12 leis necessárias para construir um casamento para a vida toda

Homem e mulher quando se casam precisam investir na relação. Veja aqui 12 coisas que vocês devem começar ainda HOJE!

30,096 views   |   46 shares
  • Geralmente quando estamos procurando um companheiro, imaginamos que ele será aquele onde nossos sonhos serão realizados e onde nos sentiremos completamente à vontade na sua presença, o que não é totalmente fora da realidade, mas muitas vezes, com o tempo, diferenças poderão surgir e precisaremos ter certeza que ambos estão se dedicando no mesmo nível para fazer a relação funcionar.

  • A maioria de nós sabe que com amor e paciência podemos vencer todas as dificuldades. Mas como colocar esse amor e paciência em prática na vida a dois e construir um casamento único, para a vida toda?

  • 12 formas de construir um casamento forte, feliz e duradouro
  • Da mesma maneira que educamos nossos filhos, é importante que tenhamos alguns direitos e deveres bem claros em nosso casamento. Infelizmente, somente quando os problemas e as diferenças surgem, é quando nos lembramos de implantá-los. Se conversarmos antes do casamento com nosso futuro cônjuge sobre as leis que definirão a boa convivência entre o casal, a manutenção das mesmas facilitará o entendimento mútuo. Cada casal pode criar o seu próprio "código de conduta" para viverem juntos, e colocar a lealdade acima das fraquezas e problemas que surgirão na vida a dois.

  • Sabemos que limites e responsabilidades são baseados no respeito e comprometimento do casal, e têm a ver também com direitos e deveres de cada um. Algumas ideias a serem estabelecidas e conversadas, e principalmente cumpridas, para a construção de um casamento duradouro:

  • 1. A regra de ouro

  • Não faça ao outro o que não quer que seja feito a você. Isso inclui não ficarem sozinhos com amigos do sexo oposto, nem colocarem em risco a relação por outras coisas menores.

  • 2. A lei de responsabilidade

  • Quem paga o quê, quem é responsável por determinadas tarefas. Não esconder dinheiro, não falar mal um do outro, assumir os erros, pedir desculpas, tudo isso faz parte.

  • 3. A lei da força e poder

  • É bom estabelecer que vocês formam "um" no casamento e os dois possuem poder de decisão sempre que precisarem, ninguém é superior a ninguém.

  • 4. A lei do respeito

  • Respeito está relacionado à privacidade, aos sentimentos, à vida ou nos momentos íntimos. O respeito é o leme que rege casais que se admiram e se envolvem em prol do crescimento conjunto.

  • Os 10 mandamentos do casamento
  • Advertisement
  • 5. A lei da motivação

  • Ajudarem-se a realizarem seus sonhos, não colocando o outro para baixo ou sentindo-se superior ou mesmo inferior quando o outro consegue algo de bom.

  • 6. A lei da proatividade

  • Ter iniciativa é importante para tudo no casamento, não ficar esperando do outro, e que os dois ajam dessa forma. Isso inclui saber perdoar, ouvir e querer resolver os problemas.

  • 7. O direito de dizer não

  • Saber os próprios limites e quebrá-los somente para agradar o parceiro pode ferir sua identidade. Tenha certeza que conversam sobre as diferenças e o que gostam e o que não gostam.

  • 8. A busca do autocontrole

  • Um dos mais importantes: Ter a capacidade de mudar o que está errado em si mesmo sem que o outro peça, e melhorar a cada dia faz a boa convivência. Saber dizer não a potenciais intrusos.

  • 9. A força de caráter

  • Qualidades como lealdade, fidelidade, honestidade, integridade, são todas importantes no estabelecimento de uma convivência com alguém que se ama, e planeja-se a vida juntos.

  • 10. Valores e tradições

  • Cada um dos cônjuges trará valores e tradições aprendidos de suas famílias, e precisarão criar um sistema de valores próprios e importantes a serem ensinados aos filhos. As tradições também partem do mesmo princípio. Criar tradições que tenham os valores embutidos traz segurança na criação dos filhos. Leia também o artigo 4 técnicas que bons pais e mães utilizam na educação dos filhos e aprenda como ensinar limites de forma assertiva aos filhos.

  • 11. A lei da ação e reação assertiva

  • Se houver uma briga, seja porque quaisquer desses limites tenham sido quebrados, pensar muito bem antes de reagir, e tentar fazê-lo usando assertividade quebrará a corrente e a discussão não escalará para algo pior.

  • 12. A pureza do sentimento

  • A lei maior do amor exige que este seja protegido da imoralidade e da vulgaridade. Tratar o cônjuge como um ser completo e manter a intimidade imaculada faz com que ambos cresçam em respeito um pelo outro. Nada deve afetar o amor, que foi o sentimento primeiro do porquê da união.

  • Ao estabelecerem juntos limites no casamento, tente identificar também os sentimentos envolvidos bem como os motivos um do outro. Considere emoções, tempo e situação em geral. Traumas passados podem destruir uma relação atual se limites não forem impostos e se a honestidade total entre o casal não acontecer. Tenha certeza que saiba ouvir do outro também e aplique empatia.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

C. A. Ayres é mãe, esposa, escritora e fotógrafa, pós-graduada em Jornalismo, Psicologia/Psicanálise. Visite seu website.

Website: http://caayres.com/

12 leis necessárias para construir um casamento para a vida toda

Homem e mulher quando se casam precisam investir na relação. Veja aqui 12 coisas que vocês devem começar ainda HOJE!
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr