O bom tempo do noivado: Vantagens e preparação

Veja as vantagens de preparar-se adequadamente para o casamento através do noivado.

16,990 views   |   36 shares
  • O casamento não deve ser baseado em um relacionamento relâmpago e impulsivo. Para ter-se um relacionamento de sucesso, é preciso viver uma etapa de cada vez: o namoro, o noivado e o casamento.

  • O namoro é um período maravilhoso da vida. É quando um casal, que nutre sentimentos especiais um pelo outro, decide ficar junto porque acredita que o relacionamento possa dar certo.

  • É no namoro que o rapaz e a moça começam a expressar seus sentimentos através do romantismo e da delicadeza. É quando passam a se conhecer melhor, a entender melhor os sentimentos um do outro, a aprender a lidar com o temperamento e circunstâncias diversas que envolvem o próprio casal e suas famílias.

  • Quando o namoro se fortalece e o casal percebe que encontrou a pessoa com quem quer conviver para sempre, outro passo importante é dado: o noivado.

  • O noivado é e deve ser tratado como uma época especial. É durante esse período que o casal prepara-se seriamente para o casamento.

  • Quais as vantagens do noivado?

    • O noivado é uma declaração pública de que o casal assumiu o compromisso de ficar junto.

    • Uma aliança no dedo pode evitar situações constrangedoras, como flertes ou investidas por parte de uma terceira pessoa.

    • É um tempo especial de preparação do casal, em que ambos podem sentar e discutir livremente sobre seus sonhos, desejos e expectativas em relação ao futuro.

  • Que tipo de preparação deve se fazer durante o noivado?

  • 1. Preparação espiritual

  • Se o casal for se casar na igreja, na sinagoga, na mesquita ou no Templo, ele precisa estar apto e digno para fazer convênios sagrados diante do altar. Precisa estar cumprindo os mandamentos e os requisitos necessários, conforme estipulado por sua religião.

  • 2. Ler livros juntos

  • Livros que os ajudarão a compreender melhor a vida de casado, as responsabilidades assumidas com o casamento, a criação de filhos, administração financeira, etc.

  • 3. Esclarecer suas dúvidas sobre intimidade conjugal

  • Como defendemos as relações sexuais somente entre pessoas casadas, é esperado que um casal aguarde até o casamento para descobrir a intimidade um do outro. Ainda assim, eles poderão conversar com seus pais, ou outros adultos responsáveis, sobre algumas dúvidas que têm sobre esse momento tão lindo e sagrado.

  • 4. Fazer cursos específicos

  • Algumas religiões oferecem cursos para solteiros ou noivos que pretendem entender melhor ou assumir as responsabilidades inerentes ao casamento.

  • Advertisement
  • 5. Chegar a um acordo sobre quantos filhos ter

  • 6. Definir bem os papéis do marido e da mulher

  • Decisões sobre os papéis de cada um dentro do lar.

  • 7. Definir as regras que irão vigorar em seu lar

  • 8. Fazer metas espirituais para o casal e sua futura família

  • 9. Metas temporais

  • Relativas aos estudos, trabalho, crescimento pessoal e familiar.

  • 10. Planejamento financeiro a curto prazo

  • Deve-se fazer um levantamento de todas as despesas imediatas do casamento, como festa, lua de mel, aluguel e despesas iniciais. É decidido com quanto cada um poderá contribuir para essas despesas e para uma reserva que cobrirá os gastos nos primeiros meses do casal.

  • 11. Planejamento financeiro a médio prazo

  • É extremamente necessário elaborar um orçamento, para depois do casamento, que deve conter a renda total do casal e todos os itens que compõem o seu custo de vida.

  • 12. Planejamento financeiro a longo prazo

  • O planejamento financeiro é um quesito que deve ter um grande peso na preparação do casal

  • São definidos percentuais sobre a renda que poderão ser economizados para o futuro; o quanto precisarão ganhar para financiar uma casa, carro e instrução formal. Levando em consideração que grande parte, senão a maioria, dos divórcios é causada por problemas de origem financeira, o planejamento financeiro é um quesito que deve ter um grande peso na preparação do casal.

  • 13. Preparação para emergências

  • O casal precisa pensar em tudo, inclusive em desemprego, doenças ou outras situações adversas que poderão enfrentar. Para isso, além da reserva financeira, poderão traçar metas como armazenar alimentos, plantar uma horta e fazer um seguro de vida.

  • O noivado não é uma tradição fora de moda ou antiquada. É um período lindo e bastante proveitoso. É um momento especial em que as "cartas são postas sobre a mesa" e o casal decide que tipo de vida pretende ter depois de casado.

  • Advertisement
  • Esse é um tempo de preparação necessário, pois evita surpresas desagradáveis e atitudes egoístas, ou outras que vão de encontro às metas comuns do casal, que poderiam atrapalhar o crescimento e a felicidade conjugal.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe o resultado com seus amigos...

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.

Website: http://erikastrassburger.blogspot.com.br/

O bom tempo do noivado: Vantagens e preparação

Veja as vantagens de preparar-se adequadamente para o casamento através do noivado.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr