Dicas de como agir quando os filhos brigam demais

"Brigas costumam acontecer assim: interpretações diferentes do mesmo acontecimento." . Veja algumas dicas para ajudar a melhorar a discórdia entre irmãos.

11,983 views   |   57 shares
  • Brigas e discussões entre irmãos, infelizmente, são muito normais e fazem parte do cotidiano de muitas famílias. No entanto, essas discórdias, algumas vezes, ultrapassam os limites e acabam por atrapalhar a vida em família e aumentar o stress.

  • É fundamental que os pais estejam atentos e pacifiquem as brigas sempre que elas acontecerem para que se tornem cada vez menos frequentes. As crianças precisam saber que os pais estão no comando e que há limites a serem respeitados. Necessitam, inclusive, entender que os seus limites terminam quando os de seus irmãos começam.

  • Limites devem, inclusive, ser colocados aos filhos para justamente evitar as discórdias antes que elas ocorram.

  • Quando as brigas acontecem, os pais devem tomar algumas medidas para apaziguar esses tais desentendimentos e tornar a vida familiar mais tranquila:

  • 1) No auge da discussão, procure interromper com liderança, porém sem agressividade e aumento de voz. Ouça atentamente o que cada um tem a dizer sobre o ocorrido e procure mostrar a eles uma solução para aquela discórdia, questione-os também sobre quais atitudes poderiam ter sido tomadas para não chegarem ao ponto de discutir. Faça disso um exercício com eles, para que eles possam achar as soluções que deveriam ter tomado antes de optarem pela discussão.

  • 2) Próximo passo é fazer com que eles possam desculpar-se entre si e deixar tudo em paz novamente.

  • 3) Estar mais presente na vida dos filhos, conhecendo mais seus gostos, as coisas e atitudes que os incomodam pode ajudar. Dessa forma, é possível tornar comum esse conhecimento a todos os outros membros da família (inclusive os irmãos) para que assim respeitem os limites uns dos outros evitando confrontos desnecessários.

  • 4) Ter mais tempo de lazer em família, fazendo com que as crianças possam se divertir juntas é uma atitude de prevenção. A diversão une mais a família e faz com que sejam mais unidos.

  • 5) A religião é de suma importância na vida de todos, inclusive na dos pequenos, e o conhecimento de um Pai Celestial amoroso é fundamental e imprescindível para uma vida familiar mais tranquila, trata-se de mais uma atitude preventiva.

  • 6) Procure ter mais conversas individuais com seus filhos, passe mais tempo com cada um deles individualmente e exponha a cada um a sua insatisfação com as frequentes brigas e discussões, peça a eles que possam evitá-las. Eles precisam saber que seus desentendimentos entristecem os pais.

  • Advertisement
  • Não desanime, não é muito fácil acabar com brigas e discussões de irmãos. Persevere! Apesar de ser uma tarefa árdua, terá bons resultados se houver perseverança em ensinar a maneira correta de resolver as coisas.

  • A educação dos filhos não é algo que possa ou deva ser delegado, é de responsabilidade dos pais e estes precisam ter atitudes que ajudem as crianças a viverem em um ambiente de paz e tranquilidade. Não há um manual com regras claras e específicas. Conhecer cada um dos filhos e usar de amor e bom senso parece a atitude mais sensata a se tomar na educação dos pequenos.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Renata Finholdt é formada na área de Recursos Humanos com enfâse em treinamentos.

Dicas de como agir quando os filhos brigam demais

"Brigas costumam acontecer assim: interpretações diferentes do mesmo acontecimento." . Veja algumas dicas para ajudar a melhorar a discórdia entre irmãos.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr