5 coisas que a esposa recém-casada deve fazer por seu marido

A qualidade de um relacionamento bem-sucedido depende destas 5 coisas que toda esposa recém-casada deve fazer por seu marido.

7,879 views   |   9 shares
  • Aqui estão 5 coisas que a esposa recém-casada deve fazer por seu marido:

  • 1. Ser paciente

  • Toda esposa recém-casada precisa ser paciente com seu marido, principalmente quando ela começa a enxergar os maus hábitos que ele havia ocultado dela durante o período de namoro.

  • Uma boa esposa tende a focar no potencial da relação, ela irá somar ao invés de subtrair as situações, ou seja, ela buscará pontos fortes e positivos em si mesma e no seu parceiro e descartará as coisas de menor valor como os pequenos empecilhos que vão surgindo.

  • Há muitas coisas que precisam ser resolvidas no início da relação, entretanto, é preciso cautela para fazê-lo. O casal deve desenvolver a paciência e doçura nas palavras e ações. Tanto a esposa quanto o marido devem ser sábios, assim encontrarão meios de resolver o que deve ser resolvido e superar o que não pode ser mudado.

  • 2. Esforçar-se por amar as pessoas que ele ama

  • No namoro muito se é tolerado, contudo, quando a relação torna-se em matrimônio, a tolerância é esquecida e as ofensas à família e amigos começam a surgir de uma forma bem constante. Então, a máscara é retirada e um dos cônjuges apresenta sua verdadeira face.

  • Lamentavelmente, algumas pessoas confundem casamento com prisão, acham que por terem uma aliança em seu dedo e no do cônjuge, isso o torna proprietário do parceiro a ponto de proibi-lo de relacionar-se com a própria família e os amigos. Para essas pessoas é essencial ressaltar que o casamento é composto de união, parceria e comprometimento, jamais deve ser visto como uma prisão.

  • Toda esposa precisa esforçar-se 100 vezes mais para amar as pessoas que o parceiro tem na vida, todavia, se o amor não for possível, experimente começar pelo respeito. O respeito, além de ser requisitado em todos os lugares, também é uma obrigação de todos.

  • Então, você gostando ou não de sua sogra ou dos amigos do seu cônjuge, ainda assim precisará respeitá-los se quiser que seu casamento perdure. Por mais complicado que essas pessoas possam ser, sem elas nem você e nem seu parceiro poderão ter uma felicidade completa, pois a felicidade só se faz perfeita quando a família e amigos estão unidos, sem eles sobra um vazio que ninguém, nem mesmo você como esposa, poderá preencher.

  • 3. Adapte-se ao casamento

  • Muitas são as recém-casadas que se decepcionam com a vida a dois, pois elas esperavam viver das rosas e recebem após os primeiros meses de casamento, diversos espinhos. Não que as rosas não estejam no relacionamento, o problema é que as pessoas não contavam e nem se prepararam para os espinhos.

  • Advertisement
  • O término da lua de mel costuma ter um alto preço, porque nela acaba o sonho de princesa e inicia-se a realidade para muitas esposas.

  • Noites de lágrimas, cansaço, estresse, decepção pelas falhas do parceiro e menos atenção são os espinhos na relação. Algumas esposas desistem nos primeiros 6 meses, outras nos 2 primeiros anos, mas, há aquelas que perseveram e suportam bem todos os desafios, aprendem a adaptar-se ao casamento. Essas esposas não buscam mudar seus parceiros, pelo contrário, elas os aceitam em suas fraquezas e os ajudam a desenvolverem o melhor que há neles.

  • 4. Escolher não se ofender

  • Toda mulher que deseja manter sua relação para toda vida precisa escolher não se ofender com o parceiro, principalmente no início do matrimônio, onde ambos ainda são imaturos e acabam brigando por tão pouco, dizem e fazem coisas por impulso em momentos de estresse e raiva.

  • Em situações de estresse e desespero, o melhor a ser feito é manter o controle da situação, parar de falar, afastar-se por um momento, ponderar o problema, reconhecer as vulnerabilidades que levaram a esse caos e focar na solução.

  • Entretanto, não se deve esquecer que se não houver perdão sincero de ambas as partes, dificilmente vocês encontrarão uma boa saída para superar todas as armadilhas que surgem ao longo da caminhada.

  • A parceria e a lealdade são essenciais para que o amor seja maior que o egoísmo de buscar quem está certo, ao invés de fazer o que se sabe ser o certo.

  • 5. Faça sacrifícios justos pela relação

  • Muitos casais desejam que seu relacionamento seja bem-sucedido, alguns dedicam seu tempo e recursos em prol da felicidade, eles costumam ser diligentes em adaptar-se aos horários para estar junto do parceiro. São esses sacrifícios justos que preparam esses casais para tornarem-se bons maridos e boas esposas, e isso implica numa obrigação mútua de estarem no seu melhor para oferecer isso ao futuro cônjuge.

  • No entanto, tais sacrifícios tendem a ser deixados de lado por muitos casais imaturos e despreparados quando selam seus votos sagrados. O que deveria uni-los é justamente o que os separa devido à negligência a esses convênios. Por isso, é importante que as coisas conquistadas no namoro tornem-se mais especiais e bem cuidadas ao longo da vida, principalmente no início do casamento.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Roberta Preto, 33. Formada como tradutora e intérprete, escritora, mãe. Apaixonada pela vida, em uma eterna busca por conhecimento. Espero que minhas palavras possam ser uma luz na vida das pessoas. Sonho em ajudar a humanidade a tornar-se livre da escravidão da ignorância.

5 coisas que a esposa recém-casada deve fazer por seu marido

A qualidade de um relacionamento bem-sucedido depende destas 5 coisas que toda esposa recém-casada deve fazer por seu marido.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr