4 razões para perdoar e fazer as pazes após um erro do cônjuge

Enxergar as decepções sob a ótica da compreensão e do entendimento é o início do próprio amadurecimento emocional.

15,753 views   |   16 shares
  • Escuto pessoas dizerem que para não sofrer decepção o melhor é não ter expectativas. Fico pensando em como pode ser difícil conviver com os outros sem esperar sempre o melhor deles. E se essa pessoa for seu cônjuge, então me parece improvável, porque a admiração é elemento básico numa relação e como admirar alguém e, ao mesmo tempo, não esperar nada dele?

  • O fato é que as decepções fazem parte da vida e é preciso desenvolver a habilidade necessária para conseguir lidar com as próprias emoções. Para superar as decepções e livrar-se dos sofrimentos causados por elas é que a pessoa inicia o trabalho do próprio amadurecimento emocional e nesse processo o perdão é fundamental.

  • Para não permitir que as decepções causadas pelo cônjuge venham desestruturar a união de vocês, vale analisar:

  • 1. Você esperava mais

  • Nesse caso você precisa definir se o problema não é realmente o excesso de expectativa. Pense:

    • É importante esperar sempre o melhor das pessoas, desde que levemos em consideração as possibilidades delas.

    • Também é preciso observar que até certo ponto é normal que, com o tempo, as pessoas percam o encantamento do processo da conquista.

    • E então conclua se seu cônjuge não é como você imaginava que fosse, ou apenas não possui todas as características ideais para você.

  • 2. Valorize a realidade

  • Olhar o cônjuge com seus defeitos e qualidades requer amadurecimento de cada um e consequentemente da relação. Pense:

    • Não existem pessoas totalmente ideais, até porque o ideal pertence ao pensamento e não à realidade.

    • Ao valorizar a pessoa como ela é nos abrimos à possibilidade de reconhecermos qualidades que não havíamos percebido.

    • A pessoa que se sente valorizada tende a esforçar-se mais em adquirir e ampliar qualidades.

  • 3. Dê ênfase ao que lhe causa admiração

  • Procure considerar as qualidades de seu cônjuge, dando maior ênfase à elas até mesmo em seu pensamento.

    • Não permita que a decepção ofusque tudo o que seu cônjuge já fez de bom e que foi importante para você.

    • Troque um pensamento de mágoa, por um de admiração. Use de grande sinceridade nisso.

    • Já que não tem como esquecer a frustração, ao menos não a valorize tanto e procure pensamentos mais sadios.

  • 4. Implante o perdão na vida a dois

  • Basicamente o perdão deve ser cultivado porque todo ser humano precisa dele. Pense:

  • Advertisement
    • Ao provocar decepção em alguém como você, gostaria que essa pessoa reagisse? Lembre-se que todos somos falíveis.

    • Quando você perdoa, dá a si mesmo, em primeiro lugar, nova oportunidade de confiar e seguir adiante.

    • Perdoando você se afasta da indignação e encontra a paz.

  • Perdoar as decepções provocadas pelo cônjuge é encontrar amadurecimento emocional, aprendendo a reger a própria vida. Segundo a matéria Fale com a psicóloga, "Perdão é reduzir o ressentimento e aumentar a benevolência e compreensão aos que foram injustos. Da compreensão faz parte ver a outra pessoa como um todo, sem defini-la apenas por suas ações".

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Compartilhe com seus amigos!

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.

Website: https://www.youtube.com/user/SuelyBuriasco

4 razões para perdoar e fazer as pazes após um erro do cônjuge

Enxergar as decepções sob a ótica da compreensão e do entendimento é o início do próprio amadurecimento emocional.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr