Lições que podemos aprender com os principais personagens da natividade

Ao lermos a história da natividade, podemos aprender grandes lições pela forma como os personagens envolvidos nesse evento se comportaram ou reagiram.

2,412 views   |   2 shares
  • Cada personagem relacionado ao nascimento de Jesus Cristo deixou algumas lições importantes. Pense no que você pode aprender com a vida de cada um deles, e como pode aplicar os princípios aprendidos em sua própria vida:

  • Maria

  • Maria tinha uma personalidade doce e humilde. Ela aceitou, sem questionar, levar no ventre o filho de Deus, mesmo sabendo dos riscos que isso representava. Ela vivia numa sociedade em que se punia o adultério com apedrejamento até a morte. Ela estava disposta a correr o risco.

  • No livro de Lucas, no capítulo 2, lemos que após ter o filho, receber a visita dos pastores no estábulo e escutar seus relatos sobre a visita do “anjo[com] uma multidão dos exércitos celestiais”(v. 13), “Maria guardava todas estas coisas, conferindo-as em seu coração.” (v. 19).

  • Isso mostra que ela se preocupava em compreender as coisas espirituais e que fazia sérias reflexões sobre a vida.

  • José

  • José era um homem de caráter nobre. Um homem da confiança de Deus, escolhido para cuidar do Seu Filho na terra. Um ponto notável do caráter de José é observado na seguinte passagem da Bíblia: “Estando Maria (...) desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo. Então José, seu marido, como era justo, e a não queria infamar, intentou deixá-la secretamente.”(Mateus 1:18-19).

  • Mesmo antes da visita do anjo informando-lhe que o filho que Maria estava esperando era o Filho de Deus, José preocupou-se em protegê-la das penalidades da lei mosaica. Não sabemos o que José pensou ou sentiu no momento em que soube da gravidez. Mas agiu como um homem íntegro e justo. Casou-se com Maria e aguardou até que ela tivesse o filho antes de tomá-la como mulher. Cuidou, protegeu e ensinou Jesus como se fosse seu pai legítimo.

  • José permaneceu digno para receber manifestações de anjos, através de sonhos, em várias ocasiões.

  • Os pastores

  • Os humildes pastores cuidavam do rebanho na noite em que Cristo nasceu. Eles tiveram o privilégio de verem um anjo com “uma multidão dos exércitos celestiais” (Lucas 2:13), que lhes informaram sobre o divino infante nascido em Belém. Eles largaram seus rebanhos e "foram apressadamente". (v.16).

  • Advertisement
  • Os rebanhos eram um patrimônio importante para aqueles povos. Não sabemos se eles eram os proprietários ou somente os cuidadores do rebanho. Sabemos, porém, que eles deram mais valor naquele momento à mensagem do anjo: “Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor”(Lucas 2:11), e estavam dispostos a arcar com as consequências de deixar os rebanhos sozinhos.

  • Os homens sábios ou magos

  • Na versão do Rei Tiago da Bíblia lemos “homens sábios” em vez de magos. Embora pouco saibamos sobre esses homens, podemos notar que eles eram estudiosos das escrituras, porque sabiam sobre “aquele que é nascido rei dos judeus” (Mateus 2:2). E acreditavam Nele, como o divino menino que era.

  • Eles empreenderam uma jornada do oriente a Jerusalém para encontrá-lo. O Senhor os considerava de tal forma, que colocou uma estrela adiante deles para guiá-los até onde estava o menino.(v. 9). Quando o encontraram, com sua mãe, “prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra.” (Mateus 2:11).

  • Antes disso, porém, Herodes tentou convencê-los a revelarem-lhe o esconderijo do menino Jesus, assim que o encontrassem. “E, sendo por divina revelação avisados em sonhos para que não voltassem para junto de Herodes, partiram para a sua terra por outro caminho.” (Mateus 2:12).

  • Temos muitas lições a aprender com esses personagens. Veja algumas delas:

    • Precisamos ponderar mais sobre as coisas espirituais.

    • Devemos cumprir a missão para a qual fomos designados nesta vida sem murmurar.

    • As recompensas eternas valem qualquer sacrifício.

    • Não devemos julgar antecipadamente.

    • Precisamos estar dispostos a confiar nas pessoas.

    • Devemos ser desprendidos materialmente.

    • Precisamos colocar as coisas espirituais acima das temporais.

    • Não devemos medir esforços para ajudar o próximo e praticar o bem.

    • Precisamos ser leais ao Senhor.

    • Se estivermos dignos, poderemos receber manifestações divinas.

  • Que possamos lapidar o nosso caráter, tornando-nos mais humildes e espirituais. Que possamos ofertar a Deus, neste Natal, um coração quebrantado e um espírito contrito, como forma de gratidão a Ele, pelas dádivas que nos deu ao enviar Seu Filho, Jesus Cristo, para nos resgatar; e ao Filho, pela disposição de cumprir Sua grande missão sem revidar.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.

Website: http://erikastrassburger.blogspot.com.br/

Lições que podemos aprender com os principais personagens da natividade

Ao lermos a história da natividade, podemos aprender grandes lições pela forma como os personagens envolvidos nesse evento se comportaram ou reagiram.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr