O que fazer quando seu filho tem estilo 'valentão'

Como lidar com seu filho quando ele é um valentão.

1,064 views   |   1 shares
  • A verdade é que, para nós, mães, nossos filhos são sempre os melhores. E, também, é verdade que enxergamos os defeitos, embora, muitas vezes, não admitimos para as pessoas, pois acreditamos, fielmente, que podemos ajudar os nossos filhos a superar seus defeitos, desafios e dificuldades de relacionamento. E, por certo, podemos.

  • Algumas crianças não sabem lidar ainda com a sua força. Muitas não conseguem se expressar ou até falar corretamente. No caso de crianças pequenas que usam a força para resolver suas questões, chegando a agredir outras crianças com tapas e até mordidas (claro que seu filho não vai matar ninguém com uma mordida), acabam causando incômodos.

  • Sei que as mães sofrem muito com os filhos valentões, que elas fazem de tudo para melhorar o comportamento dos filhos e se abalam quando algo acontece, gostariam que seu filho tivesse outro comportamento e temem que seu filho seja excluído do convívio dos coleguinhas. Isso traz angústia e tristeza.

  • Tenho um filho de cinco anos que era um valentão e passei por algumas experiências com ele. Garanto que nós dois sofremos muito até conseguirmos encontrar a solução. Vou compartilhar algumas dicas para você saber lidar e melhorar um filho valentão.

  • Entenda

  • Entenda que seu filho não é mau. As crianças são boas, algumas, apenas, têm diferentes temperamentos e ainda não sabem lidar muito bem com eles. Muitas usam a força e mordidas para resolver seus problemas. No caso dos meninos, a culpa é da testosterona, como afirma o escritor de best-seller Steve Biddulph, esse hormônio dá mais força e os meninos necessitam extravasá-la.

  • Não se culpe

  • Você pode se sentir triste, mas não culpada. Acredito que as mães têm o grande papel de direcionar um filho. Se ele está errado, a mãe percebe e direciona para o melhor caminho.

  • Não bata

  • A velha frase que diz: “Bater não resolve" é verdadeira. Quando você bate, na verdade, está ensinando seu filho que tudo se resolve no tapa, demonstra também descontrole, que nem você sabe o que fazer. Sem contar que ao batermos em uma criança, estamos humilhando ela. Sinceramente, acho uma grande covardia, pois a criança não consegue se defender, e as consequências ficam, muitas vezes, para sempre. Pode perguntar para um adulto se ele não lembra que o pai ou a mãe lhe batia?

  • Resolvendo de fato com paciência

  • Acredito que a paciência é a chave de toda transformação. Seja paciente com seu filho, não o agrida.

  • Dê mais atenção

  • Advertisement
  • Os valentões gostam de chamar a atenção, pois estão necessitando disso. Preste atenção ao seu filho, quando ele estiver assistindo algo e você percebeu que ele gostou, vá até ele e compartilhe de seu gosto, de sua alegria, pergunte do que ele gosta nos brinquedos de que mais gosta, coisas assim.

  • Também observe quando ele fizer algo errado, pare o que estiver fazendo, deixe a louça na pia, a roupa na máquina e corrija, imediatamente. Muitas mães deixam os filhos fazerem o que quiserem porque precisam terminar alguma tarefa. Pare as tarefas, mesmo as importantes, seu filho não tem preço. Essa regra é valiosa e os resultados são visíveis.

  • Demonstre amor

  • Mães amam seus filhos, mas ficam chateadas quando eles fazem algo errado, é natural. Corrija seu filho mas, imediatamente, demonstre um amor maior, faça um carinho no cabelo, dê um abraço apertado, um beijo, chame-o, simplesmente, para fazer um carinho e diga: “Eu te amo”. Outra dica é abaixe o tom de voz, esforce-se para falar com calma e baixo, sem brigas e intimidações. Lembre-se, eles são apenas crianças e o melhor ensino é o seu exemplo.

  • Elogio

  • Elogie, faça festa, dê valor quando o seu filho fizer algo correto e bom, esforce-se para perceber e para que ele perceba sua alegria.

  • Divirtam-se

  • Muitas mães acham que seus filhos não se comportam direito, às vezes, evitam as pessoas, a sociedade, preferem ficar em casa a ter de passar (vergonha). Acho isso errado e acredito que as crianças precisam do convívio com outras crianças para aprenderem seus limites, aprenderem que se baterem, o amiguinho não vai querer brincar mais com ele e assim por diante. Por isso, saiam em família, visitem os amigos com as crianças, fiz isso com meu filho, ele deu um pouco de trabalho no início, mas depois ficou feliz em encontrar os amigos e passou a valorizar e respeitar a amizade.

  • Uma dica para gastar energia é a prática de exercícios físicos. Matricule seu filho em algum esporte, para que ele canalize suas ideias e gaste energia.

  • Premiações

  • Mude o foco, comece a colocar outras coisas na vida de seu filho, você pode ensiná-lo a ler, fazendo metas e premiações ao realizar as metas. Assim, a criança tira o foco da valentia e pensa em outras coisas.

  • Depois da observância dessas regras, meu filho, que era um valentão, mudou bastante, pelos ensinamentos e pela idade. Ele está sempre me dizendo: "Mãe, eu te amo!" e "Me dá um beijo!" ou faz um carinho, acho muito fofo. Também é cercado de amiguinhos que estão sempre procurando-o para brincar, e se alguém faz algo errado, ele é o primeiro a dizer: "Não pode!" Essa é a melhor recompensa depois de tanto esforço.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe agora...

Gosto da boa literatura, dos mais diversos assuntos principalmente quando são relacionados à família e seu desenvolvimento. Sempre procuro ler e escrever, amo estar com minha família e dedicar tempo ao meu marido e a cada um de meus filhos.

O que fazer quando seu filho tem estilo 'valentão'

Como lidar com seu filho quando ele é um valentão.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr