O que fazer quando a criança fica enjoada em uma viagem

O passeio não precisa ser dispensado porque o filho fica enjoado viajando. Há alternativas muito saudáveis que resolvem o problema.

1,257 views   |   2 shares
  • Com as férias, as viagens se tornam mais frequentes e é muito comum ouvir relatos de que o filho sempre passa mal nas viagens. A cinetose é muito frequente e pode atingir crianças e adultos. Para uma viagem mais tranquila, alguns cuidados são recomendados por especialistas.

  • Bebês enjoam?

  • Para saber se o bebê enjoa, uma viagem de curta duração pode ser feita para avaliar. Observar seu estado durante a viagem poderá ajudar a prever se em uma mais longa ele sofrerá. Conversar com o pediatra a respeito disso antes de ir é a melhor alternativa para a prescrição de medicamentos e quantidade a ser administrada.

  • Alimentação

  • A recomendação é evitar alimentos pesados, muito temperados e excesso de líquidos. Um dia antes da viagem já é prudente evitar oferecer bebidas gaseificadas e alimentos ricos em gorduras. Viajar em jejum também não é aconselhável. Algumas orientações específicas incluem:

    • Não beber muita água antes de viajar, mas beber aos poucos durante todo o dia, inclusive na viagem. Isso manterá o organismo hidratado e ajudará a evitar o enjoo.

    • O mesmo pode ser feito com água de coco, que é ótimo para hidratar.

    • Ingerir uma banana antes de viajar pode ajudar a evitar enjoos para quem tem deficiência de potássio.

    • Maçãs ajudam na hidratação, saciam e evitam enjoo.

    • Comer biscoitos integrais de água e sal também vai ajudar a não ter enjoo e vai alimentar para o período da viagem. Algumas unidades podem ser consumidas durante a viagem também.

    • Um pouco de gengibre também pode ajudar a evitar que a criança passe mal dentro do carro em movimento.

    • Nozes, castanhas ou avelãs são excelentes para serem ingeridas antes e durante a viagem, mas sem exageros. Elas também ajudam a evitar os enjoos.

  • A alimentação dentro do carro deve ser a menor possível e incluir os alimentos mais indicados.

  • Medicamentos

  • O melhor e mais recomendado é conversar com o pediatra para saber qual remédio é o mais indicado e a quantidade. Algumas crianças farão a viagem tranquilamente com a ajuda do medicamento específico para ela. Para outras, nem sempre o medicamento resolve e as indicações alimentares podem ajudar a evitar o mal-estar.

  • Advertisement
  • Dispositivos móveis

  • Celulares, tablets, videogames e até tela para passar filmes devem ser evitados em viagens de longa distância. Observar coisas se mexendo muito rápido pode ser a causa do enjoo.

  • Melhor lugar no carro

  • A criança que passa mal ficará melhor quando acomodada no banco do meio, pois assim evitará ficar olhando pela janela. O enjoo pode ser causado ao observar as paisagens da janela.

  • Transcorrer da viagem

  • A programação pode incluir algumas paradas depois de algum tempo na estrada e diminuição da velocidade nas curvas. Isso ajuda muito quem sofre com a cinetose.

  • Para algumas crianças a fase de enjoar em movimento pode passar depois de algum tempo. Para outros, infelizmente, a cinetose pode acompanhar por toda a vida adulta também. Entender e aceitar a situação, além de se preparar para evitar ao máximo o mal-estar e de apoiar a criança e evitar reclamar da situação ajuda a passar pela viagem sem maiores traumas e a aproveitar os bons momentos em família.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Michele Coronetti é secretária, mãe de seis lindos filhos, gosta de cultura e pesquisas genealógicas.

O que fazer quando a criança fica enjoada em uma viagem

O passeio não precisa ser dispensado porque o filho fica enjoado viajando. Há alternativas muito saudáveis que resolvem o problema.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr