Esta mulher deixou sua bebê nascer antes do tempo para que o marido pudesse conhecer a filha antes de morrer

‘Coloquei-a nos braços dele e segurei sua mão até ele parar de respirar’.

86,886 views   |   182 shares
  • Mark e Diane Aulger tinham um bebê a caminho, mas essa circunstância feliz foi atropelada por um fato devastador que pairava sobre suas cabeças: Mark tinha apenas cinco dias de vida.

  • A notícia avassaladora

  • Mark havia sido diagnosticado com câncer de cólon em abril de 2011, aos 52 anos. Após seis meses de quimioterapia, ele desenvolveu fibrose pulmonar e começou a apresentar dificuldade para respirar, segundo matéria da CBS News. Em 3 de janeiro de 2012, ele deu entrada na emergência do hospital e, algumas semanas depois, disseram-lhe que seu quadro de saúde era irreversível, ele estava em estado terminal.

  • A filha do casal não iria nascer antes de 29 de janeiro, o que significava que Mark não conseguiria segurar sua filha nos braços antes de morrer.

  • Seu último pedido

  • "Eu gostaria de ver o bebê", disse Mark. O obstetra de Diane concluiu que os pulmões da bebê já estavam maduros, então, com essa notícia, Diane tomou a decisão de se submeter a um parto prematuramente induzido para realizar o desejo do marido à beira da morte.

  • O parto foi marcado para 18 de janeiro, duas semanas antes da data prevista para o nascimento da menina. "Nossas camas estavam uma ao lado da outra", contou Diane à CBS News. Assim que Savannah veio ao mundo, Mark a pegou no colo e ficou segurando-a por 45 minutos. "Ficamos chorando durante todo esse tempo", disse Diane.

  • Advertisement
  • Mark ficou acordado e alerta no dia do nascimento, mas os dias seguintes foram mais difíceis para ele. Ele só tinha força para segurar Savannah durante cerca de um minuto por vez. "Se ela chorasse, ele sacudia a cabeça e gemia", disse Diane. "Eu a colocava sobre ele quando ele estava em coma, algumas vezes, e sua mão se movia em direção a ela".

  • Sua morte

  • Mark entrou em coma no dia 21 de janeiro. Dois dias depois, quando viu que seus sinais vitais estavam caindo no monitor, Diane percebeu que aqueles poderiam ser seus últimos momentos juntos.

  • "Coloquei-a nos braços dele e segurei sua mão até ele parar de respirar", contou Diane. Mark morreu 5 dias após o nascimento de Savannah.

  • Restou à Diane cuidar de sua recém-nascida e de mais quatro filhos, mas ela não está passando por isso sozinha. As pessoas se mobilizaram para ajudar - incluindo seu filho mais velho.

  • Mas, mesmo recebendo essa ajuda, a tristeza ainda está lá. Sua filha Ava, que tinha oito anos na época, desenhou o rosto do pai em um balão e o levava de um lado para o outro dizendo: "Este é o papai. Papai está juntinho de mim", disse Diane em uma entrevista. "Nós sabemos que o pai está aqui conosco".

  • Traduzido e adaptado por Erika Strassburger do original This woman makes her baby come early so her husband can hold his child five days before he dies

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Esta mulher deixou sua bebê nascer antes do tempo para que o marido pudesse conhecer a filha antes de morrer

‘Coloquei-a nos braços dele e segurei sua mão até ele parar de respirar’.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr