Amor: sentimento básico no casamento

Se há algum segredo em ter um casamento regado de amor, está em não guardar segredo, mas compartilhar e ser grato pelo o que se tem e buscar juntos o que faltar.

3,470 views   |   6 shares
  • Quando um rapaz e uma garota se conhecem, o que a princípio lhes chama a atenção um do outro pode ser a beleza, o jeito de ser, a maneira como fala ou pensa, as músicas, livros, filmes que gosta. Neste primeiro momento vão identificar muitas semelhanças entre si.

  • Aos poucos o casal vai se conhecendo melhor e algo vai acontecendo, que alguns dizem ser um apego, uma necessidade de estarem juntos, de conversar e trocar ideias. Na verdade não se sabe exatamente o porquê, mas estão constantemente um na mente do outro. O coração bate forte quando se encontram e começam a desenvolver uma necessidade de estarem juntos. Este sentimento é conhecido como paixão.

  • Diferença entre paixão e amor

  • Segundo o dicionário, paixão “é uma emoção quase patológica, quando a pessoa acometida de paixão perde sua individualidade pelo fascínio que o outro exerce sobre ele”. Paixão é um sentimento que às vezes causa dor, sofrimento e anulação de si pelo que sente pelo outro.

  • Já sobre o amor, diz: “é o nível de grau de responsabilidade, utilidade e prazer com que lidamos com as coisas e pessoas que conhecemos (...) o conceito mais popular da palavra amor envolve, de modo geral, a formação de vínculo emocional com alguém”.

  • Será que só a paixão é suficiente para ter um casamento bem-sucedido? Pela definição das palavras que representam o que acontece com duas pessoas quando são atraídas uma pela outra, paixão e amor, podemos dizer que um relacionamento saudável e duradouro começa pela paixão, mas deve culminar no amor, que sempre fará com que a paixão volte quando necessário.

  • Como alimentar o amor no casamento?

  • Como uma planta requer cuidados e atenção o mesmo acontece com o amor no casamento. Se colocar muita água a planta se afoga, se deixar de regar ela seca. O ideal é definir a dosagem de cada elemento que alimentará o amor. O amor se alimenta de pequenos detalhes e pequenos gestos. Não há a necessidade de grandes declarações ou eventos para mostrar o quanto se ama o cônjuge. Vamos sugerir alguns dos detalhes para nutrir o amor:

  • Paciência, tolerância

  • – Isso significa que sei que o outro não é perfeito, que o outro não é exatamente como eu sou e que apesar de nossas diferenças posso amá-lo. Com isso não haverá violência de nenhum tipo, só compreensão.

  • Advertisement
  • Comprometimento

  • – Quer dizer que um está disposto a envolver-se com as necessidades do outro a ponto de doarem-se integralmente, principalmente nos momentos mais difíceis. É dar toda a atenção ao relacionamento.

  • Respeito

    • Apesar de todo o envolvimento que o comprometimento promove, o respeito nos diz que devemos tomar cuidado para não magoar o outro, ultrapassando sua capacidade de suportar alguma ação que seja significativa para ele.
  • Fidelidade

  • – É o mesmo que honestidade. Ser fiel é ser verdadeiro, é colocar o respeito a quem se ama à frente do próprio desejo. Fidelidade é um dos detalhes que mais irá fazer a diferença para nutrir o amor por promover confiança e cumplicidade. O mais importante sobre este detalhe é que decidir ser fiel é uma escolha que não deve depender do outro.

  • Muitos outros detalhes poderiam ser acrescentados aqui, mas acredito que esses quatro são a base de um alicerce sólido que fará com que o casal esteja atento ao menor sinal de dificuldade. Isso é tão importante quanto nutrir o amor, pois assim como as plantas, mesmo as mais saudáveis e bem cuidadas podem sofrer com o ataque de forças externas como insetos ou intempéries da natureza.

  • Ações preventivas em caso de crise

    • Não feche os olhos para os pequenos sinais de crise.

    • Cobre menos e sirva mais.

    • Use a criatividade quando perceber a rotina negativa se aproximando.

    • Invista sempre na autoestima.

    • Não exagere nos mimos que oferece ou que espera.

    • Não faça comparações ou críticas sobre seu cônjuge aos amigos e familiares.

    • Surpreenda seu amor.

  • Não há nada que possamos colher se não estivermos dispostos a plantar e cuidar até que a semente dê frutos. Carlos Drummond de Andrade em seu livro “Amar se aprende amando” nos dá um exemplo de amor quando diz: "Gostaria de te desejar tantas coisas. Mas nada seria suficiente. Então desejo apenas que você tenha muitos desejos. Desejos grandes, e que eles possam te mover a cada minuto, ao rumo da sua felicidade!".

  • Já o escritor e romancista brasileiro Machado de Assis completa dizendo: “O melhor modo de viver em paz é nutrir o amor-próprio dos outros com pedaços do nosso”.

  • Se há algum segredo em ter um casamento regado de amor, está em não guardar segredo, mas compartilhar e ser grato pelo o que se tem e buscar juntos o que faltar.

  • Advertisement

Quer histórias inspiradoras e edificantes na sua caixa de entrada?

Leia o artigo, viva os ensinamentos e compartilhe!

Graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. Casada mãe de 6 filhos, avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitu

Amor: sentimento básico no casamento

Se há algum segredo em ter um casamento regado de amor, está em não guardar segredo, mas compartilhar e ser grato pelo o que se tem e buscar juntos o que faltar.
Advertisement
Compartilhe conosco sua opinião
 

Agradecemos você ter se inscrito em nossa lista de e-mails. Por favor, aproveite os últimos artigos.

tumblr