4 formas de descobrir se o seu filho sofreu uma fratura em um acidente

Veja 4 formas de descobrir se o seu filho sofreu uma fratura em um acidente.

599 views   |   3 shares
  • Todas as crianças requerem cuidados especiais, principalmente quando são bebês e não possuem a habilidade de comunicar-se para dizer onde sentem dor ou o que as incomoda, por isso é preciso que os pais estejam sempre atentos a pequenos sinais que apontam algumas vezes para grandes problemas, como uma fratura que a criança tenha sofrido.

  • De acordo com o site Brasil Babycenter, aqui estão 4 formas de descobrir se o bebê sofreu uma fratura:

  • 1. Dor forte num ponto específico

  • Quando a criança sente dor forte num ponto específico, tente, se for possível, aplicar o gelo. Deve-se colocá-lo sobre o local afetado. Há casos que é possível fazer a medicação em casa, utilizando o analgésico, no entanto, a criança só deve ser medicada com autorização médica, portanto, é importante fazer contato antes com o pediatra para informar o ocorrido.

  • O tempo para a medicação fazer efeito tende a ser de duas horas, no máximo. Caso a dor não tenha passado, é melhor buscar ajuda do profissional especializado.

  • 2. Articulação ou membro fora de posição "torto"

  • Quando a articulação ou membro ficam "tortos" essa criança deve passar de imediato pelo médico. Os pais jamais devem tentar mexer ou colocar no lugar o membro afetado, cabe ao especialista fazê-lo.

  • Vale ressaltar que a criança possui ossos mais flexíveis que os adultos, assim é possível que elas se recuperem bem mais rápido que eles em alguns casos e sem precisarem de cirurgias.

  • 3. Inchaço

  • Quando não há outros sintomas de fratura e o local afetado está um pouco inchado, pode-se tentar fazer o tratamento em casa, mas, é preciso sempre atentar-se para que haja melhora.

  • 4. Membro rígido que não se movimenta facilmente

  • Quando há dificuldades em movimentar facilmente e a criança chora de dor, recusando a movimentar o local afetado, isso aponta que talvez a fratura seja mais grave do que os pais imaginavam. Assim, ela precisa ser levada de imediato ao médico.

  • Às vezes, a criança até consegue movimentar o local afetado, entretanto, é importante observar outros sinais que apontam que há uma fratura ali, como: sensibilidade ao toque, área roxa ou vermelha, barulho ou estalo ou dor que piora com qualquer movimento.

  • Os pais precisam se conscientizar que em casos de emergência, há situações em que a criança não pode ser tocada bruscamente, porque esse impulso brusco de querer socorrê-la pode causar uma lesão na medula, levando a problemas neurológicos, e às vezes esses problemas acompanham a criança na sua vida adulta.

  • Advertisement
  • Pode ser desesperador ver a criança ferida, entretanto, é fundamental que os responsáveis mantenham a calma, isso fará a diferença para essa criança. Portanto, não se desespere, pois o melhor a ser feito em situações em que a criança sofreu uma lesão na cabeça, pescoço, costa e quadril, é ligar para Samu: 192 ou para o bombeiro: 193.

  • Aguardar ajuda, é o melhor que você pode fazer por seu filho, essas pessoas são treinadas e preparadas para lidarem com a situação.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Roberta Preto, 33. Formada como tradutora e intérprete, escritora, mãe. Apaixonada pela vida, em uma eterna busca por conhecimento. Espero que minhas palavras possam ser uma luz na vida das pessoas. Sonho em ajudar a humanidade a tornar-se livre da escravidão da ignorância.

Website: https://pages.hotmart.com/h7009598f/ebook-15-passos-para-educar-um-filho/

4 formas de descobrir se o seu filho sofreu uma fratura em um acidente

Veja 4 formas de descobrir se o seu filho sofreu uma fratura em um acidente.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr