o que é possível perceber, pois ela muda sua aparência e textura, ficando pegajosa e escurecida. Nestes casos, nem uma higienização resolverá o problema, devendo a esponja ser substituída por uma nova.

  • Para manter a esponja livre de complicações um procedimento muito simples deve ser realizado diariamente:

    1. Após a utilização da esponja, terminado o trabalho, ela deve ser lavada em água corrente, e eliminado todo vestígio de sujidade ou de sabão. Quando a água escorrer livre de alterações na cor, textura ou odor, ela estará pronta para o próximo passo.

    2. A esponja deve ser apertada e torcida o máximo possível para retirar toda a água que for possível.

    3. Um recipiente preparado com um litro de água limpa com duas colheres de água sanitária deve receber a esponja já processada nos passos anteriores, onde permanece por 10 minutos.

    4. Depois de retirar a esponja do molho, repetir o passo 2, retirando todo o excesso de água.

  • Advertisement
  • Ou:

    1. Como na explicação anterior, lavar a esponja em água corrente buscando retirar todo vestígio de sujeiras ou sabão.

    2. Retirar a maior quantidade de água da esponja, mas deixar um pouco.

    3. Colocar a esponja no micro-ondas na potência máxima por dois minutos.

  • A esponja que é cuidada desta maneira fica mais limpa que uma nova que ainda não foi utilizada, segundo os pesquisadores. Após 15 dias de uso, mesmo com os cuidados acima descritos efetivados diariamente, a esponja deve ser substituída.

  • Mantendo esse hábito os utensílios e o ambiente familiar ficarão mais livres do excesso de micro-organismos indesejados como as bactérias e os fungos.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

Pesquisa aponta que a esponja de lavar a louça acumula mais de 600 milhões de micro-organismos

Veja aqui como higienizá-la e proteja sua família de doenças!
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr