10 segredos dos trabalhos manuais

Quando você se torna um artesão é porque detém estes dez segredos dos trabalhos manuais. E o ciclo deve começar, pois em algum lugar existe uma pessoa que não os conhece e vai precisar aprender.

620 views   |   shares
  • Trabalhar com as mãos, usar a criatividade,... Habilidades que foram sendo passadas de geração para geração desde a criação do homem na terra.

  • O Senhor nos deu todos os recursos para construirmos instrumentos e ferramentas com as nossas mãos, para que pudéssemos melhorar o nosso dia a dia, aquecendo o corpo, construindo abrigos, protegendo os membros do corpo. E a cada geração, esse processo foi melhorando e se aprimorando.

  • Claro que alguns têm mais facilidades com certas áreas de atuação do artesanato do que outras. Mas é justamente isso que nos completa, pois uns podem ensinar os outros.

  • Trabalhos manuais, na verdade, não têm 10 segredos, talvez, tenham muito mais e ao mesmo tempo nenhum. Tudo dependerá de seu interesse em aprender e ensinar. Assim que descobrimos uma arte nova, ela deixa de ser segredo e passa a ser parte de nós.

  • Neste artigo, vamos tentar “desvendar” pelo menos 10 segredos dos trabalhos manuais. Segredos que, a partir do momento que soubermos, devem ser incorporados a nossa maneira de atuar, seja qual for a área em que vamos escolher para produzir.

  • 1. Desejo

  • Sem desejar aprender e fazer, fatalmente, vamos nos desanimar e desistir.

  • 2. Disciplina

  • Desejo somente não basta para se ter habilidades manuais. São necessários disciplina, persistência e treino.

  • 3. Criatividade

  • Assim que o domínio da técnica já estiver mais seguro, o artesão precisa desenvolver a criatividade para que não fique somente na cópia de outros. Não que copiar o que é bom e belo seja errado. Mas se não criarmos coisas novas, técnicas novas, vamos viver na mesmice.

  • 4. Dedicação

  • Existem técnicas de trabalhos manuais que exigem muita dedicação. Para o aperfeiçoamento da técnica e desenvolvimento da criatividade, pelo menos alguns minutos do dia devem ser dedicados à prática.

  • 5. Qualidade

  • Esse é o segredo que fica no meio dos 10 que citaremos, pois a qualidade é o tempero do sucesso, da realização pessoal e do reconhecimento do trabalho. Primar pela qualidade na escolha do melhor material, certificar-se das medidas, harmonia das cores e junção de tipos diferentes de matéria-prima. Qualidade é a confirmação de que os quatro primeiros segredos foram aprendidos.

  • 6. Valorização

  • Quem não sabe o trabalho e as etapas que uma peça ou objeto feito à mão exigem nunca vai olhar para ele com o valor que ele merece. Por isso, se o artesão não valorizar seu trabalho, certamente, os outros também não o farão. Isso não significa ser orgulhoso, altivo, mas, sim, a partir da humildade, conseguir mostrar o valor da obra que nasce de um pedaço de madeira e de uma lamina nas mãos de um artista.

  • Advertisement
  • 7. Cooperação

  • O artesão que quer ser um profissional da área precisa deixar de competir negativamente e se tornar competitivo. Isso significa que deve-se unir a sua classe, como um grupo em defesa da mesma causa: buscar recursos em comum, espaços melhores e valorização da arte.

  • 8. Inovação

  • Falamos em criatividade no terceiro segredo, agora, chegou a vez de buscar o novo com essa criatividade desenvolvida. Inovação é trazer a mesma obra de maneira diferente. Conhecendo as necessidades do público, buscar novos nichos e procurar atendê-los. Exemplo, talvez a escultura na madeira, que há anos é feita com matéria-prima em extinção, pudesse ser oferecida de maneira mais ecológica, atendendo à necessidade deste nicho que surge com pensamento de eco-sustentabilidade.

  • 9. Paixão

  • Esse segredo, na verdade, o artesão irá descobrir por si só, nem seria necessário o expor aqui, pois assim que ele descobre os oito segredos anteriores, ele descobrirá que a paixão é o segredo que o fez se manter ativo, sobrepujando todos os desafios e dificuldades.

  • 10. Passar adiante

  • Encerramos com o segredo mais importante dos dez que nos propomos a destacar nos trabalhos manuais, pois se a técnica não for passada adiante morrerá com o artista e será enterrada para sempre com ele. COMPARTILHAR, ENSINAR é saber que todo esforço, toda dedicação, que os erros e acertos valeram à pena. Passar a arte adiante é manter-se vivo, e ser eternizado nela.

  • E Agora você já sabe! Então, escolha a técnica que mais lhe agrada e pratique os dez segredos dos trabalhos manuais.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe em um segundo!

Graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. Casada mãe de 6 filhos, avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitu

10 segredos dos trabalhos manuais

Quando você se torna um artesão é porque detém estes dez segredos dos trabalhos manuais. E o ciclo deve começar, pois em algum lugar existe uma pessoa que não os conhece e vai precisar aprender.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr