Hepatite: Sinais que podem ser alarmantes

Como identificar se uma pessoa contraiu Hepatite, o que fazer e onde buscar ajuda.

6,222 views   |   18 shares
  • A Hepatite causa inflamação no fígado e no início é assintomática (sem sintomas). Existem 10 tipos de Hepatite:

    • Hepatite A (HAV).

    • Hepatite B (HBV).

    • Hepatite C (HCV).

    • Hepatite D (VHD).

    • Hepatite E (HEV, rara).

    • Hepatite F (HFV, rara).

    • Hepatite G (HGV, rara).

    • Hepatite autoimune

    • Hepatite medicamentosa.

    • Hepatite crônica.

  • Como se pega Hepatite?

  • Hepatite A

  • Pega-se na água ou em alimentos que estejam contaminados e por isso é tão importante desinfetar com cloro. Esse tipo de Hepatite pode ser transmitido também de uma pessoa para a outra. Ela pode se tornar crônica. Inicialmente ela pode ser assintomática, ficando incubada no organismo de 10-50 dias. Após esse período, ela começa a apresentar alguns sinais alarmantes:

    • Febre.

    • Vômitos.

    • Olhos e pele amarelados.

    • Fezes esbranquiçadas.

    • Urina com cor escura.

    • Dores abdominais.

    • Falta de apetite.

  • Causas

  • As principais causas são: Vírus, infecção bacteriana, substâncias tóxicas, distúrbios de imunidade ou do metabolismo. Ela pode ser aguda, lenta ou crônica.

  • Hepatite B, C, D, E, F, G, autoimune, medicamentosa e crônica

  • A Hepatite B, C, F e G são transmitidas principalmente pelo sangue ou secreção contaminada (sexo incluso). Por isso é importante a precaução com seringas e materiais para procedimentos cirúrgicos. Pessoas que fazem tatuagem correm grande perigo de contrair a Hepatite.

  • Ao ir ao médico ou dentista, verifique se objetos cirúrgicos, como injeções ou qualquer outro material utilizado para prevenir ou controlar algum efeito sobre a saúde, estão bem higienizados ou, de preferência, eles devem ser descartáveis.

  • A Hepatite B é transmitida principalmente na relação sexual. A Hepatite B e C são as mais perigosas e dificilmente mostram sinais. Quando isso ocorre, o portador já está com Hepatite há anos, sem saber. Recomenda-se fazer exame de sangue, caso haja suspeita.

  • O vírus da Hepatite pode evoluir para um câncer de fígado ou cirrose. Vale lembrar que o consumo de álcool também pode causar Hepatite e cirrose (é quando há nódulos de fibrose no fígado) e pode matar, pois pode causar paralisia ou comprometer a função do fígado.

  • Advertisement
  • A Hepatite D depende da B para se propagar no portador. Os cuidados são os mesmos para prevenção.

  • A Hepatite E, sua transmissão é fecal-oral. Por isso a importância de sempre lavar as mãos ao ir ao banheiro, ao trocar fraldas do bebê ou geriátrica, evitar contato com riachos, lama ou locais com esgoto a céu aberto (principalmente crianças que gostam de brincar em locais assim), lavar bem utensílios domésticos, como talheres e copos.

  • A Hepatite F ainda é muito desconhecida, pouco se sabe a respeito. A Hepatite G é a evolução da B, C ou HIV+.

  • A Hepatite autoimune é quando o indivíduo possui uma doença genética, onde suas próprias células destroem as células saudáveis do fígado. Uma pessoa com esse tipo de Hepatite, sem cuidados médicos, pode viver apenas 10 anos.

  • Hepatite medicamentosa

  • ocorre quando o fígado inflama, devido ao uso constante de medicamentos fortes que causam intoxicação, e não consegue sozinho metabolizá-lo.

  • Hepatite crônica

  • é permanente, podendo evoluir para cirrose ou câncer no fígado.

  • Quanto álcool é necessário para causar danos ao fígado ?

  • Segundo este artigo, consumos diários em torno de 20-40 gramas de álcool em mulheres e 80 gramas em homens (uma taça de vinho = 20 grs ; uma dose de destilado = 60grs; uma garrafa de cerveja = 25grs) provocam o desenvolvimento de cirrose em aproximadamente 10 anos.

  • (Essa é a estatística para pessoas que não sofrem de doenças do fígado. Para aqueles que já apresentam danos no fígado, recomenda-se a abstinência total.)

  • Tratamento e cura

  • Segundo a Associação Brasileira de Hepatite, as hepatites têm tratamento e grande chance de cura. O tratamento é um pouco duro, mas é tolerável e cura cerca de 50% das pessoas infectadas.

  • Remédios

  • Os remédios aprovados pelos órgãos de saúde, para tratamento da hepatite C, são dois: INTERFERON e RIBAVIRINA.

  • Os médicos recomendam repouso absoluto, uma dieta balanceada, um medicamento ou outro para amenizar enjoos e evitar, absolutamente por um ano, bebidas que contenham álcool.

  • Conta-se que os indígenas utilizavam doce para curar a Hepatite. A dieta consistia em comer ervas com bastante açúcar, que provavelmente vinha da cana. Algumas pessoas utilizam o doce a seu favor como fonte de cura para a Hepatite. A acerola também era e é utilizada para combater a doença, mas não existe nenhum dado comprobatório.

  • Advertisement
  • Como se prevenir?

  • Lave bem e cozinhe os alimentos, tome água limpa e potável. Existe a vacina contra a Hepatite B, fornecida gratuitamente pelo SUS. Não utilize alicates, cortadores de unhas, barbeador ou escova de dentes de outra pessoa. Quando alguém em sua casa estiver com Hepatite, lave com cloro o banheiro de casa. As roupas e lençóis precisam ser trocados, e a casa necessitará de limpeza e higiene constantes.

  • Referências: Minha Vida, Cria Saúde, ABPH, Hepcentro e DST - AIDS Hepatites Virais.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Graduada em RH, acredito que nossa vida têm verdadeiro propósito, sou SUD, sei que toda dor e aflição é uma fonte de virtude e força espiritual, que nos molda e purifica.

Website: http://fernandaferrazmeuspassospelocaminho.blogspot.com.br

Hepatite: Sinais que podem ser alarmantes

Como identificar se uma pessoa contraiu Hepatite, o que fazer e onde buscar ajuda.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr