Seu relacionamento não está bem? O culpado pode ser o sono

Muitos casais não conseguem se dar bem por um motivo não muito óbvio: um ou os dois estão dormindo menos que o suficiente.

2,155 views   |   36 shares
  • Uma noite maldormida pode trazer muito mais problemas que indisposição e falta de concentração no dia seguinte. Ao longo do tempo pessoas que dormem pouco prejudicam seus relacionamentos. É o que informou um estudo da Universidade da Califórnia nos Estados Unidos da América.

  • As pessoas que dormem pouco ou dormem mal prejudicam a si mesmas e se tornam irritadiças. Elas mal conseguem dizer um obrigado a alguém. Atitudes egoístas como essa afetam o relacionamento e podem fazer o companheiro se sentir desprezado e ressabiado com as atitudes do outro. E então tudo pode se complicar.

  • Como a pessoa que tem o sono afetado não tem forças para sequer ser simpática, melhorar o relacionamento acaba ficando longe de ser cogitado. Seu corpo pede por maior descanso e insistirá para que isso ocorra, deixando o mau humor e a falta de concentração se tornarem constantes.

  • Realizada com mais de 60 casais em idades diversas, dos 18 aos 56 anos, as pessoas deveriam anotar suas reações no dia seguinte à noite maldormida ou um sono reparador e como isso afetou seu relacionamento conjugal. O resultado foi claro, os que dormem pouco ou tem um sono ruim não valorizam tanto o parceiro quanto os que dormem o suficiente.

  • A falta de um sono ideal afeta em outras áreas trazendo dificuldades como:

  • Capacidade do corpo de queimar as calorias

  • Aquela fome na madrugada que obriga a pessoa a fazer um lanchinho e que, caso estivesse dormindo não o faria, é acompanhada pela capacidade menor do corpo em queimar as calorias. Dupla que alterará o peso e não será positiva.

  • Doenças como o câncer de mama agressivo

  • Estudos mostraram que mulheres na pós-menopausa que dormem menos de 6 horas por dia correm o risco em maior probabilidade que outras de desenvolverem o câncer de mama na forma mais agressiva da doença.

  • Doenças cerebrais

  • O risco de derrame cerebral é aumentado para as pessoas que dormem menos de 6 horas mesmo sem histórico de doenças cardiovasculares, segundo estudo da Sociedade do Sono nos Estados Unidos.

  • Não conseguir reduzir a ingestão por comidas gordurosas

  • Advertisement
  • Para compensar o sono o corpo pede por alimentos gordurosos, o que traz sentimentos de satisfação, apesar da falta de dormir adequadamente.

  • Impotência sexual

  • Este problema foi relacionado ao sono inadequado pela Unifesp que também alertou contra a obesidade e maior chance de desenvolver doenças cardiovasculares.

  • Obesidade

  • Um estudo mostrou que jovens que dormem menos de 7 horas por dia possuem maior IMC que os demais que dormem adequadamente.

  • Muita coisa pode ser entendida através desta visão, como a dificuldade que os casais encontram quando acabam de ter um filho. Como o sono se torna complicado, seu relacionamento pode ser afetado também. Conversar e entender que a fase do pouco sono deve passar em breve pode ajudar o casal a aguardar um pouco e retomar a vida normal, dormindo o suficiente quando o bebê já consegue também.

  • Apesar do trabalho ou estudo às vezes exigir um pouco mais de horas que serão tiradas do descanso, a sabedoria pede que sejam momentos breves. Pessoas que se acostumam a dormir pouco raramente conseguem ser realizadas em seus relacionamentos pelos fatos que o estudo apresentou. Muitas vezes isso é desconhecido e pode trazer dúvidas sobre sua personalidade da pessoa, porém não passa de apenas uma necessidade do organismo em descansar o suficiente.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

Seu relacionamento não está bem? O culpado pode ser o sono

Muitos casais não conseguem se dar bem por um motivo não muito óbvio: um ou os dois estão dormindo menos que o suficiente.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr