3 erros que os pais sozinhos devem evitar

Com sabedoria e paciência os pais solteiros podem se sair bem nessa importante tarefa.

556 views   |   shares
  • Ser pais sozinhos ou solteiros requer um equilíbrio delicado para manter a vida funcionando sem problemas e proporcionar às crianças o ambiente acolhedor que elas precisam. No caso de morte, divórcio ou separação, os pais devem lidar com uma mudança abrupta em suas responsabilidades. Seus papéis como pais, sua relação com seus filhos, e suas rotinas anteriores necessitarão de uma adaptação súbita. A questão financeira pode ser um grande obstáculo a se superar. Se apenas um dos pais for o provedor da família, no caso de morte ou divórcio, pode haver uma mudança drástica na situação financeira. O trabalho pode sofrer em termos de promoções e renda por causa das exigências de cuidar das crianças. Pais solteiros também têm o seu tempo preenchido com as diversas demandas da vida. Resta muito pouco para coisas pessoais, depois do trabalho, dos cuidados infantis, e as responsabilidades adicionais serem tratadas. No geral, ser mãe solteira é frequentemente enfrentar intensas demandas emocionais e estresse.

  • No entanto, isso não tem que ser assim. Enquanto pais solteiros têm seus próprios desafios e dificuldades em relação à paternidade sem um parceiro, existem maneiras de gerir a sua vida de modo que você pode fornecer um ambiente feliz e estável para si e para as crianças. As dicas a seguir irão ajudá-lo a evitar alguns dos erros mais comuns que os pais solteiros fazem ao tentar conciliar os desafios de sua situação.

  • 1. Não criar expectativas irreais

  • Suas expectativas de organização familiar, rendimentos do trabalho, desempenho na criação da criança pode precisar de algum reajuste quando você se torna um pai solteiro. Por exemplo, depois de um divórcio a maioria das pessoas experimenta uma mudança drástica no estilo de vida. Um casal em que ambos os parceiros trabalharam agora deve depender exclusivamente dos seus rendimentos individuais para sobreviver. Se um dos cônjuges trabalhou enquanto o outro ficava em casa e cuidava do lar e de criar os filhos, ambos terão de assumir novos papéis, tais como, encontrar um emprego ou assumir mais responsabilidades domésticas e de cuidados infantis. Se você espera a perfeição em cada área de sua vida, prepare-se para ficar desapontado ou extremamente estressado. Avaliar suas prioridades e decidir quais são as mais importantes e o que você pode deixar "para depois". Esteja preparado para fazer concessões e aprender a dizer "não" aos compromissos desnecessários. Em vez de se concentrar no que você não está conseguindo fazer, tome nota de suas realizações, apesar das dificuldades.

  • Advertisement
  • 2. Não sobrecarregar seus filhos

  • Quando você é um pai/mãe solteiro, você não tem a opção de compartilhar responsabilidades com o cônjuge. Isso requer que você dependa de seus filhos para ajudar mais do que seria necessário antes. Embora seja bom para os seus filhos aprender a ter responsabilidade e trabalhar em equipe, certifique-se de que seus filhos são maduros o suficiente para lidar com as responsabilidades colocadas sobre seus ombros. Comunique-se muitas vezes com seus filhos e deixe-os expressar seus pensamentos e sentimentos sobre o que eles querem. Dê-lhes tempo para brincar e se divertir com os amigos. Criar muita expectativa de que seus filhos participem como membros colaboradores pode resultar em ressentimentos e rebelião.

  • 3. Não negligencie suas necessidades pessoais

  • Pais solteiros muitas vezes pensam que não podem dar-se ao luxo de ter tempo para si, porque há muita coisa para fazer. No entanto, descartar a sua necessidade de tempo pessoal, atividades individuais e realização só irá criar ressentimento que seus filhos perceberão e pelo qual eles se sentirão responsáveis. Encontre uma babá em quem você possa confiar e despenda algum tempo para aprender uma nova habilidade, participar de um hobby ou sair com os amigos. Ter tempo para si mesmo regularmente, irá permitir-lhe voltar para seus filhos revigorado e rejuvenescido e você vai ser um pai/mãe melhor para ele.

  • Traduzido e adaptado por Stael Metzger do original 3 mistakes single parents should avoid, de Lynn Scoresby.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Nos ajude a divulgar a mensagem...

Dr. A é um terapeuta familiar há mais de 35 anos e já publicou mais de 20 livros/programas de treinamento.

Website: http://www.FirstAnswers.com

3 erros que os pais sozinhos devem evitar

Com sabedoria e paciência os pais solteiros podem se sair bem nessa importante tarefa.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr