Coisas demais? Como organizar a bagunça

Ter organização em casa com espaços limpos e arrumados traz calma e alegria, além de tornar mais fácil encontrar as coisas. Há três ideias que formaram minha filosofia de organização.

11,730 views   |   21 shares
  • Eu tenho alegria em organizar minha casa. Ter espaços limpos e bem arrumados faz com que eu me sinta calma e feliz. Também torna mais fácil encontrar as coisas. Há três ideias que formaram minha filosofia de organização na minha casa. Mantê-las em mente me ajuda a eliminar a desordem e a resistir para não comprar coisas que não preciso.

  • Um lugar para cada coisa e cada coisa em seu lugar

  • Isso precisa fazer sentido para você. Se isso não acontecer, mude. Esteja disposta a reorganizar e embaralhar as coisas ao redor, se necessário. Você não tem que usar espaços conforme eles foram planejados. Transformei um armário de roupas de cama em um armário no andar de cima para materiais de jogos e um armário de cozinha não utilizado em uma loja de suprimentos para artesanato. Eu penso nos itens como se tivessem "casas" onde "vivem". Isso me ajuda a pensar em coisas que precisam ser armazenadas juntas e itens que precisam ser de fácil acesso para serem encontrados, porque são usados com frequência.

  • Os recipientes têm de ser mais do que bonitos. Eles devem ser funcionais. Há muitas opções, então meça o seu espaço ou faça um balanço de suas coisas e olhe para o tamanho certo da caixa ou recipiente. Você pode encontrar recipientes em muitas lojas. Eles podem ser muito baratos até bastante caros. Eu comprei vários itens de organização da Target e IKEA. Você pode encontrar itens para organização na Leroy Merlin.

  • Ajude a sua família a saber para onde as coisas irão. Tente não ser a única pessoa que poderá encontrar alguma coisa na casa, ou você vai sair constantemente encontrando coisas e guardando-as. Consiga recipientes de etiqueta ou código de cores, como caixas de brinquedo, para que as crianças possam ajudar a limpar.

  • A segunda lei da termodinâmica

  • Eu tive que rir quando eu percebi que poderia nesse caso aplicar a lei da entropia e da desordem. Mesmo que eu tenha certeza que não é o que os cientistas tinham em mente, ela funciona. A caixa de ferramentas de engenharia explica que a entropia do universo aumenta. Um aumento na desordem global é portanto espontânea. A entropia pode ser produzida, mas nunca destruída. As casas parecem aumentar espontaneamente em desordem também.

  • Advertisement
  • Mantenha-se na sua limpeza de modo que a desordem não possa ficar fora de controle. Eu gasto as manhãs de segunda pegando tudo depois do fim de semana, tento não ir para a cama com os pratos sujos na pia e adiciono tarefas de organização para a minha lista de coisas a fazer. Se o seu universo estiver se tornando mais desordenado, considere um sistema novo, livre-se de coisas, ou leve um dia para desatravancar.

  • Perceba que sua casa não vai ficar perfeitamente limpa, especialmente se você tiver mais de uma pessoa em casa. Aprenda a lidar com isso. Recentemente uma amiga me deu seu mantra sobre uma casa perfeita. Ela disse: "Se você vier me visitar, você é bem-vinda a qualquer momento. Se você vier para visitar a minha casa, me avise.”

  • Passe por toda a sua casa de forma metódica para desordenar e organizar. Tenha um saco de lixo, uma caixa para reciclagem e uma caixa de doação com você. Caso você não tenha usado alguma coisa no ano passado, considere se livrar dela. Faça uma lista de espaços para organizar. Pequenos espaços (como uma gaveta ou armário) não demoram muito. Torne essa tarefa divertida, ouvindo música ou um podcast e desfrutando de um lanche ou bebida. Se você desatravancar espaço pelo menos duas vezes por ano, o tempo que você gasta ficará cada vez mais curto. Faça com que seus filhos ajudem a classificar brinquedos, roupas e lembranças em seus próprios quartos.

  • Use, descarte, torne utilizável ou se desfaça

  • Combata a desordem trazendo menos tranqueiras para dentro de sua casa. Você realmente precisa da coisa que quer comprar? Você tem coisas que ninguém usa ou olha? Pergunte a si mesma: Eu tenho espaço para isso? Existe um lugar onde isso possa "viver?" Eu me desfiz de muitas coisas dessa maneira.

  • Tente não ficar ligada nas coisas. O entesouramento pode ser um problema grave para algumas pessoas. Mantenha umas poucas lembranças do que seja importante para você e encontre um meio de organizá-las também. Eu tenho embaixo da cama uma caixa de armazenamento para cada criança. Elas podem guardar trabalhos de escola e certificados, mas apenas o que se encaixar na caixa. Algumas lembranças perdem sua importância à medida que o tempo passa. Classifique suas coisas de tempos em tempos e veja o que você pode fazer para ficar sem elas.

  • Sirva o próximo repassando itens que você não precisa mais. Muitas pessoas têm vendas anuais de quintal para se livrar de coisas que não usam mais. Várias instituições de caridade aceitam itens em bom estado. Procure um Mercatudo em sua área. Eu gosto de passar adiante roupas infantis para amigos e familiares.

  • Advertisement
  • Livre sua casa da desorganização em excesso e as coisas farão você se sentir bem por dentro e por fora. Mantenha essas três ideias em mente para enfrentar a entropia em sua própria casa.

  • Traduzido e adaptado por Ana Maria Castellano do original Too much stuff? How to can the clutter, de Amy Peterson.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Clique abaixo para compartilhar

Amy M. Peterson, a former high school English teacher, currently lives in Oregon with her husband and four children. She spends her days writing, reading, exercising and trying to get her family to eat more vegetables.

Coisas demais? Como organizar a bagunça

Ter organização em casa com espaços limpos e arrumados traz calma e alegria, além de tornar mais fácil encontrar as coisas. Há três ideias que formaram minha filosofia de organização.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr