Como harmonizar as diferenças no casamento

Algumas considerações sobre as diferenças de cada cônjuge e a maneira de harmonizá-las.

6,344 views   |   26 shares
  • Ninguém é igual a ninguém; sempre existem afinidades e incompatibilidades, pois, o ser humano é único. A isso equivale dizer que conviver com as diferenças faz parte da vida em sociedade. Num relacionamento tão íntimo quanto o amoroso é normal que as divergências sejam mais evidentes e representem desafios importantes para a boa convivência. Afinal, são duas personalidades que viveram contextos diferentes, incluindo cultura, educação, crenças e valores, que passam a viver juntas.

  • É preciso grande esforço para lidar com as diferenças em qualquer tipo de relação, ainda mais no casamento, mas é interessante observar que são elas que nos fazem crescer. Se fosse possível conviver somente com pessoas iguais a nós não teríamos nada a aprender uns com os outros; assim esse é um aprendizado que promove crescimento espiritual. Para entender e harmonizar a convivência é importante aceitar que seu cônjuge não pode, nem deve agir, pensar ou sentir a seu modo. Lembre-se que cada pessoa tem a sua própria maneira de ser e se manifestar.

  • Compreender a visão do outro

  • Importante que tenhamos em mente que aceitar conceitos diferentes não é relevar nossa própria identidade, e sim compreender a visão do outro. É uma posição madura de identificar o próprio ponto de vista, considerando igualmente o do cônjuge. E nesse sentido buscar um acordo que represente, acima de tudo, o respeito de ambos e o desejo de uma boa convivência.

  • Assim, ao invés de brigar por sua posição, você pode negociar as situações conversando com seu cônjuge. Uma boa forma de agir é expor o próprio pensamento e ouvir o do cônjuge, então juntos definir o que pode ser feito para chegarem a um consenso que seja satisfatório e feliz para ambos. Expressar sentimentos e valorizar as impressões do outro; não só escutar, mas compreender é medida fundamental e inteligente de harmonizar as diferenças entre duas pessoas.

  • Negociar com assertividade

  • Para chegar a um acordo satisfatório é fundamental desenvolver a capacidade de colocar limites, do contrário um acabará cedendo sempre mais do que o outro, sentindo-se lesado. A assertividade cria uma boa condição para negociar na relação; para tanto é preciso ser verdadeiro e saber quando determinar o “sim” e o “não”. Esse posicionamento exige autoconhecimento e autoconfiança, para saber realmente o que se quer e como conseguir.

  • O grau de autoconfiança de uma pessoa é medido por sua autoestima. A falta de confiança em si mesmo pode trazer algumas características como medo de amar, da mudança, de cometer erros, da solidão, de assumir compromissos e responsabilidades. Dessa forma a pessoa acaba neutralizando sua própria vontade, passando a ser gerida pelo outro. Essa dependência causa grande estrago nas relações. Daí a importância do autoconhecimento e do aprimoramento da autoestima.

  • Advertisement
  • Ampliar a tolerância e a paciência

  • Considerar as diferenças, admitindo e respeitando as próprias opiniões e as contrárias, enriquece muito a convivência e representa grande ganho pessoal. Convivendo de forma harmônica ampliamos a tolerância e a paciência, tornando-nos pessoas melhores. Sem contar que nos fazemos aptos a enfrentar dificuldades não só na família, como no trabalho e em qualquer comunidade que participamos.

  • Interessante concluir que se as diferenças nos fazem despender grande esforço, não considerá-las nos encaminha para a solidão. Ninguém tem prazer em conviver com uma pessoa egocêntrica, sempre cheia de razão ou, ao contrário, sem autenticidade e subordinada.

  • Uma convivência harmônica é consequência do respeito, da amizade e da consideração por si próprio e pelo outro.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: https://www.youtube.com/user/SuelyBuriasco

Como harmonizar as diferenças no casamento

Algumas considerações sobre as diferenças de cada cônjuge e a maneira de harmonizá-las.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr