Força de vontade: Criando hábitos saudáveis

Reflexões sobre como ter uma vida mais saudável criando hábitos novos ou mudando os antigos com persistência e determinação.

1,246 views   |   3 shares
  • Interessante como as pessoas têm dificuldade em promover mudanças em suas vidas, mesmo diante de situações desconfortantes e até doentias, muitos preferem manter os mesmos hábitos. Quando escuto alguém afirmar: “Sempre fiz assim”, “Não estou satisfeito, mas está bom” ou “O problema é da outra pessoa” fico mesmo preocupada. Por que não promover as mudanças que precisamos para nos tornarmos pessoas mais satisfeitas?

  • Aristóteles afirmou que: "Somos o que fazemos repetidamente. Por isso o mérito não está na ação e sim no hábito". Podemos, portanto, concluir que um hábito só existirá enquanto insistirmos nele e se não estamos satisfeitos com os resultados que apresentam cabe a nós mesmos transformá-los. Para criar hábitos novos ou mudar antigos é preciso ação, persistência e determinação.

  • Identificação

  • Antes de qualquer coisa precisamos identificar quais os hábitos que não têm colaborado para o nosso bem-estar. Isso requer autoconhecimento, assim como todas as ações positivas. Se você precisa criar um novo hábito ou mudar algum para promover bons resultados é essencial ser muito sincero com você mesmo. Na maioria das vezes as pessoas querem resultados diferentes, mas não querem sair da área de conforto, então preferem ficar inoperantes e continuam frustradas. Também não adianta transferir as responsabilidades disso para os outros; para identificar um hábito é essencial que assumamos as responsabilidades que nos cabe.

  • Avaliação

  • Identificadas as nossas inclinações por determinada ação precisamos avaliar o que ela tem produzido na nossa vida. Lembremos de que toda ação provoca uma reação, então se os resultados não são satisfatórios, só haverá mudança a partir da sua origem, ou seja, da ação. Então é preciso avaliar o que se ganha e o que se perde com o novo hábito. Um exemplo bem comum pode elucidar a questão: uma pessoa que está com excesso de peso pode determinar como mau hábito o sedentarismo. Então ela avalia a criação do hábito de praticar exercício físico e chega à conclusão de que isso é a peça chave para uma vida saudável e equilibrada. Nesse caso a avaliação é extremamente positiva. O mesmo método pode ser usado para o fumo, a maledicência ou qualquer outro hábito vicioso e nocivo.

  • Ação

  • Se você já identificou hábitos que precisa mudar ou criar; se já avaliou o que você ganha e perde com isso, o próximo passo é agir no sentido de efetivar essas transformações na sua vida. Toda mudança de procedimento exige esforço, portanto, não conte com facilidades, mas é muito recompensador enfrentar isso. Quando agimos em conformidade com o que pensamos ser o melhor, alimentamos nossa autoestima e nos tornamos mais confiantes e resolutos diante de qualquer dificuldade. O ideal é começar a exercer novos hábitos exercitando-os diariamente até que, por repetição, incorporemos em nosso comportamento. Mas lembre-se de procurar ajuda se não conseguir sozinho, para mudar um mau hábito você pode contar com um coaching ou psicólogo.

  • Advertisement
  • Determine seus objetivos, tenha persistência e você os alcançará!

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: https://www.youtube.com/user/SuelyBuriasco

Força de vontade: Criando hábitos saudáveis

Reflexões sobre como ter uma vida mais saudável criando hábitos novos ou mudando os antigos com persistência e determinação.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr