É dando que se recebe

Dicas para trazer equilíbrio financeiro para sua família e prosperidade.

1,019 views   |   shares
  • Se você quer melhorar a sua situação financeira, o que você deve fazer primeiro? Poupar para pagar os estudos de seu filho? Pagar a dívida do cartão de crédito? Contribuir para a sua aposentadoria privada? Que tal nenhuma das opções acima? Se você quer melhorar a sua situação financeira, a primeira coisa que você deve fazer é compartilhar o seu dinheiro.

  • Dr. Martin Luther King Jr. disse: "Todo homem deve decidir se ele vai caminhar na luz do altruísmo criativo ou na escuridão do egoísmo destrutivo”. Esse é o julgamento. A pergunta mais persistente e mais urgente da vida é: “O que você está fazendo para o seu próximo?”

  • Para as pessoas que não seguem esta prática extremamente comum, doar dinheiro parece ser a última coisa que você deve fazer quando seu saldo de poupança é baixo, suas faturas de cartão de crédito são altas e o salário da aposentadoria é assustador. No entanto, milhões de pessoas em todo o mundo fazem disso a primeira coisa com o seu salário. A generosa caridade tem sido um princípio básico do Cristianismo, Judaísmo, Islamismo, e muitas outras religiões ao redor do mundo. O dinheiro doado é sem dúvida bem utilizado, mas dar o dinheiro que poderia ser usado para outras necessidades, realmente beneficia o doador? Absolutamente.

  • Alguns anos atrás, o pastor da igreja que eu frequentei pediu à congregação para contribuir para uma campanha de caridade (Sub-for-Santa) que ajudaria algumas famílias carentes da redondeza. Uma mulher, que tinha economizado dinheiro dando aula de música para substituir o tapete desgastado em sua sala de estar, se sentiu obrigada a contribuir com 600,00 dólares para os esforços da campanha de caridade. O novo tapete teria que esperar. Pouco tempo depois ela doou o dinheiro para o restaurante japonês que ficava do outro lado da rua da igreja e que havia pegado fogo. O escritório de advocacia ao lado do restaurante tinha acabado de instalar um novo tapete três meses antes. A companhia de seguros achou necessário que tudo fosse removido da empresa por causa dos danos da fumaça, incluindo o tapete, que ficou perfeitamente bem. Parte do tapete terminou no quarto da mulher. Ela brincou dizendo que se soubesse que isso aconteceria, ela teria doado mais dinheiro, para buscar outro tapete que seria queimado por um outro restaurante japonês ao lado de um outro escritório de advocacia. Tão surpreendente quanto esta história parece, é um evento comum que quando você dá alguma coisa, você recebe em dobro.

  • Um lago é um ambiente saudável, vivo apenas quando há água entrando e saindo. Se há água só entrando, o lago ficará muito salgado e todas as coisas vivas morrerão. O mesmo acontece com os seres humanos. No passado, o cientista político e professor da Harvard, Edward C. Banfield entendeu isto quando escreveu A Base Moral de uma Sociedade Atrasada. Banfield passou dois anos na década de 1950 em um pequeno vilarejo europeu. Ele notou que, embora os moradores tivessem muito tempo livre fora do plantio e período de colheita, eles não faziam nenhum esforço para ajudar o orfanato local ou igreja. Não havia esforço individual para melhorar as escolas locais ou serviços de saúde. A menos que alguém fosse da família, ninguém poderia esperar nenhuma ajuda de um vizinho. Banfield contrastou esta vila com outra de tamanho similar no sul de Utah. Apesar do clima ruim para as colheitas e ter recursos naturais limitados, esta cidade estava prosperando. Tinha um jornal semanal, a Cruz Vermelha estava conduzindo uma unidade de participação, uma empresa local tinha contribuído uma enciclopédia para o distrito escolar, o dinheiro estava sendo levantado para construir dormitórios adicionais para os anos iniciais da faculdade local, e uma igreja local estava coletando moedas de um centavo para apoiar um hospital de 350 milhas de distância. Banfield concluiu que a cidade americana estava prosperando porque compartilhava de um valor fundamental que era a doação. A cidade europeia permaneceu mergulhada na pobreza porque desconhecia este valor fundamental que era a doação.

  • Advertisement
  • No livro Quem Realmente Se Importa, o economista e especialista em política pública, Arthur C. Brooks, também identificou que a doação individual é a melhor solução para os males sociais. Ele não só beneficia o receptor e o doador, mas toda a nação. Caridade e prosperidade andam juntas. Atos de caridade fortalecem as redes sociais que estimulam o sucesso econômico. Brooks cita estudos que mostram que os benefícios para o doador incluem a prosperidade financeira, saúde e felicidade. Seus dados mostram que uma pessoa caridosa vai ganhar, em média, 14.000 dólares a mais por ano do que uma pessoa sem caridade. Ele descobriu que as pessoas pobres que têm caridade são muito mais propensas a escapar da pobreza. As pessoas que são doadoras regulares de sangue estão mais propensas a serem mais felizes e mais saudáveis do que aquelas que não são doadoras. Idosos que se doam têm uma chance de 60 por cento a mais de viver do que aqueles que não se doam. Estudos após estudos mostram os benefícios reais que vêm para aqueles que fazem da doação uma prioridade.

  • Sim, seria ótimo ter milhões na poupança para emergências. Sim, seria bom para pagar as dívidas mais rapidamente. Sim, seria bom ter faculdade e aposentadoria totalmente financiada. Mas a forma inteligente de alcançar a prosperidade financeira é a de começar fazendo as doações, a sua prioridade número um. Além disso, se você possui um restaurante japonês, certifique-se de que seu seguro contra incêndio está em dia.

  • Traduzido e adaptado por Jaguaraci N. Santosdo original Give back to get ahead, de Don Milne.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos e familiares..

Don Milne is the Zions Bank Financial Literacy Manager.

É dando que se recebe

Dicas para trazer equilíbrio financeiro para sua família e prosperidade.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr