Como harmonizar as diferenças no casamento

Algumas considerações sobre as diferenças de cada cônjuge e a maneira de harmonizá-las.

6,146 views   |   24 shares
  • Ninguém é igual a ninguém; sempre existem afinidades e incompatibilidades, pois, o ser humano é único. A isso equivale dizer que conviver com as diferenças faz parte da vida em sociedade. Num relacionamento tão íntimo quanto o amoroso é normal que as divergências sejam mais evidentes e representem desafios importantes para a boa convivência. Afinal, são duas personalidades que viveram contextos diferentes, incluindo cultura, educação, crenças e valores, que passam a viver juntas.

  • É preciso grande esforço para lidar com as diferenças em qualquer tipo de relação, ainda mais no casamento, mas é interessante observar que são elas que nos fazem crescer. Se fosse possível conviver somente com pessoas iguais a nós não teríamos nada a aprender uns com os outros; assim esse é um aprendizado que promove crescimento espiritual. Para entender e harmonizar a convivência é importante aceitar que seu cônjuge não pode, nem deve agir, pensar ou sentir a seu modo. Lembre-se que cada pessoa tem a sua própria maneira de ser e se manifestar.

  • Compreender a visão do outro

  • Importante que tenhamos em mente que aceitar conceitos diferentes não é relevar nossa própria identidade, e sim compreender a visão do outro. É uma posição madura de identificar o próprio ponto de vista, considerando igualmente o do cônjuge. E nesse sentido buscar um acordo que represente, acima de tudo, o respeito de ambos e o desejo de uma boa convivência.

  • Assim, ao invés de brigar por sua posição, você pode negociar as situações conversando com seu cônjuge. Uma boa forma de agir é expor o próprio pensamento e ouvir o do cônjuge, então juntos definir o que pode ser feito para chegarem a um consenso que seja satisfatório e feliz para ambos. Expressar sentimentos e valorizar as impressões do outro; não só escutar, mas compreender é medida fundamental e inteligente de harmonizar as diferenças entre duas pessoas.

  • Negociar com assertividade

  • Para chegar a um acordo satisfatório é fundamental desenvolver a capacidade de colocar limites, do contrário um acabará cedendo sempre mais do que o outro, sentindo-se lesado. A assertividade cria uma boa condição para negociar na relação; para tanto é preciso ser verdadeiro e saber quando determinar o “sim” e o “não”. Esse posicionamento exige autoconhecimento e autoconfiança, para saber realmente o que se quer e como conseguir.

  • O grau de autoconfiança de uma pessoa é medido por sua autoestima. A falta de confiança em si mesmo pode trazer algumas características como medo de amar, da mudança, de cometer erros, da solidão, de assumir compromissos e responsabilidades. Dessa forma a pessoa acaba neutralizando sua própria vontade, passando a ser gerida pelo outro. Essa dependência causa grande estrago nas relações. Daí a importância do autoconhecimento e do aprimoramento da autoestima.

  • Advertisement
  • Ampliar a tolerância e a paciência

  • Considerar as diferenças, admitindo e respeitando as próprias opiniões e as contrárias, enriquece muito a convivência e representa grande ganho pessoal. Convivendo de forma harmônica ampliamos a tolerância e a paciência, tornando-nos pessoas melhores. Sem contar que nos fazemos aptos a enfrentar dificuldades não só na família, como no trabalho e em qualquer comunidade que participamos.

  • Interessante concluir que se as diferenças nos fazem despender grande esforço, não considerá-las nos encaminha para a solidão. Ninguém tem prazer em conviver com uma pessoa egocêntrica, sempre cheia de razão ou, ao contrário, sem autenticidade e subordinada.

  • Uma convivência harmônica é consequência do respeito, da amizade e da consideração por si próprio e pelo outro.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: https://www.youtube.com/user/SuelyBuriasco

Como harmonizar as diferenças no casamento

Algumas considerações sobre as diferenças de cada cônjuge e a maneira de harmonizá-las.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr