5 fatos sobre a hepatite C que você precisa saber

Por ser uma doença recém-descoberta e, na maioria das vezes, assintomática, muitas pessoas, ano após ano, são diagnosticadas com a doença.

532 views   |   2 shares
  • A hepatite C tem, atualmente, sido responsável por aproximadamente dois milhões de doentes no país. Por ser um vírus descoberto apenas na década de oitenta, há muito ainda que se descobrir e divulgar a respeito da doença. No entanto, já se sabe que há muitas pessoas infectadas, mas que ainda não descobriram que estão doentes, isso porque na maioria das vezes ela é uma doença assintomática.

  • Por ser uma doença recém-descoberta, as formas de transmissão e os fatores de risco, até pouco tempo, eram também desconhecidos, o que colaborou muito para o aumento de doentes no país.

  • No entanto, alguns estudos já divulgaram certas informações sobre a doença que precisam ser divulgadas a fim de colaborar para tornar a incidência da hepatite C cada vez menor.

    • A hepatite C é uma das maiores causadoras de câncer de fígado e cirrose. As complicações que essa doença causa podem desencadear outras novas doenças, como a diabetes, por exemplo.

    • É possível que uma pessoa contaminada pelo vírus da Hepatite C passe décadas sem saber que está contaminada com a doença devido ao fato dela, na maioria das vezes, ser completamente assintomática. Quando surgem seus primeiros sinais, normalmente, boa parte do fígado já está comprometido.

    • Estudos recentes mostraram que o vírus da hepatite C é transmitido muito mais facilmente do que o vírus do HIV. Outra descoberta é em relação a sua alta taxa de infecção que supera o vírus da AIDS em até cem vezes.

    • Atualmente as mortes ocasionadas pela hepatite C superam e muito as mortes por HIV.

    • Apesar de assustadora, a hepatite C tem alta taxa de cura, mesmo nos casos mais avançados. O tratamento da doença pode requerer desde o uso de medicamentos fortes como apenas um acompanhamento médico, isso depende muito do grau da doença em que o paciente está.

  • O Conselho Federal de Medicina aconselha a todos a fazerem, pelo menos uma vez, o teste para hepatite C, mesmo que não se enquadrem nos fatores de risco para a doença que são: receptores de sangue ou órgãos, usuários de drogas, pacientes que receberam transfusão de sangue antes de mil novecentos e noventa e dois, pessoas que em suas profissões lidam com sangue, portadores de tatuagem e familiares de portadores da doença.

  • Advertisement
  • Caso seu teste seja positivo para a doença, busque auxílio médico para lhe indicar o melhor tratamento especificamente para seu caso.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Renata Finholdt é formada na área de Recursos Humanos com enfâse em treinamentos.

5 fatos sobre a hepatite C que você precisa saber

Por ser uma doença recém-descoberta e, na maioria das vezes, assintomática, muitas pessoas, ano após ano, são diagnosticadas com a doença.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr