3 dicas para sobreviver as festas de fim de ano depois de um divórcio

Cuide da sua alma e do seu coração, foque na época e receba a alegria do Natal novamente em sua vida.

2,057 views   |   3 shares
  • Um processo de divórcio é sempre doloroso e carregado de sofrimento para todas as partes envolvidas. Muitos sentimentos advêm desse processo, em sua maioria negativos, como baixa autoestima, tristeza, autodepreciação, desesperança, abandono e fracasso.

  • Superar tais sentimentos representa uma tarefa difícil e complicada, porém, a não superação pode culminar em depressão.

  • Se um dos cônjuges não queria o divórcio, a situação se complica mais ainda e a superação irá exigir mais tempo e esforço por parte dessa pessoa.

  • Óbvio que ninguém se casa pensando em se separar um dia. Quando nos casamos temos a certeza de que será para a vida toda, porém muitas coisas acontecem no meio do caminho e muitos casais optam pela separação como a melhor solução. E de fato, em alguns casos não há outra saída.

  • Porém, toda escolha traz consigo renúncias e consequências que devem ser bem pensadas e examinadas antes que se tomar uma decisão tão importante quanto esta. Quando tomada a decisão o melhor é erguer a cabeça e seguir em frente.

  • Muitas situações difíceis de superar podem se apresentar após um divórcio, como por exemplo, o Natal.

  • A festa de Natal geralmente representa a união de familiares, alegria, amor e esperança, e a pessoa que se divorciou recentemente pode sentir-se triste e insegura de enfrentar essa situação por conta das lembranças que podem surgir.

  • Todavia, enfrentar essa situação representará um passo muito grande rumo à superação e a reconstrução de sua vida. Não será fácil, porém, será fundamental para a pessoa seguir com sua vida.

  • Algumas dicas podem ajudar:

    1. Não lhe infrinja dor desnecessária, algumas pessoas tendem a ficar remoendo lembranças muito doloridas e isso não é bom. Então, evite ficar olhando fotos antigas e vídeos. Quando a ferida estiver cicatrizada você será capaz de ver fotos e vídeos, mas no início será prejudicial e contribuirá para aumentar a tristeza.

    2. Cogite a ideia de fazer algo totalmente diferente, algo que você nunca fez antes, como por exemplo, viajar para um local diferente ou mesmo passar essa data comemorativa com pessoas diferentes. Mudar os ares pode ser bastante saudável nesse processo de superação de uma separação.

    3. Invista em si mesmo! Uma transformação na aparência física pode renovar os ânimos e nos dar um vislumbre de esperança. Renove-se e se valorize, tenha em mente que sua felicidade depende apenas de você.

  • Pode ser que passar o primeiro Natal após um divórcio seja algo muito doloroso e difícil, mesmo seguindo essas dicas. Não seja demasiadamente rigoroso consigo mesmo, se permita sentir tristeza, mas não se entregue, aproveite e faça desse evento um marco em sua vida que signifique um novo recomeço, um renascimento para uma vida de plena felicidade.

  • Advertisement
  • Lembre-se, nós somos os responsáveis por alimentar nossos sentimentos sejam eles positivos ou negativos.

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Clique abaixo para compartilhar

Taís Bonilha da Silva, estudante de Psicologia, atua na área da Saúde Mental. Participa do Programa de Monitoria na Universidade na disciplina de Análise do Comportamento. Esposa e mãe de 2 filhos.

3 dicas para sobreviver as festas de fim de ano depois de um divórcio

Cuide da sua alma e do seu coração, foque na época e receba a alegria do Natal novamente em sua vida.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr