7 sugestões para lidar com um cônjuge que não quer ter filhos

7 sugestões que lhe ajudarão a ter uma vida feliz com um cônjuge que não deseja filhos.

11,648 views   |   23 shares
  • Este é um assunto muito importante que deve ser conversado antes do casamento e definido antes de assumir um compromisso.

  • Se vocês conseguiram definir que querem filhos, considerem também a infertilidade. Há opções de tratamento ou adoção para vencerem essa etapa. Se vocês definiram que não querem ter filhos, tenham certeza que estão de pleno acordo.

  • Em ambos os casos, considere se o amor e a vida a dois será suficiente para sobrepujar todas as dificuldades que vierem. Considere, em caso de definirem por não ter filhos, se você conseguirá conviver o resto de sua vida com uma pessoa que não quer filhos.

  • Mas, se vocês se casaram, e você quer filhos e seu cônjuge não e você já tentou de tudo, talvez em algum momento você já tenha pensado se deveria seguir adiante com a relação ou desistir dela.

  • Realmente essa questão de paternidade chega a ser delicada e sensível em muitos casos, então o que fazer?

  • 1. Conversar

  • Você precisa saber quais são as razões existentes por que o outro não deseja se tornar pai ou mãe. Por que motivo? Quais são os impedimentos, medos ou inseguranças?

  • 2. Compreender os motivos e ajudá-lo com os medos e traumas

  • Algumas pessoas não desejam ser pais ou mães devido a sua própria história de vida. Alguns foram rejeitados, ou passaram por maus-tratos que trazem recordações negativas ou um sentimento angustiante; outros acham que sendo pais irão perder alguns “prazeres” ou liberdade; alguns também acham que financeiramente falando não conseguirão suprir as necessidades de uma criança recém-chegada; outros preferem curtir a relação como um namoro somente a dois e outros possuem outros motivos. Avalie os motivos e se esforce para ajudar, às vezes a questão do diálogo com amor é justamente o que o casal precisa para entrar em um acordo, outras vezes, é necessário ajuda profissional para a superação de alguns traumas do passado.

  • Advertisement
  • 3. Pressionar não traz solução

  • Se você está indo por este caminho, está agindo errado, pressioná-lo pode criar ainda mais receios para que ele não sinta o desejo de ser pai. Focar apenas nisso, como um disco arranhado, é uma péssima estratégia. Você precisa saber o momento para conversar e deixar que o outro reflita e analise. Dar tempo ao tempo muitas vezes é a solução. Considere que a outra pessoa ao concordar devido a sua insistência, poderá desistir mais tarde ao criar um filho com você.

  • 4. Cuidar da relação

  • Invista em seu casamento de forma a fazer o outro querer investir na relação e torná-la eterna. Eternizar uma relação é mais que apenas viver até o fim desta vida com alguém, mas criar gerações, compartilhar o amor, ser altruísta e isso envolve sacrifício para depois podermos colher os frutos desse amor e experimentar a felicidade.

  • 5. A oração

  • Convide e permita que o Senhor lhe ajude a quebrantar o coração de seu cônjuge. Peça especificamente que Ele lhe auxilie em cada passo que tomar, conversa que tiver. O Senhor conhece seu desejo de ser mãe ou pai e tem o poder de tocar o coração de seu cônjuge para que ele sinta o mesmo.

  • 6. Ideias criativas

  • É impossível não se encantar com o amor de uma criança. Considere pessoas que possuem experiências positivas com filhos para um jantar entre casais. Ajudar um familiar a cuidar de uma criança vez ou outra e fazer atividades com seu cônjuge que sejam recreativas com a presença de crianças. Veja vídeos e artigos que falem sobre o amor de mãe ou pai que são maiores e não egoístas. Muitas atividades podem trazer algum conforto e segurança para seu cônjuge.

  • 7. Frases, filmes, e imagens

  • Você pode utilizar esses conteúdos a seu favor para que aos poucos seu cônjuge vá compreendendo sua necessidade e talvez ele mesmo tenha um “despertar”. Procure por filmes que foquem o valor familiar e a paternidade, como também frases positivas sobre o tema.

  • Portanto, entenda que

    • Brigar com seu cônjuge por causa disso não lhe ajudará e ainda por cima criará um ambiente pesado no relacionamento.

    • Em vez de criticá-lo, fortaleça seu relacionamento com atitudes que os unamainda mais.

    • Conversem bastante e apoiem-se na resolução dos conflitos que possam ter, sendo a força um para o outro.

    • Ore com fé. Acredite que o Senhor possa lhe ajudar.

    • Tenha paciência.

  • Advertisement
  • Se tudo isso não funcionar, busque preencher o seu tempo, ore para que o Senhor lhe ajude a entender a situação ao mesmo tempo em que amacia o coração do outro para entender seus mais profundos desejos; busque o contato com crianças para que seu amor maternal ou paternal possam ser expressados, seja o melhor tio ou tia que puder.

  • Considere que um amor verdadeiro pode sobrepujar todas as dificuldades e que é necessário sacrifício para fazê-lo florescer.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Graduada em RH, acredito que nossa vida têm verdadeiro propósito, sou SUD, sei que toda dor e aflição é uma fonte de virtude e força espiritual, que nos molda e purifica.

Website: http://fernandaferrazmeuspassospelocaminho.blogspot.com.br

7 sugestões para lidar com um cônjuge que não quer ter filhos

7 sugestões que lhe ajudarão a ter uma vida feliz com um cônjuge que não deseja filhos.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr