Para pais de atletas: 10 características de um bom treinador de esportes

Como reconhecer um bom treinador de esportes quando seu filho chega no Ensino Médio ou mesmo antes na escola ou em escola privada de esportes? Aqui algumas dicas que lhe ajudarão.

4,471 views   |   7 shares
  • Desde cedo incentivamos nossos filhos à prática de esportes. Temos vantagens e desvantagens, mas não há dúvida que eles estarão em melhor lugar que se estivessem nas ruas, drogas ou fazendo coisas que comprometeriam seu futuro.

  • Temos vários filmes que contam histórias reais de treinadores que mudaram a vida dos jovens, bem como a história de algum time. São excelentes opções para se assistir com a família, principalmente quando se tem adolescentes que praticam esportes, tais como:

    1. Milagre (Miracle, 1980) – hockey.

    2. Treinador Gaines (Coach Gaines, 1990) – futebol americano.

    3. Karate Kid (Karate Kid, 2010) ou o antigo (1984)– karatê.

    4. Lembre os Titãns (Remember the Titans, 2000 ) – futebol americano.

    5. Para Sempre Vencedor (Forever Strong, 2008 ) – rugby.

  • Em todos esses filmes, vemos um treinador que fez a diferença na vida de um jovem. O favorito de nossa família é Para Sempre Vencedor, uma história real que conta a história de um jovem numa escola reformatória, parte do time do treinador Larry Gelwix, treinador do time de rugby do Ensino Médio de uma escola nos Estados Unidos, insistia para a mudança da vida dos jovens.

  • Quando colocar seu filho para praticar esportes, algumas sugestões são válidas na hora de observar o treinador que ele terá. Esse grande detalhe pode fazer toda a diferença na vida de seu filho, e no bem-estar de sua família.

  • 1. Paciência

  • A característica mais importante. Os garotos estão aprendendo, e são adolescentes, e podem reclamar, ou ir devagar ou ter alguma atitude diferente. Um bom treinador sabe de tudo isso, e não requer anjos no campo.

  • Advertisement
  • 2. Tolerância

  • Essa qualidade vai junto com a paciência. Não discriminar nenhum dos garotos e respeitá-los por suas diferenças é primordial.

  • 3. Aceitação

  • Nossos filhos são diferentes. Cada um tem potencialidades e habilidades diferentes. Um bom treinador reconhece cada um como indivíduo e encoraja-os naquelas situações em que precisam melhorar, ou seja, ele consegue ver, e fazer o jovem ver, onde ele tem o potencial para crescer.

  • 4. Motivação

  • Um treinador que motiva seus jogadores, consegue fazê-los ficar interessados nos jogos, bem como nos treinos.

  • 5. Respeito

  • Já foi assistir um jogo de seu filho e achou que o outro time estava apelando e soltou uns gritos? Se não, provavelmente já viu torcedores fazendo isso. Quando o filho é nosso tudo bem, mas quando é o treinador a xingar e a gritar com nossos filhos, a coisa complica. Um bom treinador vai respeitar o jovem para ser respeitado. Não vai xingá-lo de nomes ou castigá-lo porque cometeu um erro. Ele também vai proibir seu time de falar coisas indevidas para o outro time, bem como não permitir que seus jogadores sejam o recipiente de tais atos, também de pais.

  • 6. Espírito Esportivo

  • Você ensinou seu filho a vida toda a aprender a ganhar e perder. O treinador deve continuar fazendo isso.

  • 7. Habilidade de ensinar

  • Tendo um filho esportista em casa já vi de tudo, principalmente treinadores que cobram algo do jovem sem antes ter ensinado. Oras, ele está lá para aprender, não é verdade? Tenha certeza de que o treinador está ensinando algo aos jovens, e que eles estão progredindo. Caso contrário, melhor procurar outro time.

  • 8. Amor pelos jovens

  • Há treinadores e treinadores. Há aqueles que cumprem com o horário de trabalho e não se importam com os garotos a não ser que vençam os jogos. E há aqueles que fazem de cada treino e jogo uma nova experiência de aprendizado, com visão e energia, e isso é contagioso, e seu filho vai estar feliz de ser parte do time.

  • 9. Amor pelo jogo

  • Um bom treinador ama aquele esporte que está ensinando, entusiasmando seu time. Afinal, fazer esportes tem o dever de ser uma experiência positiva, não uma pressão insuportável.

  • 10. Comunicação aberta pais-treinador

  • Um treinador indisponível o tempo todo, que não se importa em comunicar-se com os pais do jovem, é tão inconsequente quanto pais que não se importam em conversar com o treinador querendo saber vez ou outra como o filho está, se pode melhorar, e o que pode fazer para ajudar.

  • Advertisement
  • Uma das razões que os pais encorajam os filhos a praticarem esportes tem a ver com as habilidades aprendidas que não conseguiriam aprender de nenhuma outra forma, além da prática de exercícios, essencial para o crescimento sadio. Enquanto seu filho estiver tendo uma época onde seu time está sempre ganhando é vantagem, mas não é a principal característica a ser observada.

  • Como o treinador do filme Para Sempre Vencedor, Larry Gelwix, ensinou: “Disciplina é parte da vida. Se você for para sempre vencedor dentro do campo, você será para sempre vencedor fora dele.”

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

C. A. Ayres é mãe, esposa, escritora e fotógrafa, pós-graduada em Jornalismo, Psicologia/Psicanálise. Visite seu website.

Website: http://caayres.com/

Para pais de atletas: 10 características de um bom treinador de esportes

Como reconhecer um bom treinador de esportes quando seu filho chega no Ensino Médio ou mesmo antes na escola ou em escola privada de esportes? Aqui algumas dicas que lhe ajudarão.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr