Como balancear amor e paixão

Amor e paixão são sentimentos diferentes, mas o casal aumenta a satisfação no convívio balanceando-os.

4,698 views   |   14 shares
  • O dicionário Michaelis define paixão como: "Movimento impetuoso da alma para o bem ou para o mal" e amor como: "Afeição, grande amizade, ligação espiritual". Embora comumente as pessoas confundam esses sentimentos, só pelo significado já podemos avaliar o quanto são diferentes, a paixão tem mais a ver com emoções e o amor é propriamente um sentimento.

  • A paixão é o impulso para o amor

  • Neste site em um artigo intitulado "A diferença entre paixão e amor" traz uma reflexão interessante: "Paixão, mesmo avassaladora, quando sã é sinônimo de potência – força para fazer nascer o amor... E assim, amadurece. Ganha forma e força. Rompe os obstáculos, cresce e floresce. Torna-se amor". A paixão é o primeiro momento que provoca a atração entre duas pessoas e o desejo intenso de estar junto. A paixão cumpre seu papel de aproximar dois seres, pode até durar um período mais ou menos longo, todavia nunca é perene.

  • O amor é o amadurecimento da paixão

  • Diferente do ideal romântico do eterno êxtase entre os amantes, o amor é sinônimo de calma e aconchego íntimo. O amor desenvolve-se junto com outros sentimentos como amizade e o companheirismo. O verdadeiro amor vai muito além das aparências, até mesmo do desejo sexual, embora sejam componentes importantes; o amor vê o físico, mas especialmente o interior. A pessoa ama pelo que o outro é, pela sua maneira de ser, pelos comportamentos que expressa na vida. O amor compreende, edifica e enobrece quem o possui, independente de ser correspondido, embora só encontre satisfação na troca. Amor maduro é sentimento pleno, quando verdadeiro é duradouro, mesmo que sofra transformações no decorrer da vida e dos acontecimentos.

  • Paixão intermitente

  • William Shakespeare escreveu: "Há certas horas, que só queremos a mão no ombro, o abraço apertado ou mesmo o estar ali, quietinho, ao lado, sem nada dizer..." Nesses momentos é que desejamos amar e ser amados, ter alguém que nos acolha e sentir esse aconchego. Longe de ser uma emoção fulminante e avassaladora, o amor é um sentimento tranquilo e reconfortante. Entretanto, é preciso que se leve em conta a personalidade de cada um, e um pouco de romantismo sempre revigora a relação. Com o tempo é comum que os cônjuges se acomodem em rotinas que podem desgastar o relacionamento, mesmo quando existe amor. É importante cuidar do relacionamento com carinho e dedicação, assim cultivar o amor é também permitir que a paixão se manifeste de quando em quando.

  • Advertisement
  • Balancear amor e paixão

  • O ser humano é essencialmente inconstante e, portanto, não há como manter um relacionamento sadio sem que um compreenda as mudanças nas necessidades do outro. Isso também se refere às rotinas que precisam ser revistas periodicamente para condizer com a vontade de ambos, afinal o que foi bom um dia, pode não ser no outro. Bom lembrar que um relacionamento feliz não acontece por acaso, é fruto de muita dedicação.

  • Assim, viver o amor em sua intensidade é muito bom, mas apaixonar-se novamente pela mesma pessoa de tempo em tempo é muito melhor.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: https://www.youtube.com/user/SuelyBuriasco

Como balancear amor e paixão

Amor e paixão são sentimentos diferentes, mas o casal aumenta a satisfação no convívio balanceando-os.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr